Pacotes de batatas fritas: o novo equipamento dos espiões

MIT

Um simples pacote de batata frita pode ser o novo gadget de James Bond

Um simples pacote de batata frita pode ser o novo gadget de James Bond

Investigadores do MIT (Instituto de Tecnologia do Massachusetts), da Microsoft e Adobe desenvolveram um algoritmo que pode reconstruir um sinal de áudio analisando apenas as minúsculas vibrações de objectos simples a reagir a sons, gravadas em vídeo.

Cada vez que um som é emitido, as ondas acústicas fazem com que os objectos à sua volta registem pequenas vibrações, invisíveis a olho nu.

“Quando o som atinge um objecto, faz com que o objecto vibre. O movimento desta vibração cria um sinal visual muito subtil que, geralmente, é invisível a olho nu. As pessoas não percebem que há informação no objecto”, diz Abe Davis, um dos investigadores envolvidos no estudo, à BBC.

Numa das experiências, os cientistas conseguiram obter sons compreensíveis, claros, a partir das vibrações lidas num saco de batatas fritas fotografado a pouco mais de 4,5 metros de distância e através de um vidro à prova de som.

A tecnologia pode ser aplicada no mundo da espionagem, transformando vídeos de objectos a vibrar em portadores de mensagens secretas que poderão ser decifradas apenas por quem tenha o software adequado.

Outros objectos

Em outras experiências, os cientistas conseguiram extrair sinais de áudio a partir de vídeos de papel de alumínio, da superfície de um copo de água e até das folhas de uma planta num vaso.

Os investigadores tocaram a música infantil popular Mary Had a Little Lamb numa sala onde estava uma planta num vaso.

A partir de um vídeo da planta,  conseguiram reconstruir o som da música.

No caso da experiência com o saco de batatas fritas, a equipa conseguiu recriar uma voz humana a partir de um vídeo, filmado através de uma parede de vidro à prova de som.

A tecnologia usada nestas experiências é parecida com a dos microfones a laser, usados pelos espiões para ouvir conversas medindo as vibrações em superfícies reflexivas.

Mas em vez de usar equipamento caro e altamente especializado, os investigadores do MIT conseguiram transformar qualquer tipo de objecto em microfones.

Janelas cobertas

Os cientistas conseguiram criar um método para extrair, com um algoritmo, a informação necessária de gravações de vídeo feitas até com câmaras digitais simples.

Além das aplicações no sector de espionagem, Abe Davis afirma que quer investigar se o novo método pode revelar informações sobre a estrutura interna dos objectos.

“Podemos conseguir informações não apenas sobre os sons emitidos perto dos objectos, mas também sobre os próprios objectos, porque cada um responderá ao áudio de uma maneira diferente”, afirmou.

Alexei Efros, professor de engenharia da Universidade da Califórnia, em Berkeley, diz que o trabalho dos cientistas do MIT é inovador.

“Às vezes vemos filmes como os de James Bond e pensamos que são truques de Hollywood. Mas, de repente, já é uma realidade que parece saída de um filme. O assassino que cometeu um crime pode ser denunciado pelas vibrações de um pacote de batatas fritas”, diz Efros ao jornal britânico The Guardian.

Alguns especialistas em espionagem conseguem antecipar outras implicações e destacam que no futuro poderá ser crucial, durante uma conversa importante, ter a certeza de que todas as janelas estão tapadas.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Renault constitui-se assistente em processo contra Carlos Ghosn para "fazer valer os seus direitos"

A fabricante automóvel Renault anunciou na segunda-feira que se constituiu assistente no processo de investigação do seu antigo presidente Carlos Ghosn por abusos de bens sociais e branqueamento. Segundo noticiou a agência Lusa, em comunicado, citado …

Agentes do ex-Benfica Luka Jovic são suspeitos de branqueamento de capitais

Os agentes do antigo jogador do SL Benfica Luka Jovic, Fali Ramadani e Nikola Damjanac, são suspeitos de terem branqueado mais de 10 milhões de euros em Espanha. Os empresários Fali Ramadani e Nikola Damjanac, da …

Túmulos reais do Taj Mahal limpos pela primeira vez em 300 anos para receber Trump

Os túmulos reais do Taj Mahal foram limpos pela primeira vez em 300 anos como parte da preparação da visita do Presidente norte-americano, Donald Trump, à Índia, escreve o portal Newsweek citando média locais. Donald …

Microsoft revela novos detalhes da Xbox Series X

A Microsoft revelou novos detalhes da Xbox Series X, a principal corrente à Playstation 5 e à Nintendo Switch. A consola vai ser equipada com "12 Teraflops" e memória interna SSD. A Microsoft quer apostar forte …

OMS sobre Covid-19: O mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia

O especialista que liderou a equipa da Organização Mundial de Saúde (OMS) enviada à China disse hoje que o mundo "simplesmente não está pronto" para enfrentar a epidemia do novo coronavírus. Bruce Aylward, médico canadiano especialista …

Um quinto das florestas australianas arderam devido a seca extrema

Os incêndios recentes "sem precedentes" que destruíram um quinto das florestas australianas estão ligados a uma seca de vários anos, devido às alterações climáticas, segundo um estudo publicado na segunda-feira. Os climatólogos estão, atualmente, a estudar …

Auditorias aos estádios da I Liga devido a casos de racismo começam amanhã

As auditorias aos estádios onde se realizam jogos da I Liga de futebol, motivadas pelos recentes atos de violência e racismo, vão decorrer até março, diz o Ministério da Administração Interna. As auditorias à segurança dos …

Liverpool já tem tantas vitórias como o invencível Arsenal de Wenger

O Liverpool operou esta segunda-feira a reviravolta sobre o West Ham (3-2) e evitou a primeira derrota na Liga inglesa de futebol, repondo a vantagem de 22 pontos para o Manchester City, no jogo que …

Lenine Cunha campeão de triplo e pentatlo em atletismo adaptado

O atleta paralímpico português Lenine Cunha sagrou-se, esta terça-feira, campeão mundial de triplo-salto e pentatlo, em Torun, na Polónia. Ana Filipe venceu a prova de triplo-salto no feminino. Lenine Cunha venceu a medalha de ouro, esta …

Kroos: Não foi fácil "adaptar-nos à falta de 40 ou 50 golos" de Ronaldo

Toni Kroos assumiu que foi difícil para o Real Madrid superar a saída de Cristiano Ronaldo. O alemão realçou a falta dos 40 ou 50 golos marcados pelo português fizeram-se sentir. Em entrevista ao The Athletic, …