Obrigação de usar saltos no trabalho pode tornar-se ilegal no Reino Unido

Os deputados britânicos discutiram, esta segunda-feira, uma petição sobre as exigências que alguns empregadores fazem às mulheres quanto aos códigos de vestuário nos postos de trabalho.

A petição para impedir que as mulheres trabalhadoras sejam obrigadas a usar saltos altos no Reino Unido já conta com mais de 150 mil assinaturas e foi criada pela atriz Nicola Thorp que, em dezembro de 2015, foi discriminada por usar sapatos de salto raso.

A atriz conta que após chegar à empresa onde trabalhava foi advertida de que os sapatos que usava não eram adequados porque o seu chefe exigia que as mulheres usassem sapatos com um salto superior a cinco centímetros. Após ter dito que não iria comprar uns sapatos novos, Nicola Thorp foi despedida.

Segundo o Observador, de modo a investigar melhor o assunto, o comité parlamentar britânico abriu um canal, entre 8 e 15 de junho de 2016, que ganhou mais de 730 testemunhos em apenas uma semana.

Analisados os testemunhos, verificou-se que os códigos de vestuário impostos às mulheres causavam “dor e problemas a longo prazo, pela obrigatoriedade de usar saltos altos durante grandes períodos de tempo”. Aliás, várias testemunhas revelaram ainda que algumas empresas impõem às mulheres que pintem o cabelo de loiro, levem roupas sugestivas e até que apliquem constantemente maquilhagem.

O relatórioSaltos altos e os códigos de vestuário no trabalho” já esteve em debate no Parlamento, esta segunda-feira. O Governo britânico afirmou que as exigências feitas à atriz foram ilegais consoante a lei de igualdade publicada em 2010 que impede que as mulheres sejam descriminadas.

Mas, como a lei atual não é eficaz para proteger os empregados da exigência do uso de certas roupas e a descriminação no trabalho, os deputados britânicos debateram a possibilidade de a reformular.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal duplica capacidade de ventilação. Oito profissionais de saúde nos cuidados intensivos

O secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, anunciou esta quinta-feira a duplicação dos equipamentos de ventilação e garantiu uma distribuição equilibrada dos testes de despistagem. “Entre ofertas, compras e empréstimos, estaremos em condições de duplicar …

Coreia do Norte reitera que não tem infetados. Coreia do Sul desconfia

A Coreia do Norte reafirmou que não regista nenhum caso de coronavírus (covid-19), numa declaração feita por um alto responsável pelo setor da Saúde de Pyongyang citado esta quinta-feira pela Agência France Presse. A Coreia do …

Ovar já tem linha telefónica própria para retirar pressão à Saúde 24

A Linha de Apoio Covid Ovar vai garantir assistência atempada à comunidade de 55.400 habitantes do concelho e é exclusiva para utentes que suspeitem ter sintomas do novo coronavírus. O Município de Ovar ativa, esta quinta-feira, …

Durão Barroso defende coronabonds (mas a prioridade é outra)

Em entrevista à SIC Notícias, Durão Barroso concordou com a criação dos ​​​​​​​coronabonds, mas defendeu que a prioridade é resolver "a crise humanitária". Durão Barroso considerou, em entrevista à SIC Notícias, que as instituições europeias têm …

Do empréstimo milionário à nacionalização. As soluções da TAP para resistir à crise

A TAP está a enfrentar uma das suas piores crises, face à pandemia de covid-19, e há várias soluções em cima da mesa, desde um empréstimo com aval do Estado à nacionalização da empresa. Para fazer …

"Matem-nos". Presidente das Filipinas autoriza disparos contra quem violar quarentena

O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, ordenou aos agentes da polícia e aos militares que disparem sobre qualquer pessoa que esteja a causar "problemas" durante o isolamento obrigatório, decretado devido à da pandemia de Covid-19. De …

Há mais de nove mil casos de covid-19 em Portugal. Número de recuperados sobe para 68

Um mês desde o primeiro teste positivo confirmado do novo coronavírus no país, Portugal tem um total de 9.034 casos confirmados de Covid-19, segundo o Relatório da Direção Geral da Saúde sobre a situação epidemiológica …

Ramalho Eanes: "Nós, os velhos, se for necessário oferecemos o nosso ventilador"

O antigo Presidente da República apelou aos mais "velhos", como ele, para darem o exemplo neste combate ao coronavírus, caso Portugal passe por uma situação semelhante à de Itália ou Espanha. Em entrevista à RTP, o …

"Profundamente preocupados". 13 países enviam recado a Viktor Orbán

Portugal e mais 12 países, entre os quais França, Bélgica e Espanha, garantiram, numa declarações conjunta, que apoiam a iniciativa da Comissão Europeia para verificar se as medidas de emergência implementadas respeitam os valores europeus. Os …

Da gripezinha ao "problema mundial". Bolsonaro fala com Trump e anuncia mais medidas

Jair Bolsonaro mudou de tom. Esta quarta-feira, o Presidente brasileiro anunciou um novo pacote financeiro de apoio a medidas para "manutenção de empregos", uma das suas maiores preocupações diante da pandemia de covid-19. O Presidente brasileiro, …