Noite de distúrbios em Lille entre adeptos ingleses e a polícia

Thibault Vandermersch / EPA

-

Mais de 30 pessoas foram detidas e 16 ficaram feridas, na sequência dos confrontos desta quarta-feira à noite, em Lille, entre adeptos ingleses e a polícia.

A noite desta quarta-feira ficou marcada por novos episódios de violência no Euro 2016, desta vez na cidade do Lille, com adeptos ingleses a obrigarem a polícia francesa a intervir.

A onda de violência começou durante a tarde mas intensificou-se ao anoitecer, com os hooligans a incendiarem coisas, a lançarem petardos e a atirarem objetos contra a polícia.

As autoridades tiveram então de recorrer à utilização de gás lacrimogéneo para controlar a situação. Pelo menos 36 pessoas foram detidas e 16 ficaram feridas.

De acordo com a BBC, os ânimos exaltaram-se quando alguns adeptos russos tentaram aproximar-se dos ingleses, acabando por suceder-se provocações dos dois lados.

A UEFA já tinha ameaçado expulsar as duas seleções caso os incidentes de violência se voltassem a repetir. No caso da Rússia, a seleção foi mesmo desqualificada com pena suspensa.

Recorde-se que, no passado sábado, na cidade de Marselha, os adeptos dos dois países envolveram-se em violentos confrontos, tanto no exterior como no interior do estádio.

Esta quinta-feira, perante os confrontos desta noite, a UEFA convocou uma reunião de emergência para decidir se expulsa ou não uma ou as duas seleções do campeonato europeu de futebol.

A Inglaterra defronta hoje o País de Gales, na cidade de Lens. A Rússia, por seu lado, perdeu ontem contra a Eslováquia por 2-1.

Presidente dos adeptos russos deportado

Entretanto, a França anunciou que vai deportar vinte adeptos russos, entre eles o presidente da associação de adeptos russos, Alexander Chpryguine, no seguimentos dos confrontos que se registaram em Marselha.

Estes elementos fazem parte de um grupo de adeptos detidos na terça-feira quando se dirigiam de Marselha para Lille para assistir ao jogo entre a Rússia e a Eslováquia.

Chpryguine está associado ao movimento de extrema direita.

Já hoje o ministro do interior francês revelou que desde o início do Euro2016 foram detidos 323 adeptos, dos quais 196 ficaram sob custódia.

“Dessas detenções, 196 ficaram sob custódia, oito foram condenados a prisão efetiva e três tiveram penas suspensas”, disse o gabinete do ministro em comunicado.

Moscovo contestou as detenções e chegou mesmo a chamar o embaixador francês para apresentar um voto de protesto.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Será interessante ver a decisao da UEFA sobre este assunto que é de certo modo sensível. Nao esquecendo que o referendo do Brexit está mesmo á porta e, quer queiramos quer nao, política também está envolvida no futebol.

    A Rússia (!!!) foi logo desqualificada (embora com pena suspensa), e a Inglaterra ficou só pelo aviso, embora os desacatos tenham surgido de ambas as partes. Tenho a certeza quase absoluta que se tratasse de outra seleccao, o tratamento seria diferente.

  2. Nem a Rússia nem a Inglaterra serão desclassificadas. Sê-lo-ão sim no campo porque são equipas menores. A Russia não joga puto e a Inglaterra é sempre sobrevalorizada mas depois no campo é uma nódoa.

    Seja como for, se a UEFA os tivesse no lugar, já tinham ido para casa e os holligans metidos num comboio para gado e mandados para casa

  3. os habituais dois pesos e duas medidas a que estamos habituados….em tudo, a Russia é sempre a má da festa…é só rir.

RESPONDER

Ex-adjunta da ministra da Justiça vai investigar corrupção no Governo

A magistrada Carolina Costa, que foi adjunta da ministra da Justiça, Francisca Van Dunem, foi escolhida para integrar o Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP). Ora, este órgão, está a investigar vários elementos …

Coro de críticas ao "fecho" da Área Metropolitana de Lisboa aumenta. Governo insiste que medida é constitucional

O Governo insiste que o "fecho" da Área Metropolitana de Lisboa (AML) é uma medida prevista na situação de calamidade, mas o coro de críticas aumenta. Na conferência de imprensa desta quinta-feira, a ministra Mariana Vieira …

Como foi possível? "Inquérito urgente" à transferência de 788 mil euros para desempregado

Ainda não se sabe como é que foi possível que a Segurança Social tenha transferido 788 mil euros para um desempregado. O caso já levou à abertura de um "inquérito urgente" e o Governo quer …

MP investiga protesto com alegadas saudações nazi

Uma fonte oficial da Procuradoria-Geral da República revelou esta sexta-feira que foi instaurado um inquérito, dirigido pelo Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa, às alegadas saudações nazi na manifestação que ocorreu na Praça …

Eriksen tem alta hospitalar

Seis dias depois de sofrer uma paragem cardíaca, Christian Eriksen teve alta hospitalar e visitou o estágio da seleção dinamarquesa antes de regressar a casa. Christian Eriksen teve alta hospitalar esta sexta-feira, confirmou a federação dinamarquesa, …

MP francês pede seis meses de prisão efetiva para Sarkozy

O Ministério Público (MP) pediu na quinta-feira um ano de prisão, com seis meses de pena efetiva, para o ex-Presidente francês Nicolas Sarkozy, julgado em Paris na sequência de uma investigação ao financiamento irregular na …

Portugueses já podem pedir Certificado Digital Covid

Os portugueses já podem pedir o Certificado Digital Covid, o documento que facilita as viagens para o estrangeiro durante as férias. O primeiro-ministro, António Costa, anunciou que os portugueses poderiam pedir o seu certificado digital europeu …

Guterres presta juramento na ONU e estabelece "prioridade mundial absoluta"

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, prestou juramento e tomou posse para um segundo mandato durante uma sessão plenária da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova Iorque, Estados Unidos. António Guterres …

Suécia 1-0 Eslováquia | Isak carrega nórdicos às costas

A Suécia deu hoje um passo de ‘gigante’ rumo aos oitavos de final do Euro2020 de futebol, ao vencer a Eslováquia por 1-0, em encontro da segunda jornada do Grupo E, disputado em São Petersburgo. Depois …

Ex-CEO da Groundforce admite hipótese de comprar a empresa

O ex-CEO da Groundforce, afastado do cargo em abril por "violação grave dos deveres de lealdade", não exclui a hipótese de vir a comprar a empresa de handling. Em declarações ao jornal online ECO, Paulo Neto …