A NASA quer enviar balões de ar quente para Vénus

Don P. Mitchell, Paolo C. Fienga / Lunar Explorer Italia / IPF / Soviet Space Agency

Aspeto da superfície e do céu de Vénus tal como captados pela sonda Venera 13

A NASA planeia enviar balões de ar quente para Vénus, visando medir as vibrações e a atividade sísmica do planeta e obter mais pistas sobre a sua composição interna. As condições severas do “vizinho” da Terra representam grandes desafios ao enviar sondas até à sua superfície.

Nos testes realizados em 19 de dezembro no deserto perto de Pahrump, no estado norte-americano do Nevada, cientistas da NASA observaram que balões cheios de hélio podem detetar atividades sísmicas com centenas de metros de altura.

Durante os testes, uma equipe de investigadores do Departamento de Energia dos Estados Unidos simulou, recorrendo a uma explosão química de 50 toneladas, um sismo de magnitude compreendida entre 3-4 a cerca de 300 metros de profundidade.



O sismo produzido foi identificado por dois balões que transportavam instrumentos para detetar mudanças na pressão atmosférica e ondas infra-som de baixa frequência, sinais associados à atividade sísmica. Um dos balões estava amarrado ao chão, enquanto o outro voava livremente durante o teste.

Os cientistas concluíram que ambos os balões globos seriam capazes de medir sismos tão fracos como de magnitude 2, e ajudar a confirmar uma hipótese que se arrasta há muito, que defende que o calor está ainda a tentar escapar do núcleo de Vénus – processo que estaria associado a terramotos na superfície do planeta.

No entanto, fazer como que esta tecnologia funcione em Vénus não será fácil, uma vez que a sua atmosfera tem ventos supersónicos que podem interferir no funcionamento dos instrumentos sintonizados nos balões. Procedimentos experimentais futuros estão a ser projetados no estado de Oklahoma para melhorar a tecnologia de deteção.

“Nunca fizemos uma medição sísmica direta em Vénus”, disse Siddharth Krishnamoorthy, do Laboratório de Propulsão a Jato da NASA (JPL), na Califórnia, citado pela publicação Science Magazine. “Há muito que os balões podem oferecer para esclarecer algumas questões importantes sobre o planeta”, acrescentou.

Em 1985, a União Soviética enviou dois balões para Vénus. Estes balões – que não foram projetados para medir a atividade sísmica – ficaram na atmosfera do planeta durante mais de dois dias, parando de registar dados quando as baterias acabaram.

  ZAP // RT

PARTILHAR

RESPONDER

Um dos microscópios de Darwin vai a leilão. Esteve nas mãos da sua família durante quase 200 anos

Um microscópio que Charles Darwin ofereceu ao filho Leonard - e que esteve nas mãos da sua família ao longo de quase 200 anos - vai ser leiloado em dezembro e poderá valer cerca de …

Pedro Sánchez promete abolir a prostituição em Espanha, por considerar que esta "escraviza" as mulheres

Espanha é um dos países europeus com mais trabalhadoras na indústria do sexo, as quais são sobretudo originárias de países da Europa mais pobres, da América Latina e de África. O primeiro-ministro espanhol Pedro Sánchez anunciou …

"Um milagre". Dois jovens sobreviveram quase uma semana no deserto australiano

Dois jovens, de 14 e 21 anos, sobreviveram durante quase uma semana no deserto, sem água e sem comida, depois de se terem perdido no Território do Norte, na Austrália. A polícia fala num verdadeiro …

Carlos Moedas

Moedas vai "dar tudo como presidente" e exige que seja respeitada a legitimidade do seu mandato

Carlos Moedas tomou posse, esta segunda-feira, como novo presidente da Câmara de Lisboa, tendo falado dos objetivos para o próximo quadriénio e deixado um elogio ao seu antecessor e alguns avisos à esquerda. Depois dos cumprimentos …

Chanceler austríaco Sebastian Kurz

Sondagens falsas e notícias favoráveis. O lado negro de Sebastian Kurz foi desmascarado

Sebastian Kurz e pessoas que lhe são próximas foram acusados de tentar garantir a sua ascensão à liderança do partido e do país com a ajuda de sondagens manipuladas e notícias favoráveis na imprensa, financiadas …

Tem uma carreira de sonho na Nike, mas cometeu um homicídio há 65 anos

O presidente da Jordan Brand, Larry Miller, revelou que, há 56 anos, matou um adolescente nas ruas de Filadélfia, nos Estados Unidos. O presidente da Jordan Brand — marca do ex-jogador de basquetebol Michael Jordan — …

Rio diz que decisão sobre eventual recandidatura está "quase tomada"

O presidente do PSD afirmou, esta segunda-feira, que a decisão sobre a sua eventual recandidatura está "quase tomada" e será anunciada em breve. Em declarações aos jornalistas à chegada à tomada de posse do novo presidente …

Mihajlovic: "Vou tentar manter a calma, mas é difícil"

Treinador do Bolonha furioso com os cartões amarelos mostrados para "compensar" uma expulsão. Beto voltou a marcar. Udinese e Bolonha entraram em campo neste domingo como protagonistas de um dos jogos menos mediáticos da oitava jornada …

Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo avisa que não pode haver "casos de mau uso e de fraude" com os fundos europeus

O Presidente da República avisou, esta segunda-feira, que a "última coisa" que pode acontecer com os fundos europeus são "casos de maus uso e de fraude", garantindo que os portugueses "não perdoariam" que isso acontecesse. Questionado …

O empresário John Textor

Nova direção do Benfica vai reunir-se com John Textor

O empresário John Textor, que celebrou um acordo com José António dos Santos para aquisição de 25% do capital social da SAD do Benfica, vai ser recebido pela nova direção do clube esta quinta-feira. "Após explícita …