NASA aterrou por breves segundos no Bennu (e recolheu uma amostra) a 320 milhões de quilómetros da Terra

NASA / Goddard / University of Arizona

Ilustração da aeronave OSIRIS-Rex a aproximar-se do asteroide Bennu

A aeronave OSIRIS-REx da NASA aterrou, esta terça-feira, por breves segundos na superfície do asteroide Bennu. A missão, que teve como objetivo a colheita de uma amostra de entulho solto, está em andamento desde 2004 e tem aterragem prevista na Terra para 2023.

OSIRIS-REx é a primeira missão norte-americana de recolha de amostras de um asteroide e o seu objetivo era recolher uma amostra intocada e inalterada de um asteroide para a transportar de volta à Terra, o que está previsto para 2023.

A manobra espacial aconteceu a 320 milhões de quilómetros de distância e a aeronave, controlada remotamente por uma equipa de cientistas, tocou a superfície do asteroide Bennu – que se move a cerca de 101 mil quilómetros por hora – por breves segundos.

A aeronave tocou a superfície do asteroide por cerca de dez segundos e usou um braço robótico de três metros, chamado TAGSAM, para recolher pelo menos 50 gramas de entulho solto do asteroide.

Tendo em consideração que os asteroides são relíquias dos primeiros materiais que formaram o nosso sistema solar, estudar esta amostra pode permitir aos cientistas responder a questões fundamentais. Além disso, a missão também irá explorar como se pode evitar a colisão de Bennu com a Terra, visto que este é um asteroide próximo do nosso planeta e corre o risco de o atingir no final de 2100.

No entanto, o objetivo mais ambicioso da missão OSIRIS-REx talvez seja a identificação de recursos. Ou seja, o mapeamento das propriedades químicas de Bennu para aprender, entre outras coisas, sobre o potencial de mineração de asteroides para produzir combustível para foguetões.

Embora esta seja a primeira missão da NASA a tentar colher uma amostra de um asteroide, o conhecimento científico e tecnológico necessário é o resultado de décadas de exploração. No início da década de 1990, a aeronave Galileo da agência espacial foi o primeiro objeto de fabricação humana a orbitar e pousar num asteroide.

Preparação da missão

OSIRIS-REx foi lançado da Flórida, nos Estados Unidos, no dia 8 de setembro de 2016 e chegou a Bennu em dezembro de 2018. Entretanto, a equipa de cientistas e engenheiros tem conduzido remotamente a aeronave e realizou dois ensaios, nos quais chegou muito perto de Bennu, sem lhe tocar.

Quando a equipe OSIRIS-REx escolheu Bennu, esperava que a superfície do asteroide se parecesse com uma praia arenosa. No entanto, o conjunto de câmaras de alta resolução da aeronave revelou uma paisagem acidentada e cheia de pedras.

Essas imagens foram estudadas durante meses, para que a equipa de investigadores encontrasse um local amplo o suficiente para a aeronave – do tamanho de uma grande carrinha de passageiros – pousar sem bater.

No dia 12 de dezembro de 2019, a equipa de investigadores anunciou o local de pouso escolhido: Nightingale, uma cratera relativamente nova, do tamanho de um campo de ténis, com uma pedra gigante do tamanho de um prédio de dois andares.

Numa secção de Nightingale a equipa identificou entulho solto pequeno o suficiente para a nave OSIRIS-REx ser capaz de agarrar e carregar.

Liderada pela Universidade do Arizona e preparada durante 16 anos, esta missão da NASA foi transmitida em direto no site da agência espacial.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Francisco Rodrigues dos Santos admite que tem sido "difícil" juntar o CDS (mas "não por falta de iniciativa")

Francisco Rodrigues dos Santos, presidente do CDS-PP, afirmou, numa entrevista ao Jornal de Notícias e TSF que tem sido "difícil" conquistar a coesão do partido. Em entrevista ao Jornal de Notícias e à TSF, o líder …

Isabel dos Santos usou equipa de espiões para provar "conspiração" e "vingança" de João Lourenço

A empresária Isabel dos Santos contratou uma firma de antigos agentes secretos israelitas para provar que foi vítima de um ataque orquestrado pelo governo de João Lourenço. Isabel dos Santos criou uma equipa de espiões para …

"Perdemos o avô da nação". Morte do príncipe Filipe deixou "um grande vazio" na vida de Isabel II

A morte do príncipe Filipe, duque de Edimburgo, na sexta-feira, aos 99 anos, deixou a Rainha Isabel II, sua esposa, com "um grande vazio na sua vida", disse este domingo aos jornalistas o seu filho …

Mapa online interativo ajudou indígenas do Panamá a fazer frente à pandemia

Quando a covid-19 chegou ao Panamá no ano passado, o cartógrafo Carlos Doviaza temeu pelas pessoas indígenas da sua comunidade. Por isso, para as ajudar, dedicou-se a fazer aquilo que faz melhor: mapas. "Pensei: 'Porque não …

"A política ama traição, mas despreza o traidor". Sócrates acusa PS de "ataque injusto" (e diz-se alvo de "vingança" da direita)

"A política ama a traição, mas despreza o traidor". No livro "Só Agora Começou", que será publicado nos próximos dias, José Sócrates acusa a atual direção do PS de traição. De acordo com o Diário de …

Portugal regista mais 566 casos e seis óbitos por covid-19

Portugal registou, este domingo, mais seis mortes e 566 novos casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da Direção-Geral da Saúde …

PS quer que Cavaco Silva diga "quando é que soube do buraco do BES"

O PS quer que o antigo Presidente da República Cavaco Silva esclareça "quando é que soube do buraco do BES" e porque é que "não agiu atempadamente" para evitar o aumento de capital, que gerou …

Perdoar o passado, celebrar o renascimento e cumprir tradições. A primavera traz o Nowruz, o ano novo persa

Assim que as flores começam a desabrochar e os dias ficam mais longos, fica claro que o Nowruz está prestes a chegar. A celebração do ano novo iraniano é secular, com raízes que remontam a …

“Mostrámos que sabemos governar”. Bloco apresenta candidata a Lisboa (e abre a porta a acordo com PS)

O Bloco de Esquerda apresentou a candidatura de Beatriz Gomes Dias à Câmara Municipal de Lisboa, pediu “mais força” para determinar a governação da cidade e abriu a porta a novos entendimentos com o PS …

Fé nos números. Foi o voto não religioso que Donald Trump perdeu em 2020 

Em novembro de 2020, Joe Biden foi eleito Presidente dos Estados Unidos da América. Uma análise revelou recentemente que a derrota de Donald Trump dependeu daqueles que não se identificam com nenhuma religião. Ryan Burge, professor …