Encontrada a múmia do pai do último xá do Irão

(dr)

Reza Xá Pahlavi, fundador da dinastia Pahlavi e pai do último xá do Irão

Um corpo mumificado, descoberto próximo da capital do Irão, pertence “muito provavelmente” ao pai do último xá do país.

Os restos mumificados foram encontrados na passada segunda-feira, quando estavam a ser realizados trabalhos de construção de um santuário em Shahr-e Ray, a sul do Teerão. Os restos mumificados podem pertencer a Reza Xá Pahlavi, fundador da dinastia Pahlavi e pai do último xá do Irão.

Depois da revolução de 1979, o túmulo do último monarca iraniano foi destruído, mas os seus restos mortais nunca foram encontrados. O neto do antigo xá, Reza Pahlavi, que vive nos Estados Unidos, afirmou que o corpo pertence “muito provavelmente” ao seu avô.

Num comunicado partilhado na rede social Twitter, o neto pediu às autoridades iranianas que permitam que profissionais médicos da sua confiança tenham acesso ao corpo (depois de ficar comprovado que os restos mortais são, de facto, do seu avô), de modo a realizar um enterro adequado.

“Se não como o pai do Irão moderno ou como um Rei, então apenas como um simples soldado e servo de seu país e do seu povo, Reza Xá deve ter um túmulo gravado num local conhecido por todos os iranianos”, escreveu o neto do monarca.

À agência de notícias ISNA, o presidente do Comité do Património Cultural do Teerão afirmou que “é possível” que o corpo pertença ao antigo xá. No entanto, alguns meios de comunicação vieram já contestar essa informação.

(dr) Tasnim / BBC

À esquerda, a múmia que será alegadamente de Reza Xá Pahlavi; à direita, o corpo do monarca iraniano

Reza Pahlavi chegou ao poder em 1925 –  quatro anos após um golpe orquestrado pelo Reino Unido, que pôs fim à dinastia Qajar, – e governou o Irão durante mais de 50 anos.

O xá estabeleceu uma monarquia constitucional e introduziu muitas reformas tanto económicas como sociais, como a mudança do nome do país para Irão e o fim da imposição do véu para as mulheres iranianas.

Em 1944, morreu no exílio, na África do Sul, três anos depois de ter sido forçado a abdicar a favor do seu filho Mohammad Reza Pahlavi, pelas forças britânicas e russas.

O seu corpo foi inicialmente embalsamado e enterrado no Egito, mas acabou por ser transferido para o país que governou alguns anos depois. O amusoléu onde foi enterrado foi destruído em 1979, na revolução que depôs o seu filho.

ZAP // BBC

PARTILHAR

RESPONDER

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE (mas é o 3.º que menos recicla)

Portugal produz menos lixo do que a média da OCDE, mas é o 3.º que menos recicla, revelaram dados recentes da organização internacional. Em 2017, cada português produzir quase 500 quilogramas de lixo, valor inferior …

Novas demissões na Agência de Informações Financeiras do Vaticano

Um membro da entidade de regulação financeira do Estado do Vaticano, Marc Odendall, demitiu-se na sequência de buscas realizadas pela polícia e que originaram na suspensão do organismo do sistema de comunicações global. Marc Odendall, banqueiro …

Governo e Liga de clubes discutem redução do IVA para espetáculos desportivos

Secretário de Estado do Desporto afirma querer ouvir as reivindicações do organismo, mas sem se comprometer. O secretário de Estado da Juventude e do Desporto anunciou ontem que vai reunir-se com representantes da Liga Portuguesa de …

Tufão obriga a retirada de cerca de cinco mil pessoas do norte das Filipinas

Cerca de cinco mil pessoas foram retiradas do norte das Filipinas devido à aproximação do tufão Kalamaegi, que deverá tocar terra na província de Cagayan nas próximas horas, disseram esta terça-feira as autoridades locais. "Estamos preparados …

Acabaram-se as trotinetas no Algarve. Duraram 10 meses

A vereadora considera, no entanto, que a experiência foi “positiva”, já que permitiu recolher dados de mobilidade, nomeadamente, da utilização destas soluções em pequenos trajetos, ao mesmo tempo que colocou a questão na agenda pública. Sophie …

EasyJet diz que será a primeira a alcançar a neutralidade carbónica na aviação

A companhia aérea britânica easyJet afirmou esta terça-feira que será a primeira no mundo a alcançar a neutralidade carbónica através das compensações. Num comunicado publicado no seu site oficial, a companhia low cost anuncia ainda um …

Número de pré-avisos de greve até outubro é o mais alto dos últimos quatro anos

O número de pré-avisos de greve até outubro foi o mais alto dos últimos quatro anos, totalizando 781, segundo dados da Direção Geral do Emprego e das Relações do Trabalho (DGERT). Entre janeiro e outubro deste …

Na Índia, já há "bares de oxigénio" para quem quiser respirar ar puro

A Índia é um dos países mais contaminado do mundo. Desde o final de outubro, a poluição alcançou um nível crítico devido à queimada de restolhos nos campos. Agora, há uma solução arrojada para que os …

Depois do Papão Harrison, o novo exame foi "duro" (e muitos jovens médicos já pensam em emigrar)

Foram quatro horas de exame, com 150 perguntas, na temida Prova Nacional de Acesso para a Formação Especializada em Medicina e muitos dos jovens médicos não conseguiram concluí-la. Os que temem não conseguir aceder à …

Situação trágica. "Veneza está a desaparecer"

A situação em Veneza é trágica, com 85% da cidade italiana inundada depois das piores cheias dos últimos anos. Mas estas inundações são apenas um alerta para o que pode vir a seguir, já que …