OE Suplementar: Bloco Central aprova sócios-gerentes em lay-off (e profissionais de saúde vão ter prémios)

Inácio Rosa / Lusa

No último dia de votações na especialidade para o Orçamento de Estado (OE) Suplementar, foi aprovada por unanimidade a criação de um prémio de desempenho para os profissionais de saúde envolvidos no combate à pandemia de covid-19. A proposta do PSD para sócios-gerentes também foi aprovada com a abstenção do PS.

O PSD avançou com uma nova proposta de alargamento do regime de lay-off para os sócios-gerentes depois de terem sido chumbadas as propostas de CDS, Bloco de Esquerda, Iniciativa Liberal, PAN, Os Verdes e PCP sobre este tipo de apoios.

Após um interregno que atrasou as votações que pode ter permitido “cozinhar” um acordo entre PSD e PS, a proposta dos sociais-democratas acabou por ser aprovada com a abstenção dos socialistas e restantes votos favoráveis. O ponto que permitiu este acordo foi o facto de o PSD ter avançado com a introdução de tectos a estes apoios, o que motivou a posição do PS.

“O que destacamos é a justiça desta nossa proposta que coloca os sócios-gerentes num apoio equivalente ao que hoje existe para os trabalhadores”, revelou o deputado Álvaro Almeida, do PSD, ao Expresso.

A posição do PSD acabou por merecer críticas da esquerda parlamentar, com reparos ao facto de ser o “Bloco central a funcionar”.

A aliança PSD/PS também se fez notar aquando da votação da proposta do Bloco de Esquerda para um subsídio extraordinário de desemprego. Depois de ter aprovado a proposta na generalidade há uma semana, o PSD chumbou a medida, alinhando com o PS.

PS e PSD chumbaram também o apoio extraordinário de protecção social que o PCP pretendia para trabalhadores sem acesso a outras ajudas e a proposta do Bloco para prolongar as prestações por desemprego, cessação de actividade, cessação de actividade profissional e restantes prestações sociais cujo período de concessão ou prazo de renovação termine antes da cessação das medidas extraordinárias de resposta à pandemia de covid-19.

Prémio aos profissionais de saúde aprovado por unanimidade

Proposta que mereceu consenso foi a que prevê a introdução de um prémio de desempenho aos profissionais de saúde envolvidos no combate à pandemia e que foi apresentada pelo PSD. Foi aprovada por unanimidade. O prémio terá o valor de metade da remuneração base mensal dos profissionais.

Este prémio foi aprovado depois de terem sido chumbadas, na terça-feira, propostas de BE, PCP, Chega e de Joacine Katar Moreira para a implementação de um suplemento remuneratório para os profissionais de saúde que combatem a covid-19.

Nas votações de terça-feira, o PS viabilizou as propostas da oposição que proíbem apoios públicos a empresas sediadas em ‘offshores’.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Centeno apela a uma utilização "sensata" da bazuca europeia

Mário Centeno, Governador do Banco de Portugal, disse ao FMI que apenas os  investimentos que forem produtivos irão assegurar que a dívida com que os estados se encontram não se transforme numa nova crise financeira. De …

Ministros selam acordo sobre reforma da Política Agrícola Comum

Os ministros da Agricultura da União Europeia chegaram a acordo sobre a reforma da Política Agrícola Comum (PAC). Seguem-se agora as negociações com o Parlamento Europeu. Os ministros da Agricultura da União Europeia chegaram esta quarta-feira …

Só 17% dos portugueses diz que abertura das escolas correu mal (e maioria quer teletrabalho obrigatório)

Uma sondagem da Intercampus feita para o Jornal de Negócios e Correio da Manhã revela que, cerca de um mês depois da reabertura das escolas, 42% dos portugueses entendem que o processo “decorreu de forma …

Espanha vai tornar máscaras mais baratas graças a Portugal

Espanha vai reduzir o preço das máscaras após um cidadão espanhol ter despoletado a discussão após comparar com o preço em Portugal. Uma única máscara em Espanha chegava aos 96 cêntimos. Em Espanha, uma máscara pode …

Austeridade ajudou a conter efeitos da pandemia. Crise será um "choque", mas vai "criar oportunidades"

A crise pandémica "será um choque para as economias", mas "os choques podem criar oportunidades". A análise é do economista Ricardo Reis, professor da London School of Economics, que também salienta como as políticas de …

Em abril, o vírus matava 6 vezes mais do que agora. Mas estes números podem mudar em breve

O número de infetados já bateu recordes durante o mês de outubro, mas o mesmo não de pode dizer em relação ao número de mortos. O dia com mais óbitos em Portugal ocorreu a 3 …

Orçamento não reflete "trabalho notável" dos profissionais de saúde, diz bastonário

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, considera que a proposta de Orçamento do Estado para 2021 não corresponde às "expectativas dos profissionais de saúde e dos portugueses" nem investe no Serviço Nacional …

Trump tem uma conta bancária na China (e andou uma década a tentar investir no país)

O Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é detentor de uma conta num banco chinês, e há vários anos que tenta implementar negócios no país. Donald Trump passou uma década a tentar investir na China, onde …

Ricardo Pereira revela segredo para o FC Porto derrotar o City

A jogar em Inglaterra há três anos, Ricardo Pereira conhece bem o próximo adversário do FC Porto na Liga dos Campeões. O internacional português deu alguns conselhos à equipa portista. Ricardo Pereira está a cumprir a …

OE em duodécimos deixa 2.700 milhões de estímulo orçamental em suspenso

A hipótese de haver um Orçamento em duodécimos em 2021 está em cima da mesa. Se tal acontecer, há pelo menos 2.700 milhões de estímulo orçamental que não chegarão à economia. Se o Orçamento do Estado …