Netflix retira imagens de suicídio de “13 Reasons Why”

(dr) Netflix

Hannah, 13 Reasons Why

A Netflix modificou o episódio da série “13 Reasons Why” onde apareciam imagens do suicídio da protagonista Hannah Baker (Katherine Langford), passando agora essa parte da ação a ocorrer de forma totalmente oculta para os espetadores, anunciou a plataforma de streaming.

A cena, bastante gráfica, tinha a duração de três minutos, e é alterada dois anos depois da sua transmissão original.

“Vários jovens disseram-nos que 13 Reasons Why os encorajou a iniciar conversas sobre assuntos delicados como a depressão e o suicídio e a procurar ajuda – em muitos casos pela primeira vez“, escreveu a Netflix num comunicado.

“Dado que nos preparamos para lançar a terceira temporada este verão, temos estado atentos ao debate em curso acerca da série. E, então, depois de nos aconselharmos com especialistas, (…) decidimos editar a série da primeira temporada em que a Hannah tira a própria vida“, acrescentam.

Esta cena, que agora vai desaparecer, era parte do final da primeira temporada. Agora, os espetadores apenas verão a reação dos pais à morte da protagonista.

A Netflix disse ao The Hollywood Reporter que vai estar também a monitorizar ativamente as versões pirateadas da série, para evitar que sejam disponibilizadas edições do episódio que contenham a cena.

O criador e produtor da série Brian Yorkey também já se manifestou sobre a mudança, através de um tweet em que reafirma o objetivo da série em “ajudar os jovens espetadores a sentirem-se vistos e ouvidos“, bem como a “encorajar a empatia em todos os que a veem“.

“A nossa intenção ao retratar a horrível e dolorosa realidade do suicídio com detalhes tão gráficos na primeira temporada era contar a verdade sobre o horror de um ato assim, e tornar claro que ninguém deveria desejar fazê-lo“, defendeu.

Este ano, um estudo publicado na Revista da Academia Americana de Psiquiatria Infanto-Juvenil conclui que a transmissão da série coincidiu com um grande aumento de suicídios entre os jovens com idades entre os 10 e os 17 anos.

O retrato do suicídio de Hannah Baker foi citado pelos especialistas como um particular fator de risco. Os investigadores sublinharam que apenas podem apontar correlação e não causa, mas este foi um fator suficiente para aprofundar a conversa em torno do impacto potencial da série, que já tinha sido iniciado por altura da sua estreia, em 2017.

A terceira temporada de 13 Reasons Why deverá estrear este verão e apesar de a Netflix ter afirmado que não irá incluir nenhuma dramatização de suicídio, é possível que o regresso da produção volte a trazer à tona a discussão sobre o tema, surgindo esta remoção das imagens como uma forma de reduzir o impacto negativo em torno da série.

PARTILHAR

RESPONDER

Os polegares dos neandertais adaptaram-se a ferramentas com pega

Os polegares dos neandertais adaptaram-se para segurar melhor ferramentas com pega, da mesma forma como utilizamos atualmente um martelo, revela uma nova investigação da Universidade de Kent, no Reino Unido. A mesma investigação sugere ainda …

Sporting 2-1 Moreirense | JackPote rende pontos ao “leão”

O “Leão” soma e segue na liderança do campeonato, depois de vencer o Moreirense por 2-1, graças a um bis Pedro Gonçalves. Neste sábado, na recepção ao Moreirense, num embate relativo à oitava jornada, sofreu, mas conseguiu …

Raro crustáceo parasita descoberto na boca de um tubarão em exibição num museu

Uma equipa de cientistas descobriu uma espécie extremamente rara de Cymothoidae na boca de um espécime de tubarão capturado no Mar da China Oriental e agora em exibição num museu. Os Cymothoidae são uma família de isópodes …

Série da Netflix faz disparar venda de jogos de xadrez nos Estados Unidos

A série "The Queen’s Gambit", da plataforma de streaming Netflix, que retrata a ascensão de uma jovem jogadora de xadrez na década de 1950, fez disparar as vendas deste jogo de tabuleiro nos Estados Unidos. …

Novo comité central do PCP eleito com 98,5%

O novo comité central do PCP foi este domingo eleito no XXI congresso nacional dos comunistas, em Loures, com 98,5% dos votos. Dos 611 delegados, 602 votaram a favor, seis abstiveram-se e três votaram contra na …

Elefante salvo de um poço profundo na Índia. Resgate durou 14 horas

Uma equipa de 50 pessoas ajudou a salvar um elefante que tinha caído num poço profundo em Dharmapuri, no sul da Índia. Moradores locais atiraram folhas de bananeira para o animal comer antes de ser …

Santa Clara 0-1 Porto | Magia de Díaz resolve jogo pobre

Missão cumprida. O Porto viajou até aos Açores para defrontar o Santa Clara e leva na bagagem os três pontos. Mas não o conseguiu com brilhantismo, longe disso. A eficácia foi a palavra de ordem, num …

Raro pinguim totalmente branco encontrado nas Ilhas Galápagos

Um raro pinguim com o corpo totalmente "pintado" de branco foi encontrado no arquipélago das Galápagos, no Equador. Em comunicado, o Parque Nacional das Galápagos detalha que o raro espécime foi encontrado enquanto um guia fazia …

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. Há uma razão

A China tem 8 milhões de cegos, mas apenas 200 cães-guia. As cidades populosas, as vias não adaptadas, as poucas escolas de treino e a própria população são entraves à existência destes companheiros (e verdadeiros …

Governo das Ilhas Salomão quer banir o Facebook para preservar a União Nacional

O Governo das lhas Salomão quer banir temporariamente a rede social Facebook numa tentativa de combater o cyberbullying e a difamação, alegando que a plataforma está a "minar" a União Nacional. A decisão, que já …