Ordem desmente proposta de 500 euros à hora. Ministério da Saúde reafirma valor

Nuno Fox / Lusa

A ministra da Saúde, Marta Temido

A Ordem dos Médicos nega a existência de uma proposta por parte do Ministério da Saúde para contratar anestesistas por 500 euros à hora, desmentindo as declarações da ministra da Saúde, Marta Temido. A tutela, por sua vez, reafirma o valor pedido e a veracidade das declarações.

Em comunicado, o Bastonário da Ordem dos médicos, Miguel Guimarães, exige um esclarecimento por parte da ministra, desafiando-a a “a apresentar publicamente os documentos oficiais emitidos pelo Centro Hospitalar de Lisboa Central (CHLC) que comprovem as suas palavras ou, em alternativa, a dizer a verdade aos portugueses”.

Em declarações à SIC, o Bastonário vai ainda mais longe, garantindo recorrer à Justiça caso Marta Temido não comprove o que disse. “A Ordem dos Médicos reserva-se no direito de recorrer aos Tribunais dado o caráter ofensivo e indigno para os médicos como resultado das declarações proferidas”, pode ler-se também no comunicado.

“Qualquer pessoa de bom senso, compreenderia que, se tal proposta existisse, num turno de 12 horas, quase triplicava o ordenado de um mês”, defendeu o Bastonário.

Falando à RTP3 durante a manhã desta quinta-feira, Miguel Guimarães, sublinha que “os profissionais especialistas em anestesiologia no SNS, que estão no quadro, recebem um valor líquido que varia entre 8,32 e os 9,50 euros, consoante o regime seja de 35 ou 40 horas“. Neste sentido, conclui, “se o valor oferecido fosse de 500 euros à hora não faltariam profissionais, fossem quais fossem, dispostos a trabalhar“.

Entretanto, a meio da manhã desta quinta-feira e através de um comunicado enviado, o Ministério da Saúde reafirma as declarações, reiterando o valor de 500 euros à hora.

“Uma das respostas enviadas por uma destas empresas [de prestação de serviços] ao CHLC referia que os vários especialistas contactados não estavam disponíveis para trabalhar pelos valores propostos (cujos valores de referência constam do despacho 3027/2018) e incluía ainda a disponibilidade de um anestesista mediante o pagamento de 500 euros por hora“, pode ler-se no comentário da tutela.

“O Ministério da Saúde reafirma, por isso, a veracidade das declarações proferidas neste âmbito, de que existiu uma proposta no valor referido por parte dos prestadores de serviço”, frisa ainda a mesma nota.

Em causa estão as declarações de Marte Temido à SIC sobre a falta de anestesistas na Maternidade Alfredo da Costa, que encerrou na véspera de Natal por só ter um destes profissionais de saúde disponível. “Sempre resolveríamos se houvesse anestesistas a contratação pelo valor que nos e, no caso, o valor que nos é pedido é de 500 euros à hora. Sempre o faríamos, sucede que todavia não foi possível recrutar um segundo elemento”, disse Marte Temido.

Também à SIC, Miguel Guimarães reiterou que esta situação não corresponde à verdade. “Não é verdade que o Centro Hospitalar de Lisboa Central tenha emitido uma nota para contratar anestesistas a 500 euros à hora. A nota que o Centro Hospitalar de Lisboa emitiu (…) era de 37,75 euros à hora“, esclareceu o Bastonário.

“Esta notícia é falsa, é uma fake new que depois, obviamente, expande-se de uma forma brutal. A senhora ministra tem a obrigação de vir desmentir esta situação, vir dizer que se enganou, vir dizer que de facto ouviu dizer isto, mas que não corresponde à verdade e, portanto, ou temos declarações da senhora ministra a dizer a verdade sobre esta matéria ou, caso contrário, nos teremos não só de divulgar aquilo que é verdade, mas também recorrer para os tribunais”, reiterou Miguel Guimarães.

Na nota enviada às redações, a Ordem dos Médicos defende ainda que estas notícias são “um mito de Natal“.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Mas será que não há ninguém que saiba ler??? Nem niguém que saiba falar??? Mas será que o bom senso deixou de existir??? O Manuel Guimarães tem razão ao afirmar que o Ministério não propôs 500 euros à hora!!! A Marta Temido tem razão ao afirmar que houve uma proposta dum fornecedor a dizer que “arranjava” um anestesista a 500 euros/hora!!!
    São os órgãos de comunicação social a tentar arranjar polémicas onde não existem? É o Manuel Guimarães a tentar ser ouvido recorrendo a “inventonas”?

RESPONDER

Há 12 países que conseguiram escapar à pandemia

Tendo em conta os casos registados e comunicados oficialmente pelas autoridades, há 12 países no mundo que não registam qualquer caso de infeção. Segundo a universidade norte-americana Johns Hopkins, a covid-19 chegou a 188 países, mas, …

"Prisioneira em casa" há 4 meses. Algarvia já fez 14 testes e não se livra do coronavírus

A algarvia Tânia Poço está infectada com o novo coronavírus há quatro meses. Nesta altura, já não tem sintomas de covid-19, mas os testes que tem feito continuam a assinalar a presença do vírus naquele …

Mais duas mortes e 306 novos casos em Portugal

Portugal regista, esta segunda-feira, mais duas mortes e 306 novos casos de infeção por covid-19 em relação a domingo. Segundo o boletim diário da Direção-Geral de Saúde (DGS), dos 306 novos casos (aumento de 0,7%), 254 são …

15.299 casos num só dia. Florida bate recorde

Este domingo, o estado norte-americano registou 15.299 casos no espaço de 24 horas. Se a Florida fosse um país, seria o quarto com mais casos de covid-19 em todo o mundo. O estado da Florida, nos …

Partidos de Direita vencem eleições na Galiza e País Basco

As eleições regionais disputadas hoje em Espanha fortaleceram os partidos no poder, com o Partido Popular (direita) a alcançar a quarta maioria absoluta consecutiva na Galiza e o Partido Nacionalista Basco (PNV-centro-direita) a triunfar no …

Processo de sucessão de António Costa "já começou" (e há "coisas muito estranhas" na EDP)

O comentador Luís Marques Mendes disse, no seu habitual espaço de comentário de domingo, que “a guerra da sucessão de António Costa já começou", acrescentando que “os delfins de António Costa andam especialmente ativos“. Para o …

Cristianinho a todo o "gás" numa moto de água na Madeira. Polícia Marítima está a investigar

O filho de Cristiano Ronaldo conduziu uma moto de água sozinho no Paul do Mar, na costa sul da Madeira, num episódio que pode ser considerado uma violação tão grave como conduzir um automóvel sem …

Carlos Costa deixa Banco de Portugal, mas vai avaliar o governador Centeno

Os antigos governadores do Banco de Portugal (BdP) integram o conselho consultivo, que está, agora, a debater o reforço da sua intervenção na instituição. Carlos Costa está de saída, mas vai avaliar o seu sucessor. Apesar …

Maduro organizou operação secreta para retirar empresário de prisão em Cabo Verde

O Presidente venezuelano, Nicolás Maduro, organizou uma operação secreta para retirar o empresário colombiano Alex Saab de uma prisão cabo-verdiana. Uma investigação do Expresso e da Armando.info, uma plataforma de jornalismo de investigação venezuelana, revela os …

"Beijar da cruz" em Melgaço. Diretora de lar vai ser constituída arguida e pode ser acusada de propagação de doença contagiosa

A diretora de serviços do Centro Paroquial de Paderne, em Melgaço, distrito de Viana do Castelo, vai esta ser constituída arguida no âmbito de um processo em que poderá ser acusada de propagação de doença …