Objetivo: Lua. Novo vaivém espacial russo pronto em 2019

cv Spacevidcast

Em 2010 alguns rumores indicavam que a Rússia teria recuperado o seu programa espacial MAKS e estaria a construir um vaivém espacial tripulado baseado no desenho do MAKS-OS (na imagem, lançado por um  Antonov An-225)

Em 2010 alguns rumores indicavam que a Rússia teria recuperado o seu programa espacial MAKS e estaria a construir um vaivém espacial tripulado baseado no desenho do MAKS-OS (na imagem, lançado por um Antonov An-225)

A nova nave espacial tripulada russa de transporte de nova geração, que vai servir para levar cosmonautas e carga para a Lua ou para estações orbitais, vai ficar pronta a voar já em 2019.

O programa espacial da Rússia já teve antes um vaivém espacial, o Buran 1.01, construído em 1983 para competir com os space shuttle dos EUA.

Mas o Buran foi ao espaço apenas duas vezes, a primeira num voo sub-orbital em 1983, e a segunda no seu único voo orbital, não tripulado, em 1988, no qual fez duas órbitas à volta da Terra. O programa foi cancelado pelo presidente Boris Yeltsin em 1993.

Agora, a Rússia está de novo a construir uma nave do tipo “vaivém espacial”.

O primeiro protótipo da nova nave espacial tripulada, a ser lançada rumo à Estação Espacial Internacional e à Lua num novo foguete lançador Angara A5V a partir do cosmódromo de Vostochny, pode vir a estar pronto até 2019.

airwingmedia.com

O space shuttle russo Buran 1.01 com um lançador Energya

O space shuttle russo Buran 1.01 com um lançador Energya

A notícia foi avançada à RIA Novosti pelo presidente da empresa espacial Energya, Vladimir Solntsev, durante o Salão Aeroespacial Internacional MAKS 2015.

“Concordámos com os construtores que nos vamos apressar, ou seja, reduzir o prazo para desenvolver e produzir o primeiro exemplar desta nave espacial”, revela Solntsev.

“Apesar de termos anunciado 2021 como a data de produção e do primeiro lançamento desta nave, planeamos fazê-lo já em 2019 — e acho que vamos conseguir fazê-lo”, destacou Solntsev.

Segundo o presidente da Energya, a nave de transporte tripulada de nova geração que está em desenvolvimento foi concebida para levar cosmonautas e carga para a Lua ou estações orbitais.

“A nossa nova nave é do tipo vaivém espacial e irá fazer pelo menos 10 voos. Na sua produção são usadas tecnologias modernas, algumas das quais sem análogos actualmente na cosmonáutica mundial”, explica Solntsev.

“Há muitas diferenças entre a nova nave e a Soyuz que utilizamos hoje. Enquanto a Soyuz pode levar uma tripulação de 3 pessoas, a nova nave é capaz de transportar a bordo 4 pessoas. Além disso, o volume de cabina da nova nave é de 18 metros cúbicos, enquanto o da Soyuz é de 7 metros cúbicos”, continua.

“A duração de voo autónomo da nova nave pode atingir os 30 dias”, concluiu Vladimir Solntsev.

A nova nave tem um peso durante o voo para uma estação orbital de 14,4 toneladas. Durante o voo para a Lua, pesa 19 toneladas, e no regresso apenas 9. O comprimento da nave é de 6,1 metros.

Nos voos para a Lua, o vaivém russo será lançado pelo novo foguete de classe pesada Angara A5V.

Não havendo ainda disponíveis fotos da nave espacial, recordemos o velho Buran.

airwingmedia.com

O programa espacial russo produziu um único vaivém espacial, o Buran, em 1983. O Buran foi ao espaço apenas duas vezes, a primeira num voo sub-orbital em 1983, e a segunda no seu único voo orbital, não tripulado, em 1988. Na fotos, com o poderoso lançador Energia.

O programa espacial russo produziu um único vaivém espacial, o Buran, em 1983. O Buran foi ao espaço apenas duas vezes, a primeira num voo sub-orbital em 1983, e a segunda no seu único voo orbital, não tripulado, em 1988. Na fotos, com o poderoso lançador Energia.

ZAP / Sputnik

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

França em choque com ação da polícia em acampamento de migrantes

A atuação da polícia durante o desmantelamento de um acampamento improvisado de migrantes no centro de Paris, na noite de segunda-feira, está a gerar críticas e indignação. Na noite desta segunda-feira, a polícia francesa dispersou algumas …

Centro Europeu de Controlo de Doenças alerta: países que retirem medidas para o Natal terão aumento de internamentos

O Centro Europeu de Controlo de Doenças estima que se os países que em outubro e novembro tomaram novas medidas para controlar a pandemia as levantassem a 21 de dezembro, os internamentos hospitalares aumentariam na …

Pensilvânia certifica vitória de Joe Biden nas eleições presidenciais

As autoridades da Pensilvânia certificaram, esta terça-feira, a vitória do democrata naquele estado nas eleições presidenciais norte-americanas. Na sua conta do Twitter, o governador local, o democrata Tom Wolf, escreveu que o Departamento de Estado da Pensilvânia …

Nos Países Baixos, há drive-ins para as crianças poderem visitar o Pai Natal em tempo de pandemia

Muito se tem falado de como será o Natal neste ano atípico. Contudo, há países que já começam a arranjar alternativas para a época festiva. Nos Países Baixos, os drive-ins estão a ser usados para …

Vereador da Educação de Lisboa ameaça autarca com “um par de murros”

O vereador da Educação da Câmara de Lisboa afirmou, num comentário no Facebook, em resposta a uma publicação de um vogal da Junta de Freguesia do Areeiro, estar disponível para lhe dar "um par de …

Papa Francisco critica negacionistas da covid-19 e fala da morte de George Floyd

O papa Francisco, num livro esta segunda-feira publicado, criticou os opositores ao uso de máscaras ou outras restrições impostas para conter a pandemia de covid-19, sublinhando que nunca se manifestariam contra a morte do afro-americano …

Fenprof reconhece abertura da tutela do Ensino Superior para negociar apesar de divergências

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) reconheceu esta segunda-feira a abertura do Governo para negociar algumas questões do Ensino Superior, depois de uma reunião em que a tutela e a organização sindical nem sempre estiveram …

Bombeiros vão receber verba adicional de três milhões de euros

As associações humanitárias de bombeiros vão receber uma verba adicional de três milhões de euros em 2021 para fazer face aos constrangimentos financeiros devido à pandemia de covid-19, segundo uma proposta do PS hoje aprovado. Este …

Media Capital desafia ERC e elege Mário Ferreira como presidente

Os acionistas da Media Capital elegeram, esta terça-feira, o empresário Mário Ferreira presidente da dona da TVI. A assembleia-geral esteve inicialmente convocada para 28 de outubro, tendo sido suspensa, retomando hoje os trabalhos e com uma …

Estado de emergência. Maioria dos portugueses concorda com novas medidas de restrição

Uma sondagem da Intercampus para o Correio da Manhã revela que a maioria dos portugueses concorda com o regresso ao estado de emergência e com as restrições impostas pelo Governo. De acordo com o Correio da …