Carlos César considera propostas para o Novo Banco “vexatórias” e admite nacionalização

O presidente do PS considera as propostas de compra do Novo Banco “vexatórias” e admite a hipótese da nacionalização do banco como “uma etapa” para a reprivatização.

O jornal Expresso noticia, na edição de hoje, que Carlos César defende que o novo banco seja “nacionalizado para ser reprivatizado mais tarde em melhores condições”.

O presidente do PS vai mais longe e afirma mesmo que o processo de venda liderado por Sérgio Monteiro se revelou “um fiasco”, pois as propostas entregues até agora, tal como estão atualmente, são “quase vexatórias”.

“O Governo deve resistir a uma venda ruinosa. O ideal é a venda. O objetivo final é a venda, mas a nacionalização pode ser uma etapa para a reprivatização mais tarde“, diz o também líder da bancada socialista.

Simultaneamente, Carlos César defende a necessidade de encontrar uma solução para o crédito malparado para a banca, sublinhando que se o malparado for retirado do Novo Banco, a instituição passa a ter valor positivo, mesmo que o Estado seja chamado indiretamente a suportar custos ou riscos.

Segundo o semanário, estas declarações revelam que aquela que é a melhor proposta para o Banco de Portugal (a do fundo Lone Star) é uma má proposta para o Governo.

As declarações de Carlos César ao jornal Expresso surgem na mesma semana em que o ministro das Finanças, Mário Centeno, admitiu nacionalizar o Novo Banco.

Esta nova hipótese vem contrariar aquela que era inicialmente a posição assumida pelo Governo, a de encontrar uma solução para o Novo Banco que não tivesse impacto nas contas públicas ou encargos para os contribuintes.

Esta “linha vermelha” definida pelas Finanças eliminaria à partida a possibilidade de nacionalização da instituição, o que, afinal, nos últimos dias passou a surgir como uma hipótese, colocada pelo próprio Governo que antes se impusera aqueles limites.

O Novo Banco foi criado no início de agosto de 2014, na sequência da resolução do Banco Espírito Santo (BES), e é um banco de transição detido integralmente pelo Fundo de Resolução bancário.

Depois do colapso do BES, o Novo Banco foi capitalizado com 4.900 milhões de euros através do Fundo de Resolução Bancária. O Estado português entrou com 3.900 milhões de euros neste Fundo e os bancos com os restantes 1.000 milhões.

Em dezembro de 2015 foram prolongadas as garantias estatais ao Novo Banco e a data limite para a sua venda foi estendida, por acordo com a Comissão Europeia, até agosto de 2017. Entre os concorrentes estão os fundos chinês China Minsheng e norte-americanos Lone Star e Apollo.

// Lusa

RESPONDER

-

Biquínis enfeitiçados: marca cria coleção inspirada nas princesas da Disney

Com o verão a chegar, a Enchanted acaba de lançar uma nova linha de roupa de banho. A nova colecção de biquínis é inspirada nas princesas da Disney.  A loja e marca de roupa de banho …

Marine Le Pen em comício da Frente Nacional durante a campanha para as presidenciais francesas

Marine Le Pen diz que se ganhar as eleições a União Europeia vai morrer

A candidata da extrema-direita francesa Marine Le Pen afirmou este domingo que se for eleita presidente da França a União Europeia (UE) "vai morrer", porque "as pessoas já não a querem". As afirmações da candidata presidencial …

-

Trump não para de mexer em coisas nas reuniões (entre outras desordens mentais)

O estado mental do novo presidente dos Estados Unidos tornou-se um agitado tema de discussão nas redes sociais, nos meios de comunicação - e até no seio da comunidade científica norte-americana. "Eu não sei o que …

-

Bloco quer preparar com urgência o país para a saída do Euro

A coordenadora do Bloco de Esquerda defendeu hoje a urgência de preparar o país para a saída do euro, rejeitando que Portugal fique "no pelotão da frente" de uma Europa que "caminha para o abismo". Em …

O que poderá ser o novo super-carro McLaren BP23, tal como imaginado pela Autocar

Novo McLaren BP23 vai custar 2,3 milhões de euros

Apesar do seu preço exorbitante, todos os 106 unidades que serão produzidas estão já reservadas por clientes que, além de um sinal de cinco dígitos, tem de já ter hoje em casa, pelo menos, um …

-

Tribunal egípcio condena 56 pessoas por naufrágio que vitimou emigrantes

O Tribunal Penal de Rashid, no Egito, condenou hoje 56 pessoas a penas de dois a 13 anos de prisão pelo naufrágio de um barco que provocou a morte de 203 emigrantes em setembro passado, …

-

Físicos provam que é impossível arrefecer um objecto a zero absoluto

Os físicos Lluís Masanes e Jonathan Oppenheim, da Universidade College London, no Reino Unido, derivaram a terceira lei da termodinâmica a partir dos primeiros princípios. Em janeiro, físicos do Instituto Nacional de Padrões e Tecnologia dos EUA …

O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un

Coreia ameaça ataque preventivo sem piedade e sem aviso

A Coreia do Norte ameaçou este domingo realizar um ataque preventivo caso detecte qualquer tentativa de abalar a sua liderança e a sua soberania, em resposta às manobras militares que a Coreia do Sul e …

-

Líder da oposição da Rússia detido durante mega-manifestação contra a corrupção

O opositor russo Alexeï Navalny foi hoje detido pela polícia durante a manifestação contra a corrupção que reuniu milhares de pessoas no centro de Moscovo, anunciou a sua porta-voz. O líder oposicionista Alexeï Navalny “foi detido …

-

Bancos cobram comissões ilegais aos clientes sem prestar qualquer serviço

A Deco acusa a banca de cobrar comissões aos clientes sem prestar qualquer serviço, como por processamento de prestação de crédito ou manutenção de conta, e de querer compensar as perdas da intermediação financeira com …