Nacionalização do Novo Banco ganha força no PS

Tiago Petinga / Lusa

António Costa e Mário Centeno

António Costa e Mário Centeno

Cresce o coro de vozes socialistas que defende a nacionalização do Novo Banco. Mas Marques Mendes alerta que essa alternativa é “um perigo” porque pode custar mais aos contribuintes.

O deputado socialista João Galamba diz que não quer ver o Estado a pagar para vender o Novo Banco e por isso, assume, sem papas na língua, que é defensor da nacionalização da instituição financeira.

“O banco já é do Estado [através do Fundo de Resolução], só que é de transição. Eu só quero que o Estado assuma plenamente e de forma normal aquilo que hoje já existe”, constata Galamba em declarações ao Diário de Notícias.

O deputado, que é vice-presidente da bancada do PS, nota que o “banco foi nacionalizado” a 13 de Agosto de 2014, com a entrada do Estado no Fundo de Resolução.

Assim, “nacionalizar não traz novos custos, apenas reconhece custos que sempre existiram”, diz Galamba, lamentando os valores da actual proposta de compra apresentada pelo fundo norte-americano Lone Star que é inferior ao valor necessário para a recuperação do banco.

O DN cita também os socialistas Eurico Brilhante Dias e Paulo Trigo Pereira que estão igualmente, do lado da nacionalização.

O PS não assumiu oficialmente, nenhuma posição, mas o presidente do partido, Carlos César, já disse que as propostas recebidas para a compra do banco são “quase vexatórias”.

“Há o risco de acontecer um novo BPN”

Para o social-democrata Marques Mendes, “a nacionalização [do Novo Banco] é um perigo“.

“Há o risco de acontecer o mesmo que aconteceu com o BPN, em que ainda hoje, o Estado está a pagar a factura da nacionalização“, alertou o comentador no seu espaço de opinião na SIC, referindo-se ao forte impacto nas contas públicas e aos custos para os contribuintes.

O social-democrata destaca que a nacionalização “implica o Estado ter de injectar dinheiro público” no banco e que “acaba por ter o mesmo efeito que a garantia estatal dada aos compradores”.

Além disso, Marques Mendes lembra que é provável que a Comissão Europeia chumbe a nacionalização. “Mas mesmo que Bruxelas autorizasse, é preciso não esquecer que, na maior parte das vezes, impõe medidas de reestruturação, como remédio, tão fortes e tão pesadas socialmente que são semelhantes a uma liquidação“, avisa.

A nacionalização do Novo Banco tem sido defendida por várias figuras da esquerda e da direita, de Manuela Ferreira Leite a Francisco Louçã, passando por Vítor Bento e José Maria Ricciardi.

Por seu turno, o PCP já anunciou que não admite outro cenário que não a manutenção do Novo Banco no Estado e que vai levar ao Parlamento um projecto de resolução nesse sentido.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Já vêm com quase um ano de atraso, já para não falar na despesa extra em ordenados a quem está a tratar da “venda. Foi sugerido pelo Dr. Vitor Bento em Fevereiro 2016, entre outras sugestões validas que fez.
    Porque não foi ouvido então?

  2. Parece-me que estamos numa ANARQUIA, há a demonstração de incapacidade de decisões , não há atitudes de responsabilidades, parece que as decisões estão a passar para o futuro, é um deixa andar numas coisas, noutras, há imposições que lembra a Ditadura. Parece-me que não há uma preocupação com os portugueses e isso entristece-me.

RESPONDER

Há uma forma de reduzir erros na computação quântica (e já sabemos qual é)

Na computação quântica, assim como no trabalho em equipa, um pouco de diversidade pode ajudar a melhorar o resultado. Esta pode mesmo ser a chave para pôr fim aos erros na computação quântica. Ao contrário dos …

Coimbrões 0-5 FC Porto | Dragões goleiam e seguem em frente na Taça

O FC Porto venceu hoje o Coimbrões, por 5-0, em jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal que os «dragões» resolveram com três golos nos 12 minutos iniciais. Aproveitando a inexperiência e nervosismo da formação …

Produção de filmes em Hollywood é um inimigo silencioso do ambiente

Hollywood é casa para a maioria dos grandes filmes produzidos que estreiam nas salas de cinema espalhadas por todo o mundo. Contudo, consegue ser bastante prejudicial para o meio ambiente e, mais do que nunca, …

O escorbuto era uma doença comum entre piratas, mas pode estar de regresso

O número de casos de escorbuto no Reino Unido mais do que duplicou nos últimos anos. A desnutrição é um dos principais responsáveis pelo regresso desta doença. O escorbuto está em ascensão no Reino Unido e …

Dois veleiros robotizados vão medir alterações climáticas no Atlântico

Dois veleiros de navegação robotizada vão medir, durante os próximos quatro meses, a pegada das mudanças climáticas no oceano Atlântico e irão passar pela Madeira e Cabo Verde. A Plataforma Oceânica das Canárias (PLOCAN) libertou esta …

A educação científica está sob ataque legislativo nos Estados Unidos

São inúmeros os professores de ciências que trabalham diariamente nas escolas públicas dos Estados Unidos para garantir que os alunos estão equipados com o conhecimento teórico e prático necessário para enfrentar o futuro. No entanto, …

João Félix saiu lesionado com gravidade no jogo contra o Valência

João Félix, avançado português do Atlético de Madrid, saiu este sábado lesionado com "forte torção no tornozelo direito", ao minuto 78 do jogo contra o Valência, da nona jornada da Liga espanhola de futebol, disputado …

As traças ficaram mais escuras por causa da Revolução Industrial? Cientistas já sabem a resposta

No virar do século XIX, na Grã-Bretanha, traças de todo o país começaram a ficar gradualmente mais escuras em resposta à forte poluição provocada pela Revolução Industrial. A Revolução Industrial foi um período de grandes transformações …

Mais de mil médicos foram alvo de processos disciplinares. 45 foram condenados, nenhum foi expulso

Mais de 1.070 processos disciplinares a médicos foram abertos no ano passado pelos conselhos disciplinares da Ordem, tendo sido condenados 45, segundo dados este sábado divulgados. Segundo os dados da Ordem dos Médicos, os conselhos disciplinares …

Publicar no Instagram rende mais a Ronaldo do que jogar na Juve

As publicações pagas no Instagram rendem mais a Cristiano Ronaldo do que jogar na Juventus, revela um estudo do Buzz Bingo. O internacional português foi a personalidade mais bem paga neste rede social em 2018. De …