Os Verdes pedem a Marcelo que se envolva na questão de Almaraz

António José / Lusa

Heloísa Apolónia, deputada do Partido Ecologista Os Verdes (PEV)

Heloísa Apolónia, deputada do Partido Ecologista Os Verdes (PEV)

A deputada do partido ecologista “Os Verdes” (PEV) Heloísa Apolónia apelou esta segunda-feira ao Presidente da República para que se envolva “ativamente” na questão da central nuclear espanhola de Almaraz e defendeu o encerramento daquela estrutura em 2020.

“Entendemos que agora é preciso exercer uma diplomacia muito mais ativa e assertiva e, nesse sentido, temos solicitado que essa pressão [sobre Almaraz] não seja feita apenas pelo ministro do Ambiente, mas também pelo ministro dos Negócios Estrangeiros e primeiro-ministro. E o apelo que fazemos também é que o Presidente da República se envolva ativamente nesta questão”, defendeu.

O PEV realiza entre hoje e terça-feira as suas jornadas parlamentares nos distritos de Castelo Branco e Portalegre dedicadas, entre outros temas, aos riscos decorrentes da central nuclear espanhola de Almaraz.

Heloísa Apolónia sublinhou, em conferência de imprensa, que o Governo português “atrasou-se muito” relativamente ao exercício de uma “pressão ativa” sobre o executivo espanhol, designadamente para se fazer ouvir no processo de participação de avaliação de impacto ambiental da construção do armazém de resíduos nucleares que irá servir o funcionamento da central de Almaraz.

“Neste momento e fruto também desse atraso e do desrespeito, também é preciso dizê-lo, que Espanha manifestou claramente por Portugal, entendemos que agora é preciso exercer uma diplomacia muito mais ativa e assertiva“, frisou.

A deputada explicou ainda que o PEV escolheu para as suas jornadas parlamentares a matéria da central nuclear de Almaraz devido aos riscos e ameaças que comporta para todo o território nacional, mas, particularmente, para os distritos de Castelo Branco e de Portalegre.

“Estamos aqui num duplo sentido: trazer a nossa mensagem à população e às instituições, a nossa preocupação e as propostas que temos e da necessidade que existe de congregar vozes no sentido de fazer pressão para que seja encerrada a central”, disse.

Heloísa Apolónia realçou o facto de a central de Almaraz já ter expirado o prazo para o seu período normal de funcionamento e adiantou que, ainda assim, o Governo espanhol decidiu prolongar o seu funcionamento até 2020.

“Como a licença está dada até 2020, o que ‘Os Verdes’ dizem é que para lá do ano de 2020 nem pensar, é isso que Portugal tem que dizer de uma forma muito ativa e julgamos que é essa a voz ativa”, sustentou.

Adiantou ainda que a queixa que o Governo português apresentou em Bruxelas é importante neste processo e tinha mesmo que ser feita, “dada a violação descarada” de Espanha em relação a diretivas europeias e, neste caso, de impacto ambiental de uma estrutura que tem efeitos claros ao nível transfronteiriço.

“Agora o que sabemos é que a queixa vai demorar tempo a ser apreciada, pelo menos três meses. O que dissemos já ao ministro do Ambiente é que não podemos ficar três meses de braços cruzados à espera que alguém decida por nós”, concluiu.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Uma cidade chamada "amianto" está a tentar mudar o nome (e a discussão tornou-se tóxica)

Há uma cidade no Canadá chamada Asbesto - um material de construção altamente tóxico. Os habitantes da cidade não estão felizes com este nome, mas a sua mudança também não está a ser fácil. De acordo …

FC Porto 3-1 Braga | Entrada de “dragão”

O FC Porto iniciou a defesa do título nacional com uma vitória importante sobre o Sporting de Braga por 3-1. Os minhotos marcaram primeiro no Dragão, por um ex-portista, mas os descontos do primeiro tempo foram …

Barco navega em forma de coração para agradecer aos habitantes da Nova Escócia

A escuna Bluenose II navegou de forma bastante original no último dia da temporada de 2020. A rota seguida criou a forma de um coração no porto de Lunenburg, na Nova Escócia. De acordo com o …

França bate recorde com 13.498 novos casos. Espanha não vai confinar

A França registou este sábado um recorde diário de casos de covid-19, com 13.498 novos infetados nas últimas 24 horas, anunciou a Agência Nacional de Saúde, acrescentando que, no mesmo período, morreram mais 26 pessoas. No …

Diogo Jota no Liverpool

O Liverpool oficializou hoje a contratação do futebolista internacional Diogo Jota, de 23 anos, num contrato “de longa duração”, sem especificar a duração. A imprensa inglesa tem adiantado que o jogador vai assinar por cinco épocas, …

Companhia aérea australiana oferece voos de 7 horas (para lugar nenhum)

A companhia aérea australiana Qantas anunciou recentemente planos para um voo panorâmico de sete horas que fará um loop gigante em Queensland e Gold Coast, New South Wales e os remotos centros do interior do …

Barack Obama vai publicar um livro de memórias (mas só depois da eleições de novembro)

O livro de memórias do antigo Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, só vai ser publicado depois das eleições presidenciais de novembro. Uma enxurrada de livros políticos chegou às prateleiras nas últimas semanas, no final da …

Confrontos em Londres entre polícia e opositores das restrições devido à pandemia

A polícia de Londres, Inglaterra, entrou hoje em confronto com manifestantes que protestavam contra as restrições que visam conter a disseminação do novo coronavírus. De acordo com a agência Associated Press (AP), os confrontos ocorreram quando …

Milhares infetados por bactéria após fuga em fábrica farmacêutica chinesa

Milhares de pessoas no noroeste da China contraíram uma doença bacteriana depois de uma fuga que causou um surto numa biofarmacêutica no ano passado. De acordo com a CNN, que cita relatos dos media locais, mais …

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …