Provedora de Justiça não quer que abusadores de menores fiquem na lista negra anos a fio

Lúcia Amaral quer que a Assembleia da República altere a lei que criou a lista de abusadores de menores condenados pela justiça, de modo a que a perigosidade das pessoas condenadas seja reavaliada de forma periódica.

Em 2015, a então ministra da Justiça Paula Teixeira da Cruz fez aprovar no Parlamento a polémica lista de abusadores de menores. Os deputados descartaram alguns aspetos, mas acabaram por manter outros considerados gravosos por alguns setores, como a obrigação de o abusador permanecer na lista durante cinco, dez, 15 ou 20 anos, consoante a pena.

Na altura, Joana Marques Vidal foi uma das pessoas que se insurgiu contra esta disposição legal, por não ter nenhum mecanismo que permitisse ao visado pedir uma reavaliação da sua inclusão na base de dados, de acesso restrito às autoridades.

A procuradora-geral da República sugeriu que se previsse a possibilidade de o abusador pedir a um juiz que retirasse o seu nome da lista, por ter deixado de existir risco significativo de reincidência, mas sem sucesso.

Agora, a Provedora de Justiça considera relevante introduzir esta hipótese na lei, que corre o risco de ser considerada inconstitucional.

Lúcia Amaral considera que a impossibilidade de o abusador ver a sua situação reapreciada “constitui uma ingerência desproporcionada no direito ao bom nome e reputação e no direito à reserva da intimidade da vida privada e familiar” consagrados na Constituição.

A magistrada acrescenta, segundo o jornal Público, que o atual regime não incentiva a ressocialização, violando assim o princípio da proporcionalidade, pressupondo que “quem esteja inscrito no regime continue a ser um potencial agressor”.

Lúcia Amaral não adianta em que termos deve a lei ser alterada, mas refere que o decurso de tempo sem ocorrência de factos que incidem perigosidade deve ser levado em conta, de forma a determinar periodicamente se o indivíduo continua a constituir um risco para a sociedade.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. É das poucas coisas que a Paula Teixeira da Cruz fez de jeito!!
    Acho muito bem que a lista exista e que, consoante a pena, o nome dos criminosos faça parte da lista!

RESPONDER

Polícia acaba com o maior fornecedor de televisão pirata da Europa. Clientes podem pagar 25 mil

Uma operação conjunta de polícias de vários países, coordenada pela Eurojust, levou ao desmantelamento da Xtream Codes, um serviço de fornecimento de serviços de televisão pirata, que tinha milhões de clientes na Europa. As ações policiais …

Rui Pinto acusado de crimes de acesso ilegítimo e extorsão na forma tentada (e fica na prisão)

O hacker Rui Pinto foi acusado pelo Ministério Público dos crimes de acesso ilegítimo e extorsão na forma tentada no caso Doyen. A par de Rui Pinto foi também acusado Aníbal Pinto, advogado que intermediou as …

PAN explica medidas ambientais propostas que "já estavam em vigor"

A revista Visão noticiou na quarta-feira que o PAN, no capítulo do programa eleitoral dedicado ao Ambiente, faz propostas que já estão implementadas. Na sua página do Facebook, o partido de André Silva desconstruiu as medidas, …

Greta Thunberg diz ao Senado dos EUA que "não estão a esforçar-se o suficiente"

A ativista sueca Greta Thunberg reuniu-se na terça-feira com o grupo de trabalho que trata das questões ambientais no Senado norte-americano e pediu acões, não elogios. A adolescente de 16 anos é uma das ativistas …

Pelo menos três mortos e 100 feridos em reparações pós-tufão no Japão

Pelo menos três pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas em obras de reparação de edifícios na província de Chiba, a leste de Tóquio, dias depois da passagem de um tufão pelo arquipélago nipónico. Um …

Prisão preventiva para bombeiro suspeito de atear fogos em Torres Vedras

O Tribunal de Torres Vedras decretou prisão preventiva para um bombeiro detido pela Polícia Judiciária (PJ) por suspeitas de fogo posto no concelho de Torres Vedras, no distrito de Lisboa, disse fonte judicial esta quinta-feira. O …

Aeroporto do Montijo. Consulta pública termina hoje, mas a palavra final é da APA

A consulta pública do Estudo de Impacte Ambiental do futuro aeroporto do Montijo termina esta quinta-feira. O estudo tem apontado diversas ameaças para a fauna e efeitos negativos sobre a saúde da população por causa …

Após dúvidas no Parlamento Europeu, Elisa Ferreira vende ações da Sonae

A comissária europeia indigitada Elisa Ferreira decidiu esta quinta-feira “dar ordem de venda” às ações que detém no grupo Sonae, após as questões levantadas pela comissão de Assuntos Jurídicos do Parlamento Europeu quanto a um …

Tribunal Constitucional chumba lei dos metadados

À segunda, o resultado foi o mesmo de há quatro anos: o Tribunal Constitucional voltou a rejeitar a possibilidade de os serviços de informações terem acesso aos metadados, ou seja, a informações telefónicas e de …

Cristas e Catarina lideraram nas críticas, Costa foi "mártir", André Silva o mais interrompido

De acordo com uma análise da Rádio Renascença, António Costa foi o líder mais vezes mencionado nas intervenções dos adversários. O primeiro debate entre os seis líderes partidários com assento parlamentar - que uniu a Renascença, …