Novo vídeo de agressão entre jovens circula nas redes sociais

https://www.youtube.com/watch?v=puQ6xgj4i_Q

Há um novo vídeo de uma agressão entre jovens a circular nas redes sociais, que mostra um grupo de raparigas a agredir uma adolescente de 13 anos perto da Escola EB23 Pedro Eanes Lobato, na Amora, no Seixal.

Como se observa no vídeo divulgado, a adolescente é confrontada com mensagens que terá enviado e acaba por ser agredida por diversas outras jovens, uma de cada vez. Uma das agressoras já será maior de idade.

“Nada de ajuntamentos”, diz uma das agressoras. Depois, outra rapariga acaba por dá um estalo na cara da jovem, ao mesmo tempo que afirma: “Se fazes queixa minha na polícia vais levar na cara”.

A mãe da vítima diz ter apresentado queixa esta quinta-feira, mas voltou à polícia esta sexta para entregar o vídeo porque as autoridades terão informado que não podiam fazer nada sem provas das agressões.

“A minha filha andava a receber ameaças há vários dias. Tanto que, na quarta-feira, nem a deixei ir à escola. Ontem ela pediu-me para ir com uma amiga a casa da avó e fizeram-lhe uma espera. Nem consigo ver estas imagens, o que lhe fizeram não tem perdão“, contou Maria Carvalho ao Correio da Manhã.

De acordo com o jornal, a mãe da jovem apresentou queixa da PSP e quer que os vídeos sejam divulgados “para que não hajam outras meninas a ser agredidas que tenham medo de se queixarem”.

A PSP já está a investigar o caso que ocorreu esta quinta-feira, existindo vídeos dos factos que estão no processo, disse hoje à Lusa fonte policial.

“A PSP deslocou-se ao Centro de Saúde da Amora para uma ocorrência em que uma jovem teria sido agredida por outros alunos da escola. No local, a PSP identificou testemunhas e recolheu elementos para a participação”, disse à Lusa fonte da PSP.

“A mãe deslocou-se à PSP e disponibilizou vídeos com a jovem a ser agredida. A PSP juntou os vídeos à participação e vai entregar no tribunal”, acrescentou a mesma fonte, sublinhando que as autoridades estão a procurar apurar a identidade das agressoras e é uma “questão de tempo” até o conseguirem.

Apesar de as agressões não terem tido lugar dentro do recinto escolar, Célia Almeida, diretora do agrupamento, adiantou ao Jornal de Notícias que a direção vai abrir procedimentos escolares, ouvir agressoras e vítima, para “garantir a segurança e evitar confrontos dentro da escola”.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Já que a justiça/lei se exclui de responsabilizar “menores” que tem atitudes de maiores então que comecem a fazer dos seus encarregados de educação imputaveis directos dos seus actos de vandalismo.
    Talvez dessa forma, arranjem tempo para se preocupar com a educação e actos que os seus educandos têm na rua.

  2. São pretas a agredir uma branca. Imaginemos que fosse o contrário…
    Este comportamento da imprensa demonstra um racismo intolerável.

Afinal, o buraco negro mais próximo da Terra pode não ser um buraco negro

Um objeto identificado no início deste ano como o buraco negro mais próximo da Terra pode, afinal, não o ser. Depois de reanalisar os dados, diferentes equipas de cientistas concluíram que o sistema HR 6819 …

Rara cobra de duas cabeças e dois cérebros independentes encontrada na Florida

Uma rara cobra com duas cabeças e dois cérebros independentes foi resgatada no estado norte-americano da Florida por uma equipa de especialistas do organização Florida Fish and Wildlife Conservation Commission. Na rede social Facebook, a organização, …

Benfica 2-0 Belenenses SAD | Darwinismo rende arranque histórico

O Benfica cumpriu e venceu o Belenenses SAD por 2-0, no Estádio da Luz, na partida que encerrou a quinta jornada da Liga NOS. Foi o quinto triunfo benfiquista no campeonato em cinco partidas, o …

Uma tarefa doméstica está a poluir sorrateiramente o ambiente

O que vestimos e como lavamos as nossas roupas influencia o número de microfibras sintéticas que libertamos no meio ambiente. Há uma tarefa doméstica a poluir sorrateiramente o ambiente. Um novo artigo científico, publicado na PLOS …

A companhia aérea que faliu devido à covid-19 está de volta

A pandemia de covid-19 foi traiçoeira para muitas empresas. A Flybe, uma das primeiras vítimas, está agora a ressuscitar - e pode voltar a rasgar os céus já no próximo ano. A economia mundial foi muito …

Dormir bem antes de tomar a vacina da gripe pode ajudar a aumentar a sua eficácia

Segundo os especialistas, uma boa noite de sono pode mesmo ajudar a aumentar a eficácia da vacina da gripe, que neste ano ganha particular relevância em plena pandemia de covid-19. De acordo com Matthew Walker, autor …

Há um petroleiro abandonado há mais de uma década nas Caraíbas (e é uma "bomba-relógio")

Um navio de armazenamento de petróleo venezuelano está ancorado no Golfo de Paria, um trecho de mar fechado entre a Venezuela e a ilha de Trinidad, há mais de uma década. Antes de os Estados Unidos …

Portugal deve bater recorde de doentes em cuidados intensivos ainda esta semana

Portugal deverá ultrapassar, esta quarta-feira, o recorde de doentes em unidades de cuidados intensivos, alertou a ministra da Saúde, Marta Temido, em conferência de imprensa sobre a capacidade do Serviço Nacional de Saúde para combater …

A Budapest Eye foi restaurante por um dia (e com estrela Michelin)

Um restaurante com estrela Michelin em Budapeste, na Hungria, ofereceu aos clientes uma experiência gastronómica na famosa roda gigante Budapest Eye. Atraiçoado pela queda de faturação após o desaparecimento de turistas estrangeiros, o restaurante Costes, premiado …

Antigo ministro da Saúde Leal da Costa admite novo estado de emergência

O antigo ministro da Saúde Fernando Leal da Costa defendeu hoje que em algum momento deve ser decretado de novo o estado de emergência, para que o Governo possa tomar medidas na luta contra a …