O mistério da rádio fantasma num edifício abandonado que continua a emitir desde 1982

chia ying Yang / wikimedia

Há uma rádio fantasma desde o tempo da Guerra Fria a emitir sinais misteriosos, que ninguém consegue desvendar. O edifício está abandonado, mas todas as semanas alguém fala na rádio.

Não muito longe de São Petersburgo, na Rússia, há um portão retangular de ferro. Por trás da porta enferrujada, um mistério com mais de 30 anos continua em atividade. Um conjunto de torres de rádio, num edifício abandonado com redes de energia limitadas.

O local sinistro é o centro de um mistério que volta ao tempo da Guerra Fria: o sítio é tido como o quartel general de uma estação de rádio, a MDZhB“, que, alegadamente, nos tempos que correm não pertence a ninguém.

No entanto, durante 24 horas, todos os dias, durante as últimas três décadas e meia, tem transmitido uma frequência “monótona”, segundo relata a BBC. A cada poucos segundos é ouvido um som que faz lembrar um navio fantasma com o aviso de nevoeiro.

Além disso, cerca de uma ou duas vezes por semana, um homem ou mulher lê umas palavras soltas em russo. E qualquer pessoa, a partir de qualquer parte do mundo, pode ouvir sintonizando o rádio na frequência 4625 kHz.

A BBC fala ainda num enigma feito com o propósito de ter “teorias da conspiração por trás”. A esta rádio, juntam-se duas outras “The Pip” e “Squeaky Wheel”. O mais interessante é que as rádios têm dezenas de milhares de fãs que admitem não fazer ideia do que estão a ouvir.

Na verdade, ninguém sabe. David Stuppples, especialista em sinais inteligentes pela University City, em Londres, confirma que “não há qualquer informação por trás do sinal”.

O que se passa, então?

A teoria é de que a frequência pertença ao Exército militar russo, apesar de estes nunca terem admitido.

Tudo começou no fim da Guerra Fria, com o declínio do comunismo. Hoje, é transmitido a partir de dois locais: o local perto de São Petersburgo e outra localidade perto de Moscovo. Surpreendentemente e contra todas as expectativas, depois do colapso da União Soviética, em vez do fim, a estação de rádio ganhou ainda mais seguidores.

O que não faltam são teorias sobre para a explicar o Buzzer – como é “carinhosamente” conhecida pelos seus seguidores -, desde uma forma de comunicar com os extraterrestres até manter o contacto com os submarinos russos, há de tudo.

O som vibrante é ouvido consecutivamente e, um minuto antes de cada hora, o tom de repetição é substituído por um tom contínuo, que se mantém até que o tom repetitivo volte a soar. Um som que, como o mistério, permanece.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. E o que será que acontece se o sinal for silenciado?
    Será coisa boa?
    É bastante falível, mas, e se o sinal tiver complexidade como chave de autenticação e servir de farol para, em caso de, silêncio iniciar alguma ordem?
    Tipo:
    Se o rádio deixar de transmitir, verificar parâmetros x e y e iniciar operações de, sei lá, guerra nuclear?
    A ionização da atmosfera em caso de explosão nuclear podia interferir com a transmissão e ser alarme para tripulantes de submarinos russos por todo o mundo permitindo uma forma passiva e praticamente indetectável de manter contato com a hierarquia.
    A questão é que poderão haver fenomenos naturais que poderiam despoletar os mesmos acontecimentos e lançar a humanidade inadvertidamente no mesmo cenário de holocausto nuclear.
    Enfim, foi só um exercício pseudo intelectual. Não vale a pena levar muito a sério.

  2. Me explique, da onde você tirou a ideia de que a cada 1 ou 2 semanas pôde-se ouvir aquelas mensagens em russo? Isso não acontece desde 2010! Sem contar que isso foi só uma das poucas coisas que já foram ouvidas na rádio UVB-76.. Pesquise mais porque assim vai confundir muita gente..

RESPONDER

As colónias espaciais de Bezos flutuam, são auto-sustentáveis e até se podem parecer com Florença

O CEO da Amazon e fundador da empresa de transporte aeroespacial Blue Origin levantou o véu sobre os seus planos futuros, detalhando as suas ideias para a colonização do Espaço. Jeff Bezos sonha com "cápsulas" …

Descoberta nova espécie de rã de cristal na Colômbia

Uma rã de cristal com um coaxar peculiar foi descoberta na Sierra Nevada de Santa Marta, uma cordilheira localizada na Colômbia. "Foi um golpe de sorte", revelou o cientista que encontrou o novo espécime. Segundo …

O café mais caro do mundo vende-se na California. Custa 66 euros

Um café na California, nos EUA, prepara o que apresenta como o café mais caro do mundo. Chama-se Elida Natural Geisha 803 e custa 75 dólares (66 euros) por chávena. A rede Klatch Coffee Roasters, que …

Inglês pagou 265 euros por um Picasso falso. Afinal, era verdadeiro

Um residente da cidade de Crawley, na Inglaterra, comprou por 292 dólares (cerca de 261 euros) uma pintura que achava ser uma boa farsa de um conhecido trabalho de Pablo Picasso. Porém, seis meses depois, soube …

China cria aplicação de reconhecimento facial para distinguir pandas

Investigadores do Centro de Pesquisa e Conservação da China para Pandas Gigantes, juntamente com a Universidade de Tecnologia de Nanyang, em Singapura, e a Universidade Normal de Sichuan desenvolveram uma aplicação com um software de …

Corvos da Torre de Londres "salvaram" o país. Tiveram crias pela primeira vez em 30 anos

Os icónicos corvos negros da Torre de Londres "salvaram" o Reino Unido das consequências fatídicas de uma antiga profecia ao ter descendentes pela primeira vez desde 1989. O casal formado por Huginn (o pai) e Muninn …

A Estónia só tem um lingote de ouro e nem sequer o pode vender

O Banco Central da Estónia, que completou em maio 100 anos desde a sua função, só tem um lingote de ouro e nem sequer o pode vender, uma vez que o material não é puro …

Explosão atinge autocarro de turistas perto das Pirâmides de Gizé

Uma explosão atingiu um autocarro de turistas perto das célebres pirâmides de Gizé, no Egito, provocando 17 feridos, entre naturais do Egito e da África do Sul, noticia a agência France-Presse. Um engenho explosivo detonou à …

Alerta de erupção vulcânica. Monte Hakone fechado a turistas

As autoridades japonesas activaram este domingo o alerta por possível erupção vulcânica no monte Hakone, e fecharam todos os acessos à popular paisagem natural, que é visitada anualmente por milhões de turistas. A Agência Meteorológica do …

Vírus gigantes nas águas da Índia podem resolver mistério evolutivo

Uma equipa liderada por cientistas do Instituto Indiano de Tecnologia em Bombaim descobriu mais de 20 novos vírus nas águas da cidade, incluindo versões gigantes destes agentes biológicos que podem ajudar a desvendar questões importantes …