Na Suécia, há quem tenha “vergonha” de andar de avião

Jetstar / Flickr

Viajar de avião ou usar outro meio de transporte? Para muitos, essa pergunta vem de um dilema ético, de pessoas preocupadas com o impacto da aviação nas mudanças climáticas.

Nenhum país, contudo, levou esse dilema tão a sério como a Suécia, onde a expressão “flygskam” – “vergonha de voar” – se espalhou e se refere a um movimento, cada vez maior, que apela aos passageiros que procurem meios alternativos de transporte para reduzir emissões de carbono.

À medida que o movimento se populariza, outros termos têm-se popularizado. Os suecos já falam de “tagskryt” – “orgulho de andar de comboio”. Acompanhada de uma hashtag, “tagskryt” tem sido usada nas redes sociais por aqueles que viajam de comboio e querem incentivar outras pessoas a fazer o mesmo.

Existe ainda um novo termo para os que voam, mas preferem esconder isso: “smygflyga”, que significa “voar em segredo”.

A emissão de dióxido de carbono por quilometro de um comboio é de 14 gramas por passageiro, em comparação às 285 gramas emitidos numa viagem de avião. Os cálculos são da Agência Ambiental Europeia, que considera um comboio com 150 passageiros e um avião com 88.

Para aviões de maior porte, o nível de emissão pode chegar a 170 gramas por quilómetro por passageiro, de acordo com um estudo da universidade britânica London School of Economics. Um dos maiores problemas da aviação é que, além da emissão de CO2, há libertação de vapor de água e óxido nitroso, gás nocivo e de efeito estufa. Essas emissões em altitudes elevadas na atmosfera têm impacto maior devido a uma série de reações químicas.

Um dos primeiros suecos a impulsionar o movimento contra viagens de avião foi o medalhista olímpico dos Jogos de Inverno em Vancouver Bjorn Ferry, conhecido por viajar centenas de quilómetros de comboio para participar de eventos desportivos e recusar-se a voar devido às mudanças climáticas.

A ideia ganhou mais adeptos quando Malena Ernman, uma das mais famosas cantoras de ópera da Suécia, declarou publicamente a intenção de nunca mais voltar a voar. A decisão afetou significativamente os seus compromissos artísticos. Mas outras celebridades apoiaram a cantora e aderiram ao movimento.

Malena é mãe de Greta Thunberg, uma ativista adolescente que ficou conhecida por fazer uma viagem pela Europa de comboio em campanha em defesa do clima. A jovem recusou-se a voar e foi de trem ao Fórum Económico Mundial em Davos.

O movimento tem um impacto importante na Suécia, onde está a aumentar o uso do comboio e a diminuir o número de voos. Rickard Gustafson, chefe da companhia aérea sueca SAS, disse a um jornal norueguês estar convencido de que o movimento flygskam estava por trás da queda de 5% no tráfego aéreo da Suécia no primeiro trimestre de 2019. Por sua vez, a companhia ferroviária sueca SJ anunciou um número recorde de passageiros devido ao que descreve como “a preferência em viajar de forma inteligente pelo clima”.

Alguns comentaristas assinalam que a queda no número de voos na Suécia se deve também o impacto da onda de calor no verão de 2018, que gerou mais consciência na população sobe as mudanças climáticas. Em Estocolmo, onde a temperatura é registada mensalmente desde 1756, julho de 2018 foi considerado o mais quente da história. No resto do país, o calor provocou incêndios florestais que se estenderam até ao círculo ártico.

O movimento flygskam gera preocupação na indústria da aviação e foi um dos temas de um encontro de três dias em junho de 2019 na Coreia do Sul. “Se não oferecermos uma resposta, esse sentimento vai crescer e espalhar-se”, assinalou Alexandre de Juniac, presidente da Associação Internacional de Transporte Aéreo, segundo a agência Reuters.

Estima-se que os voos comerciais respondam aproximadamente por 2,5% das emissões globais de carbono e a expetativa é que essa percentagem deva aumentar consideravelmente devido à expansão de aeroportos e dos voos baratos.

A indústria da aviação anunciou planos para desenvolver motores menos poluentes e baixar as emissões, para que em 2050 sejam a metade das emissões de 2002. No entanto, alguns críticos assinalam que essas mudanças deveriam ser mais rápidas.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Netflix retira imagens de suicídio de "13 Reasons Why"

A Netflix modificou o episódio da série "13 Reasons Why" onde apareciam imagens do suicídio da protagonista Hannah Baker (Katherine Langford), passando agora essa parte da ação a ocorrer de forma totalmente oculta para os …

Belinda Sharpe é a primeira árbitra do râguebi australiano em 111 anos

Belinda Sharpe vai tornar-se na primeira árbitra de campo na história de 111 anos da liga profissional de râguebi na Austrália, quando dirigir um jogo do campeonato agendado para quinta-feira. A Liga Nacional de Râguebi (NRL) …

Os chimpanzés não têm noção de justiça e aceitam desigualdades

Os chimpanzés carecem da noção de justiça e aceitam a desigualdade na repartição de comida ou materiais, segundo a investigadora Nereida Bueno. A cientista, da Universidade Pontificia de Camillas, que participou num estudo publicado esta semana …

Descartar drogas pelo esgoto pode criar "meta-caimões" nos Estados Unidos

O Departamento da Polícia de Loretto, no estado norte-americano do Tennessee, alertou este sábado para os perigos associados à eliminação de narcóticos através das canalizações das casas de banho. Numa publicação na página oficial de Facebook, …

Descoberta nova via terapêutica para tratar o Alzheimer

Um grupo de cientistas descobriu uma nova via terapêutica para tratamento do Alzheimer, que segundo os investigadores cria “alguma esperança” para travar o desenvolvimento da doença em estágios mais iniciais. O projeto, cujas conclusões foram publicadas …

Exército de carraças está a dizimar vacas (e pode chegar aos humanos)

Uma espécie invasiva de carraças já dizimou um quinto da população de vacas na Carolina do Norte. Os cientistas temem que o próximo alvo podem ser os humanos. A espécie de carraça Haemaphysalis longicornis tem feito …

Ucrânia aprova castração química para pedófilos

Na Ucrânia, será administrada uma injeção que reduz o libido aos pedófilos. A legislação vai aplicar-se a homens com idades entre os 18 e os 65 anos que forem considerados culpados de violação ou abuso …

Em vez de desaparecer, ilhas do Pacífico poderão mudar de forma

Países insulares como Tuvalu, Toquelau e Kiribati passam o nível do mar em poucos metros. Estes são Estados considerados vulneráveis ao aquecimento climático do planeta e as populações acreditam que podem desaparecer com a subida …

Morreu o pugilista Pernell Whitaker. O campeão olímpico foi vítima de atropelamento

O pugilista norte-americano Pernell Whitaker morreu atropelado este domingo em Virginia Beach, aos 55 anos. O atleta foi atingido mortalmente quando atravessava a estrada num cruzamento, durante a noite. Num comunicado enviado ao Guardian, o Departamento …

Eis a primeira aterragem autónoma de um avião tripulado

Uma equipa de cientistas alemã criou um sistema que permite à aeronave aterrar autonomamente em qualquer pista, sem nenhum tipo de apoio humano. Enquanto a indústria automóvel tem andado léguas no que toca a inovação em …