Mulher em estado vegetativo há dez anos deu à luz nos Estados Unidos

A polícia abriu uma investigação no estado do Arizona, nos EUA, depois de receber informações sobre uma paciente que, em estado vegetativo há uma década, acaba de dar à luz.

A mulher é paciente de uma clínica administrada pela organização Hacienda HealthCare, da cidade de Phoenix. A organização não deu detalhes sobre o caso mas disse que estar atenta ao “incidente profundamente perturbador”.

O braço local da emissora de televisão CBS relatou que o bebé está saudável, e citou uma fonte segundo a qual a equipa da clínica não sabia que a mulher, que não foi identificada, estava grávida.

A filial da CBS em Phoenix, KPHO-TV, informou que a mulher deu à luz no dia 29 de dezembro. “Ninguém da equipa sabia que ela estava grávida praticamente até que entrou em trabalho de parto”. A mesma fonte disse que a paciente precisava de atenção 24 horas por dia e que muita gente tinha acesso ao seu quarto.

Ninguém sabe o que se passou, mas certo é que o caso está a ser investigado a vários níveis, para se perceber o que aconteceu e quem falhou na proteção de uma pessoa sem capacidade para reagir e defender-se. Um porta-voz da polícia de Phoenix disse que o caso “está em investigação”, mas não disse quando a apuração começou e nem deu mais detalhes sobre o assunto.

O incidente despoletou um clima de insegurança que já se instalou na instituição. Ao The Washington Post, uma mãe garante que passou a dormir na clínica, onde a filha de 22 anos está internada, para garantir que nada lhe acontece até que o abusador seja encontrado. “Ela não consegue andar ou falar, mas percebe”, explica, depois de dizer não saber se a filha foi vítima de algum tipo de abuso.

O protocolo na clínica mudou depois do incidente e, agora, os homens que entram em quartos ocupados por mulheres devem ser acompanhados por mulheres da equipa.

David Leibowitz, porta-voz da Hacienda HealthCare, acrescentou que a organização está “completamente comprometida em descobrir a verdade do que é, para nós, um assunto sem precedentes”. O departamento de Serviços de Saúde do Arizona disse ter enviado inspetores para observar os pacientes e tomado “maiores medidas de segurança”.

A Hacienda HealthCare tem como missão cuidar de “pacientes jovens, adolescentes, crianças e bebés cronicamente doentes e clinicamente frágeis, assim como outros com incapacidades intelectuais e transtornos de desenvolvimento”. A instituição trata de cerca de 2.500 pessoas por ano.

Esta não é a primeira vez que estabelecimentos da Hacienda HealthCare têm problemas com a conduta sexual de funcionários.

ZAP // BBC

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Espero que as conclusões do inquérito não levem a alguma corrente de ar no quarto da paciente, que o responsável seja descoberto e punido devidamente.

  2. As investigações vão descobrir que era um espermatozóide que também esteve em coma e que só há 9 meses atrás entrou em acção depois de despertar 😀

RESPONDER

Há uma nova ameaça nas salas de aula e chama-se Fortnite

O jogo online mais popular do mundo, com mais de 200 milhões de utilizadores registados, encanta crianças cada vez mais novas. Numa escola primária do Montijo, as aulas passaram a decorrer de forma diferente por …

Empresa portuguesa quer produzir alface em câmaras frigoríficas (e podem ser levadas para Marte)

A empresa Grow to Green promete que vai produzir alimentos indoor. É possível gastar menos 98% de água na produção de alface, o que permite cultivá-lo diretamente no supermercado, no deserto ou, quem sabe um …

May rejeita novo referendo, apresenta Plano B do Brexit e pede ajuda à oposição

A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, rejeitou esta segunda-feira convocar um segundo referendo sobre o Brexit e afirmou que espera voltar a debater com a União Europeia o controverso plano de salvaguarda elaborado para …

Porto vende 35 mil francesinhas por dia (e os turistas adoram)

O Porto vende pelo menos 35 mil francesinhas por dia nos mais de 700 cafés e restaurantes da cidade, o que significa que por mês há cerca de um milhão daquelas sanduíches especiais a serem …

China limita número de alpinistas autorizados a escalar Everest

O número total de alpinistas que tentam alcançar o topo do Everest, a 8.850 metros de altitude, a partir do norte, serão limitados a menos de 300, e a temporada de escalada será restringida à …

Rede francesa de solidariedade acolhe brasileiros que queiram fugir de Bolsonaro

Solidarité Brésil é o nome da iniciativa, lançada esta sexta-feira, em Paris, que tem como objetivo ajudar estudantes, artistas ou intelectuais que se sintam ameaçados no Brasil de Jair Bolsonaro. Podem ser estudantes, investigadores, artistas, professores, …

Todos os dias cinco portugueses tornam-se britânicos

Todos os dias, em média, cinco emigrantes portugueses tornam-se britânicos. Só entre janeiro de 2017 e setembro de 2018, 2.655 emigrantes no Reino Unido conseguiram obter cidadania britânica, número que supera o total de autorizações …

O maior encontro religioso do mundo leva 150 milhões de pessoas à Índia

Até 04 de março, são esperados na cidade indiana Allahabad cerca de 150 milhões de peregrinos, que buscam proteção e purificação nas águas que cruzam os rios sagrados Ganges, Yamuna e Saraswati, durante aquele que é …

Ciclistas indignados com anúncio que mostra bicicleta a ser abalroada

Um anúncio de publicidade do Continente em que um ciclista é abalroado por um automóvel está a gerar indignação. A Federação Portuguesa de Ciclismo já pediu a retirada do anúncio e apresentou queixa à Entidade …

Hoje, Wall Street parou. É dia de Martin Luther King Jr

Desde 1986 que se realiza, nos EUA, na terceira segunda-feira de janeiro, o dia de Martin Luther King Jr., um feriado federal. A bolsa de Nova York estará encerrada, assim como a maior parte das …