Novo programa de Física ajuda alunos a progredir na disciplina

Tulane Public Relations / Flickr

-

A Sociedade Portuguesa de Física saudou hoje as novas metas e programa da disciplina para os alunos do secundário, lamentando apenas o fim de algumas matérias no 12.º ano como a Teoria da Relatividade.

As novas metas e programa de Física e Química para o 10.º e 11.º anos assim como as metas curriculares das disciplinas para os alunos do 12.º ano foram segunda-feira homologadas e publicadas em Diário da República.

Em declarações à Lusa, o vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Física, José António Paixão, fez uma distinção entre as mudanças feitas para os estudantes do 10.º e 11.º ano e as alterações apresentadas para os alunos do 12.º ano.

José António Paixão recordou que a carga horária das aulas de física dos alunos do 12.º ano tem vindo a diminuir nos últimos anos, mas a matéria manteve-se inalterada. Resultado: “As escolas estavam a gerir o programa em auto-gestão”, recordou.

“Era preciso adaptar as metas e por isso foram feitos cortes cirúrgicos de temas e partes de capítulos”, explicou, adiantando que a carga horária dos alunos sofreu uma redução superior a 30%.

Um dos temas que desapareceu foi a Teoria Relatividade, no capítulo da Física Moderna, que era um assunto que “despertava o interesse, porque era algo que os alunos gostavam”.

Lamentando a redução da carga horária, José António Paixão considerou, no entanto, que a adaptação das metas manteve a “mesma ordem e a mesma lógica” do programa.

Já no que se refere ao programa e metas para o 10.º e 11.º ano, a SPF considerou que houve uma “revisão mais global, não tanto nos conteúdos mas mais na ordem como que foram colocados”.

Para José António Paixão, “o enquadramento e o encadeamento das matérias aparece com mais lógica e mais fácil para os alunos conseguirem progredir”.

Com uma ordem e reorganização dos temas mais “útil, simples e mais lógica”, a SPF deu um parecer positivo às alterações que na segunda-feira foram homologadas e publicadas em Diário da Republica.

O Ministério da Educação e Ciência (MEC) homologou ainda o programa e as metas curriculares do ensino secundário de Português e Matemática.

“Com a conclusão destes documentos, foi dado mais um passo na Revisão da Estrutura Curricular, tendo-se agora em vista atualizar o Currículo do Ensino Secundário, recentemente incluído na escolaridade obrigatória. Trata-se de uma atualização que, na sequência da já concretizada no Ensino Básico, imprime coerência ao percurso escolar dos alunos”, defendeu o MEC, em comunicado.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Metro do Porto compra 18 novos veículos e assegura mais 60 mil lugares por dia

A Metro do Porto assinou esta terça-feira o contrato para a aquisição, por 49,6 milhões de euros, de 18 composições à empresa chinesa CRC Tangsthan que permitirão disponibilizar mais 60 mil lugares diários, estima a …

Catarina Martins diz que Carlos Costa "não tem condições" para ser governador

Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda, disparou contra aqueles que considera serem "cúmplices" do "assalto ao povo angolano". Tanto a Justiça como o Governo português têm de agir, considera o Bloco de Esquerda, na sequência …

Pedro Sánchez vai reunir-se com líder do governo regional catalão

O primeiro-ministro espanhol e líder do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez, anunciou na segunda-feira que se reunirá com o líder do governo regional da Catalunha, Quim Torra, no início de fevereiro. Em entrevista à televisão …

Governo confirma que nunca avaliou impacto dos vistos gold. Só 5% foram recusados

O Ministério da Administração Interna (MAI) confirmou que não foram realizadas avaliações ao impacto dos vistos gold e que não cabe ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) controlar as origens do capital investido em …

Conselho de Finanças Públicas alerta para "risco de desvio significativo" no ritmo de ajustamento estrutural

O Conselho das Finanças Públicas (CFP) alerta para um "risco de desvio significativo" do ritmo de ajustamento estrutural da economia portuguesa em 2020, avisando que a evolução programada da despesa no OE2020 "não cumpre o …

Carolina Salgado condenada a pena de quatro meses de prisão, substituída por multa de 600 euros

Carolina Salgado não cumpriu sentença do processo de difamação a Pinto da Costa. Além das 300 horas de trabalho comunitário devia ter publicado o texto da sentença no jornal e não o fez. Carolina Salgado foi …

Taiwan deteta primeiro paciente com pneumonia originária da China

A Agência Central de Notícias de Taiwan disse que uma mulher, que esteve recentemente na cidade chinesa de Wuhan, está a ser tratada e foi colocada sob quarentena, depois de se ter dirigido voluntariamente aos …

PSP investiga alegada agressão de um agente a uma mulher na Amadora

A Polícia de Segurança Pública (PSP) abriu um processo de averiguações sobre a atuação policial contra uma mulher que foi detida, no domingo, na Amadora, ocorrência que envolveu "agressões" e que resultou numa denúncia contra …

Ex-presidente da Interpol condenado a 13 anos e meio de prisão por suborno

O ex-presidente da Interpol Meng Hongwei foi condenado a 13 anos e meio de prisão por suborno, segundo uma declaração de um tribunal chinês divulgada esta terça-feira. Além da pena de prisão, foi multado em …

Condutor que atropelou mortalmente irmã de Djaló condenado a 16 anos de prisão

O Tribunal de Almada condenou, esta terça-feira, a 16 anos de prisão o condutor acusado do atropelamento mortal de uma jovem de 17 anos nas Festas da Moita, no distrito de Setúbal, em setembro de …