O aquecimento global favorece o terrorismo

Segundo um relatório divulgado a semana passada na Alemanha, o impacto das mudanças climáticas contribui para o surgimento e crescimento de grupos terroristas como Boko Haram e o Estado Islâmico.

Elaborado pelo think-tank alemão Adelphi, o estudo Insurreição, Terrorismo e Crime Organizado num Mundo em Aquecimento concluiu que as alterações do clima multiplicam e interagem com ameaças, riscos e pressões já existentes, como a escassez de recursos, o crescimento populacional e a urbanização.

Segundo Lukas Rüttinger, autor do relatório, a conjugação destes fatores leva à fragilidade e conflitos violentos nos quais esses grupos podem prosperar.

Cada vez mais os grupos terroristas estão a usar os recursos naturais – como a água – como arma de guerra, controlando o acesso a eles e agravando a sua escassez.

Quanto mais escassos os recursos se tornam, maior poder é dado a quem os controla, especialmente em regiões onde as pessoas dependem particularmente dos recursos naturais para sua subsistência.

Por exemplo, na região do Lago Chade, as alterações climáticas contribuem para a escassez de recursos que aumentam a concorrência local por terra e água. Esta competição, por sua vez, alimenta tensões sociais e até conflitos violentos.

Ao mesmo tempo, essa escassez de recursos provoca uma erosão dos meios de subsistência de muitas pessoas, agravando a pobreza e o desemprego e levando ao deslocamento das populações. Grupos terroristas como o Boko Haram ganham poder neste ambiente frágil.

(dr) Adelphi

Cada vez mais os grupos terroristas estão a usar os recursos naturais como arma de guerra

Cada vez mais os grupos terroristas estão a usar os recursos naturais como arma de guerra

À medida que as alterações climáticas vão afectando a segurança alimentar e a disponibilidade de água e de terra, as pessoas tornam-se mais vulneráveis não só aos impactos negativos do clima mas também ao recrutamento por grupos terroristas que oferecem meios de subsistência e incentivos económicos alternativos.

As áreas já vulneráveis podem ser colocadas num ciclo vicioso, que torna mais fácil a acção do terrorismo, o que, por sua vez, leva ao surgimento destes grupos, com consequências para todos”, resume Rüttinger.

Lacunas do Estado

Por vezes, os grupos terroristas tentam preencher as lacunas deixada pelo Estado, fornecendo serviços básicos para ganhar o apoio da população local. À medida que o impacto do clima se agrava, alguns Estados terão que lutar cada vez mais para conseguir fornecer serviços e manter a sua legitimidade.

Este relatório coincide com a ameaça da fome, da seca e da guerra sobre milhões de pessoas na região do Lago Chade, na África.

“Uma perspectiva mais ampla ajudará a enfrentar melhor as causas do surgimento e o crescimento de grupos armados não estatais”, disse Rüttinger.

A 31 de março, o Conselho de Segurança das Nações Unidas aprovou uma resolução sobre a região onde o Boko Haram actua, na qual se destaca a preocupação com a interacção dos factores que levam à crise e se pede uma melhor colaboração entre os membros das Nações Unidas para lidar com a situação.

A resolução, que também solicita ao Secretário Geral da ONU, António Guterres, que emita um relatório sobre a crise, surge depois de os embaixadores do Conselho de Segurança terem recentemente visitado a região.

// EcoD

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Cientistas identificam a região com o ar mais limpo à face da Terra

Uma equipa de cientistas da Universidade Estadual do Colorado (EUA) identificou a região atmosférica que possui o ar mais limpo à face da Terra. Os especialistas, liderados pela professora Sonia Kreidenweis, descobriram que a camada limite …

Abono extra e complemento de estabilização. Governo cria dois novos apoios cumulativos para quem perdeu rendimentos

O Programa de Estabilização Económica e Social (PEES) do Governo vai incluir dois novos apoios para trabalhadores e famílias que perderam parte dos seus salários nos últimos três meses devido à pandemia de covid-19. A notícia …

Bolsonaro veta transferência de 1,5 mil milhões de euros para estados e municípios

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, vetou na quarta-feira a transferência de 8,6 mil milhões de reais (1,5 mil milhões de euros) do Fundo de Reservas Monetárias (FRM) para estados e municípios combaterem a covid-19. A decisão …

O núcleo da Terra pode esconder mais de cinco oceanos no seu interior

Um novo estudo sugere que o núcleo da Terra pode abrigar uma grande quantidade de água no seu interior. Segundo os investigadores, a quantidade pode chegar ao equivalente a cinco oceanos. Muitos estudos comprovam que, sob …

Descoberto novo tipo de matéria exótica no "coração" das estrelas de neutrões

Uma investigação levada a cabo por um grupo de cientistas da Finlândia encontrou fortes evidências da existência de matéria exótica de quarks no interior dos núcleos das maiores estrelas de neutrões. Em comunicado, os cientistas …

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ser "filhos" de um mesmo pai

Os asteróides Ryugu e Bennu podem ter sido formados a partir de um outro asteróide de grandes dimensões, sugere uma investigação internacional. Simulações numéricas de grandes ruturas de asteróides, como as que ocorrem no cinturão de …

Diário de oficial nazi revela localização de tesouro escondido na Polónia durante a 2.ª Guerra Mundial

Um diário que esteve na posse de uma sociedade secreta durante décadas contém um mapa que descreve a localização de mais de 30 toneladas de ouro escondidas pelos nazis durante a Segunda Guerra Mundial. Escrito há …

"Pés de café" ajudam robôs a andar mais rápido (e sem tropeçar)

Uma das principais aplicações para robôs com pernas é a exploração de locais de desastre. No entanto, para atravessar os escombros, estas máquinas precisam de ter "pés" firmes. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia, …

Famalicão 2-1 FC Porto | Dragões falham reentrada

O FC Porto ficou hoje com a liderança da I Liga portuguesa de futebol em risco, ao perder em casa do Famalicão, por 2-1, na 25.ª jornada, que marca o regresso após a paragem devido …

Empresas chinesas compram soja dos EUA apesar de suspensão imposta pelo Governo

Empresas estatais chinesas terão comprado pelo menos três carregamentos de soja aos Estados Unidos (EUA), mesmo após o Governo ter levantado uma suspensão. Esta surgiu depois de Washington afirmar que terminaria com o acordo comercial …