Olhos, dentes ou almas, tudo se vende e compra na Internet

Joel Bombardier / Flickr

-

Olhos e dentes, almas e cadeiras invisíveis, tudo se vende e se compra na Internet, um gigantesco mercado de milhões de clientes onde se vendem banais peças de roupa, casas e carros, mas também artigos absurdos.

Hoje é possível, sem sair de casa, aceder a supermercados, bancos, stands de automóveis, agências imobiliárias e todo o tipo de loja. Mas numa ronda aleatória por páginas na Internet dedicadas à venda de produtos a agência Lusa encontrou muito mais do que isso.

Se é certo que não parece fácil comprar por exemplo armas e drogas, já a compra de sementes de produtos proibidos em Portugal é acessível. A oferta é variada, de sementes de coca do Peru, Bolívia ou Colômbia a cogumelos mágicos de Myanmar e papoilas do Afeganistão. “Dominamos a arte de transporte e discrição desde 1998”, garantem os responsáveis.

Pela universalidade da Internet de qualquer local de Portugal se pode procurar e comprar uma vivenda, um apartamento, ou parte dele e para pessoas previdentes não faltam talhões em cemitérios, dos mais modestos a mil euros a outros em “zonas nobres” por quase dez mil.

E nos automóveis, a mesma coisa. Uma carrinha em bom estado por 3.800 euros vem da zona do Porto, mas se a opção for só um motor há em Santarém um vendedor que tem cerca de 500. Preço a combinar. Numa Internet heterogénea, quem vende uma casa na praia por 150 mil euros também vende calções de banho “praticamente novos” a 15, o mesmo preço que custa o areão de aquário do dono da carrinha. E por mais dois euros tem direito a três “canários vermelhos de boa qualidade”.

No OLX, que será o maior site de vendas em Portugal, estão mais de dois milhões de produtos à venda. Alguns aparentemente impossíveis de vender, como uma placa com três dentes, nova, porque o vendedor ficou sem o dente onde a ia prender. Apesar do preço acessível e de ir “com caixinha azul e uma pasta de dentes e escovas novas”, está para venda há quase um mês.

“Intangíveis é que não”

Há oportunidades de negócio que ficam muito menos tempo, não por falta de compradores, mas porque são eliminadas. O eBay, um dos maiores sites de vendas do mundo, com 128 milhões de inscritos e 500 milhões de produtos, já anulou negócio como a venda de artigos do holocausto ou o de um australiano que colocou a Nova Zelândia à venda. As licitações ultrapassavam os dois mil euros quando o leilão foi anulado.

Também anulou a tentativa de venda de um fantasma, alegando que bens intangíveis é que não. Mas no eBay, neste momento, um cidadão meteu a alma à venda, por 5.800 euros. “Usem-na como quiserem”, diz. A “alma” vai com um certificado e ele, por simples cortesia, ainda fala 15 minutos ao telefone com o comprador. O anúncio é visto por duas pessoas por hora.

Mas há mais: uma cadeira mágica e invisível, que não se vê nem se sente e custa 4.400 euros. E por 2.700 pode comprar-se “um bom karma”.

Lugar do bizarro

Na Internet há páginas sobre as coisas mais estranhas já vendidas, de um frasco “com um fantasma” dentro, um cereal (corn flakes) com a forma do estado do Illinois (mil euros), um pedaço de meteoro (mais de 300 mil) ou uma pastilha mastigada por Britney Spears num concerto em 2000 (mais de 10 mil).

Nesta gigantesca montra global não faltam também os medicamentos (alguns já usados), do famoso viagra a antibióticos, para o coração, diabetes ou doenças dos intestinos. Para os brincalhões o cheiro que chega dos mesmos compra-se em spray por 7,35 euros (o mesmo preço do que um spray com cheiro a vómito), e o som pode vir em forma de despertador (sem cheiro) ou de um mealheiro, que “agradece” bem alto (também sem cheiro) cada moeda que lhe entra.

Na Internet tudo se vende, e lá (fora) e cá (Portugal) tudo se compra. Olhos de ovelha conservados em formol ou um rebanho inteiro vivo, conjunto de cinco dedos para praticar unhas de gel ou dois pés em silicone “para fetiches”, teste falso de gravidez que dá sempre positivo ou sabonete em forma de donuts para higiene masculina (vários tamanhos), botões de punho em forma de frigideira com ovos ou brincos em forma de fatia de bacon.

Um rato mumificado custa 9,16 euros e uma laranja petrificada (aparenta ser uma laranja seca) por 6.594 euros. Gratuito praticamente só cães. Normais e com as partes todas.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Rússia está a sabotar desenvolvimento da vacina contra covid-19

Um grupo de hackers associado ao Kremlin está a tentar sabotar o desenvolvimento da vacina contra a covid-19 no ocidente. Os piratas informáticos conseguiram piratear o computador de vários investigadores. O APT29, um grupo de piratas …

Família de George Floyd apresenta queixa-crime contra Minneapolis

A família de George Floyd apresentou esta quarta-feira uma queixa-crime contra o município de Minneapolis e contra quatro polícias pela responsabilidade na morte do afro-americano às mãos da polícia, em maio, anunciaram os advogados. "Não foi …

UE reduz lista de países para reabrir fronteiras e mantém EUA e Brasil de fora

Os Estados-membros da União Europeia (UE) atualizaram, esta quinta-feira, a lista de países aos quais reabrem as fronteiras externas, mantendo de fora os Estados Unidos e o Brasil. "Na sequência da primeira revisão ao abrigo da …

24 horas depois, estátua de manifestante antirracismo em Bristol foi removida

A estátua de uma manifestante do movimento Black Lives Matter, erguida, esta quarta-feira, na cidade de Bristol, no Reino Unido, já foi removida. De acordo com o jornal The Guardian, 24 horas depois de ter sido …

Advogados continuam luta para manter declarações fiscais de Trump em segredo

Depois de o Supremo Tribunal ter determinado que os procuradores nova-iorquinos podem ter acesso às declarações de impostos do Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, os seus advogados informaram na quarta-feira que estavam a considerar …

EUA negam vistos a funcionários da Huawei que apoiem "violadores de direitos humanos"

Esta quarta-feira, o Governo norte-americano que vai impor restrições nos vistos a funcionários da Huawei e a outras empresas que os Estados Unidos vejam como apoiantes de Governos violadores de direitos humanos. Além das restrições, o …

Ventilador produzido em Portugal recebe autorização de utilização do Infarmed

O ventilador Atena, produzido em Portugal, recebeu, na terça-feira, a autorização do Infarmed para o seu uso em contexto hospitalar na luta contra a covid-19. Esta quarta-feira, numa publicação na sua página de Facebook, o CEiiA …

American Airlines avisa 25 mil trabalhadores que podem perder emprego

Os dirigentes da American Airlines escreveram a cerca de 25 mil trabalhadores da transportadora aérea para lhes comunicar que o seu emprego pode desaparecer em outubro. Os dirigentes das Companhias de aviação dos Estados Unidos admitiram …

Trump substitui diretor de campanha a menos de quatro meses das eleições

O Presidente dos Estados Unidos substituiu, esta quarta-feira, o seu diretor de campanha, perante os maus resultados nas sondagens, a menos de quatro meses das eleições. "Tenho o prazer de anunciar que Bill Stepien foi promovido …

Bristol acordou com uma nova estátua. Manifestante antirracismo substitui comerciante de escravos

Bristol acordou com uma nova estátua. Um artista britânico ergueu uma estátua de uma manifestante do movimento ‘Black Lives Matter’ no topo do pedestal na cidade inglesa antes ocupado pela estátua de um comerciante de …