Novo diário online “Observador” nasce este semestre

Jmf1957 / wikimedia

José Manuel Fernandes, antigo director do Público, será o 'publisher' do novo jornal online 'Observador'

José Manuel Fernandes, antigo director do Público, será o ‘publisher’ do novo jornal online ‘Observador’

O novo diário online Observador deverá publicar a sua primeira edição até ao final do primeiro semestre de 2014, confirmou à Lusa José Manuel Fernandes, que assumirá o cargo de publisher da nova publicação.

José Manuel Fernandes, antigo director do diário Público, confirmou ainda que David Dinis, até agora editor de política do semanário Sol, será o director do Observador, que o historiador Rui Ramos será coordenador do Conselho Editorial e que Diogo Queiroz de Andrade será o director criativo.

Hoje, ao longo do dia, vários nomes foram sendo avançados pela imprensa sobre os investidores do novo projecto, entre os quais António Carrapatoso, Alexandre Relvas, João Talone, Filipe de Botton e Luís Amaral.

A Lusa confirmou ainda que Carlos Moreira da Silva, presidente da empresa portuguesa BA Vidro e que foi fundador e primeiro presidente do Público, também será investidor do projecto.

Questionado porque avançou como investidor do Observador, Carlos Moreira da Silva disse que isso resultou da “percepção de que o caminho é digital e online”.

“Acho que o projecto do José Manuel Fernandes e da equipa dele têm uma visão diferente”, nomeadamente com o objectivo de “ser online e ter opinião”.

Este é um “misto de investimento e de apoio a um projecto que é muito bom para Portugal”, acrescentou.

Carlos Moreira da Silva recordou ainda que o lançamento do Público foi “uma pedrada no charco” e que também o Observador “pode ser um projecto que rompe” no mercado.

O diário online já tem uma página experimental onde se define como um meio de comunicação digital 100% português e que nasce “sem os condicionamentos do papel e assume o seu carácter inovador”.

“O Observador aproveita a oportunidade de nascer num momento de crise e de mudanças”, lê-se na referida página, em que o novo projecto se classifica como “independente”, mas com um ponto de vista editorial: “defende sem ambiguidades a democracia representativa, a economia de mercado e uma sociedade aberta e global – por isso estimulará debates públicos e não hesitará em tomar posição”.

Ainda segundo a mesma informação, o Observador garante que irá sempre reportar a verdade, tendo a transparência e a ética como princípios normativos.

“Se e quando errarmos seremos rápidos a reconhecer e a corrigir. Sabemos que a credibilidade é a chave de um bom trabalho, e que o jornalismo hoje é principalmente uma conversa com os leitores”, lê-se na página experimental.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Gabriel afastado do plantel e pode ser reforço de Rui Vitória

Jorge Jesus não conta com Gabriel para a próxima temporada e já colocou o médio a treinar à parte do plantel, acompanhado por um preparador físico. O Benfica está a trabalhar com o representante do jogador …

Governo quer reduzir para três o número de testemunhas em processos civis

O Governo quer reduzir para três o número máximo de testemunhas por cada facto que se queira ver provado em tribunal no âmbito de um processo, visando aumentar a celeridade e estabelecer um critério de …

Myanmar. Junta militar anula resultados das eleições de 2020

Militares entendem que a votação não foi "livre e justa". Anúncio da anulação das eleições de 2020 não foi acompanhado de uma data para a realização de um novo ato eleitoral — tal como seria …

Contas públicas agravam-se face a 2020. Receita fiscal volta a crescer

Ministério de João Leão atribui incumprimento à terceira vaga da economia, que significou novas restrições à circulação e nos horários dos estabelecimentos. A receita fiscal e contributiva cresceu, um sinal animador para uma recuperação económica …

Ugarte está a caminho de Alvalade, mas Amorim quer mais três reforços

O Sporting já terá garantido a contratação de Manuel Ugarte, mas Rúben Amorim ainda quer trazer mais um avançado, um extremo e um defesa-central. Depois de várias rondas de negociações, o Sporting finalmente chegou a acordo …

Marcelo começou a receber partidos. "Recuperação socioeconómica" é preocupação comum

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, começou a receber os partidos políticos com assento parlamentar esta segunda-feira. À saída do encontro com Marcelo Rebelo de Sousa, João Cotrim de Figueiredo disse que levou até …

"Não consigo aceitar": português chora depois de perder nos Jogos Olímpicos

Anri Egutidze ficou claramente desiludido por ter perdido logo no seu primeiro combate no torneio masculino de judo: "Vim para ganhar, mesmo". Anri Egutidze chegou aos Jogos Olímpicos para lutar por uma medalha no judo, categoria …

Jogos Olímpicos: Lucas joga com máscara no rosto

Lucas Saatkamp, uma das figuras da seleção brasileira masculina de voleibol, utiliza máscara de proteção contra a COVID-19 durante os jogos em Tóquio. Quem assistiu ao grande jogo desta segunda-feira, o Brasil-Argentina, no torneio masculino de …

PS responde à letra: "O BE pode continuar a fazer a vista grossa aos avanços" no SNS

O PS rejeitou esta segunda-feira as críticas do BE sobre a fixação de profissionais no Serviço Nacional de Saúde, argumentando que o executivo tem sido "consistente" na valorização destes trabalhadores e apelando ao diálogo para …

Jogos Olímpicos: a "estrela" da casa já foi eliminada

Naomi Osaka não foi além dos oitavos-de-final do torneio feminino de ténis. Markéta Vondroušová foi a protagonista da surpresa. Era a líder do ténis mundial há pouco tempo, é a número 2 da tabela WTA e …