Negrão fala em articulação total, mas Hugo Soares acusa Rio de passar as culpas para os deputados

José Sena Goulão / Lusa

O líder parlamentar do PSD, Fernando Negrão

Na primeira reunião do grupo parlamentar do PSD após a crise dos professores, Fernando Negrão insistiu que houve “articulação” total, uma resposta a Hugo Soares que acusa o líder do PSD de passar as culpas para os deputados.

Fernando Negrão, líder parlamentar do PSD, reafirmou na manhã desta quinta-feira, perante o grupo parlamentar, que Rui Rio acompanhou a par e passo tudo o que aconteceu na reunião da comissão de educação, em que foi aprovada a contagem integral do tempo de serviço dos professores.

Segundo o Expresso, Fernando Negrão defendeu que a posição do PSD foi coerente com a sua história nesta matéria e culpou o mediatismo pela perceção de que terá havido erros no PSD ou um recuo após a ameaça de demissão do primeiro-ministro, António Costa.

Perante os jornalistas, à saída da reunião, Negrão assumiu o mesmo. Aliás, à pergunta sobre se sente que Rio transformou o grupo parlamentar no bode expiatório de um processo em que os sociais-democratas tiveram de fazer marcha atrás, responde que não.

“Não sinto, porque articulamos sempre com a direção do partido. Houve articulação, não houve passar de culpas. Rio não lavou as mãos”, afirmou o líder parlamentar.

Já sobre os discursos diferentes do partidos antes e depois da ameaça, o líder da bancada afirmou que, a partir do momento em que Costa ameaçou demitir-se, estava-se “ao nível da discussão entre o primeiro-ministro e o líder da oposição”, e que se o PSD demorou a corrigir o tiro, foi por responsabilidade de Rui Rio.

Negrão bateu sempre na mesma tecla, afirmando que o clima foi de “total sintonia” com a direção do partido e do grupo parlamentar, e de “condenação” e “protesto” em relação ao “golpe teatral de António Costa quando ameaçou com a demissão”.

Mas, apesar de haver condenação, segundo o Expresso, não houve “total sintonia” em relação ao comportamento de Rui Rio.

Hugo Soares foi a voz crítica, que fez uma intervenção que chegou até a irritar alguns dirigentes da bancada, como Emídio Guerreiro. Em resposta a Pedro Pinto, que momentos antes havia defendido a coerência do PSD em relação aos professores, Soares fez questão de repor a verdade histórica.

Esta nunca foi a posição do PSD“, afirmou, lembrando que durante anos o partido defendeu que “este tempo não ia nunca ser contado” e que, por razões de “justiça, de equidade e sustentabilidade das contas públicas” o PSD sempre votou contra as propostas de recuperação do tempo integral de serviço.

Para Hugo Soares, o PSD falhou na questão de fundo e na forma. Além disso, o anterior líder parlamentar criticou Rui Rio pela forma como, “sempre que tem uma aflição, culpa o grupo parlamentar”.

Para sustentar a sua afirmação, lembrou vários momentos em que o presidente do partido se comportou desta forma ao longo dos últimos quinze meses, considerando muito grave a forma como Rio queima os deputados para disfarçar as suas asneiras políticas.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Cientistas criam massa que muda de formato assim que entra em contacto com a água

Da penne à fusilli: as pessoas adoram massas pelos seus formatos. Agora, uma equipa de cientistas liderada pelo Morphing Matter Lab da Carnegie Mellon University está a desenvolver massas planas que se transformam em formas …

Australiana fez uma cirurgia para remover as amígdalas (e acordou com um sotaque irlandês)

No dia 19 de abril, Angie Mcyen foi submetida a uma cirurgia para remover as amígdalas, um procedimento bastante simples que demorou apenas meia hora. Uns dias depois, acordou e apercebeu-se de que tinha um …

“Foi o crime do século“. Museu Britânico mostra o impacto do assassinato de Thomas Becket na Europa

Thomas Becket foi abatido dentro da Catedral de Cantuária por cavaleiros da comitiva do rei Henrique II. O assassinato, em 1170, causou ondas de choque em toda a Inglaterra. Agora, o religioso será recordado através …

Na Índia, ser-se rico ou pobre pode fazer a diferença no acesso à vacina

A Índia enfrenta uma grave escassez de vacinas contra a covid-19. Até ao momento, só 2,5% da população recebeu ambas as doses, enquanto 10% recebeu uma. Na Índia, as pessoas que vivem em cidades com fácil …

Ilha italiana torna-se "covid-free" e mostra-se pronta para receber turistas de todo o mundo

Numa altura em que vários países da Europa já começam a planear a abertura ao turismo de forma intensiva, há regiões que mostram já estar um passo à frente. É o caso da ilha de …

Política chinesa torna uigures reféns nas suas próprias casas

A China introduziu, em 2016, uma política de parentesco para promover a harmonia nacional e a unidade étnica, levando a que desde então mais de 1,1 milhões de funcionários do Estado ocupassem periodicamente as casas …

O palco de um dos maiores contos britânicos de sempre vai transformar-se num hostel

A Irlanda aprovou uma proposta para converter num hostel um dos pontos de referência de James Joyce mais icónicos de Dublin. O irlandês James Joyce é um dos maiores escritores da literatura britânica, sendo autor de …

Liz Cheney é a cara da oposição ao "trumpismo" no Partido Republicano

Esta quarta-feira, e depois de ter criticado o antigo Presidente dos Estados Unidos, a congressista Liz Cheney foi afastada de um cargo de liderança no Partido Republicano. Na noite desta terça-feira, e pouco antes de …

SC Braga punido com dois jogos à porta fechada por falta de habilitações de Custódio

O Sporting de Braga foi punido com dois jogos de interdição do seu estádio, após queixa da Associação Nacional de Treinadores de Futebol (ANTF), devido à falta de habilitações de Custódio, anunciou o Conselho de …

Marinha dos EUA faz apreensão de armas ilícitas no Mar da Arábia

A Marinha dos Estados Unidos apreendeu um carregamento ilícito de armas no Mar da Arábia, anunciou a Quinta Frota da Marinha americana. A apreensão do arsenal foi feita pelo navio USS Monterey na passada quinta-feira, dia …