Depois de vários boicotes à atividade de Navalny, Supremo dissolve o seu partido político

varfolomeev / Flickr

O líder da oposição russa, Alexei Navalny

O Supremo tribunal da Rússia dissolveu hoje o partido político “A Rússia do Futuro”, fundado pelo líder da oposição Alexei Navalny, hospitalizado na Alemanha após ser envenenado com o agente neurotóxico Novichok, de acordo com laboratórios europeus.

O Supremo pronunciou-se a favor de uma petição nesse sentido apresentada pelo ministério da Justiça, informou o Tribunal aos media locais.

O argumento para o veredicto assenta no facto de “A Rússia do Futuro” ser o nome de outra formação política dirigida por Alexander Zorin, um advogado próximo do Kremlin e que solicitou o registo após Navalny.

Navalny tentou por diversas vezes registar partidos políticos, mas o ministério da Justiça rejeitou todos pedidos por questões formais e outros motivos, que o opositor considera fabricados. Desde que garantiu quase um terço dos votos nas eleições para o município de Moscovo em 2013, Navalny tem vindo a denunciar uma campanha oficial para impedi-lo de prosseguir a atividade política.

Devido a antecedentes penais, a Comissão eleitoral impediu-o de defrontar o Presidente russo, Vladimir Putin, nas presidenciais de 2018. Por esse motivo, Navalny idealizou a campanha “Voto inteligente”, que exorta os eleitores a apoiarem nos diversos escrutínios qualquer candidato que tenha possibilidade de derrotar o representante da Rússia Unida, o partido de Putin.

Após utilizar esta fórmula nas eleições municipais de 2019 em Moscovo, Navalny voltou a propor a mesma opção nas recentes eleições regionais, mas foi envenenado quando fazia campanha na Sibéria.

A oposição propõe utilizar o mesmo método nas legislativas de 2021, com o objetivo de retirar a maioria parlamentar à Rússia Unida.

Navalny exigiu hoje às autoridades russas a devolução da roupa que usava quando foi envenenado num hotel da cidade siberiana de Tomsk. O ministério da Saúde de Tomsk argumentou que essa roupa foi confiscada pelos organismos de investigação que assumiram o controlo do caso.

A Alemanha e a França denunciaram uma “tentativa de assassinato” de Navalny, mas Moscovo respondeu acusando-os de politizar o caso, exigindo a Berlim dados das análises toxicológicas realizadas pelo opositor.

O Governo alemão, que denunciou o envenenamento de Navalny com Novichok, uma substância neurotóxica concebida por especialistas soviéticos e com fins militares, anunciou há uma semana que laboratórios da França e Suécia também confirmaram que o opositor foi envenenado.

ZAP // Lusa

 

PARTILHAR

RESPONDER

Banda dá concerto com músicos e público envoltos em bolhas de plástico para evitar contágio

A banda norte-americana Flaming Lips utilizou bolhas insufláveis ​​de tamanho humano num concerto em Oklahoma, uma solução para proteger os músicos e o público do novo coronavírus, enquanto tenta encontrar uma forma segura para atuar …

EUA. Especialista diz que as próximas semanas "vão ser as mais negras de toda a pandemia"

Um especialista em doenças infecciosas disse que no caso dos Estados Unidos, as próximas seis a 12 semanas vão ser as mais negras de toda a pandemia de covid-19. Michael Osterholm, diretor do Centro de Investigação …

Chelsea inscreve... Petr Cech

Antigo guarda-redes poderá voltar aos relvados nesta época, embora seja pouco provável, para já. Petr Čech entrou em campo pela última vez em maio de 2019, há quase um ano e meio. Já tinha anunciado a …

Disparos de satélites e naves do Star Trek? Relatório revela como seria uma guerra no Espaço

A criação da Força Espacial dos Estados Unidos evocou todos os tipos de noções fantasiosas sobre o combate no Espaço. Assim, um novo relatório explica o que é física e praticamente possível quando se trata …

Japão prepara-se para lançar água tratada de Fukushima no mar

O Japão vai libertar mais de um milhão de toneladas de água tratada da usina nuclear de Fukushima no mar, numa operação que levará cerca de 30 anos para ficar concluída. Ambientalistas e pescadores locais …

Turismo de mergulho? Submarino da "frota perdida" de Hitler aguarda o seu destino no fundo do Mar Negro

Coberto por “redes fantasmas” deixadas por pescadores, os destroços de um submarino U-20 enviado para o Mar Negro pela Alemanha nazi tornou-se recentemente tema de um documentário produzido na Turquia. Localizado a uma profundidade de 20 …

Novo estudo diz que Remdesivir não tem "impacto significativo" nos doentes com covid-19

Ao contrário do que se pensava, o medicamento antiviral remdesivir não reduz as mortes entre os pacientes com covid-19, sobretudo quando comparado com o tratamento padrão, de acordo com os resultados de um estudo internacional. Em …

Bebés alimentados por biberões ingerem milhões de micro plásticos por dia, sugere estudo

Um novo estudo vem agora alertar para os perigos da puericultura moderna. De acordo com a pesquisa, os bebés que são alimentados com biberões engolem milhões de partículas de micro plástico por dia. Normalmente os biberões …

Cortaram a água nas instalações da Tesla na Alemanha. Havia contas por pagar

A empresa pública alemã WSE cortou (e já restabeleceu) o fornecimento de água nas instalações da Tesla em Grünheide, onde nascerá a primeira gigafactory europeia da empresa, devido à falta de pagamento das contas. Na semana …

Trabalhadores remotos estão a encher pequenas cidades (que agora têm os problemas das grandes)

A pandemia de covid-19 está a levar a um novo fenómeno: a migração para "comunidades de passagem" - pequenas cidades próximas a grandes terras e estações de esqui - à medida que mais pessoas começam …