Morreu o primeiro doente diagnosticado com pneumonia viral na China

Bin-Cai/Flickr

As autoridades chinesas anunciaram este sábado a morte de um primeiro doente com pneumonia viral em Wuhan, capital da província central chinesa de Hubei.

As autoridades chinesas anunciaram a morte de um primeiro doente com pneumonia viral em Wuhan, capital de Hubei. A Comissão Municipal de Saúde de Wuhan acrescentou que sete pacientes estão em estado considerado crítico, dos 41 casos de pneumonia causada por um novo tipo de coronavírus diagnosticados até sexta-feira.

Os restantes pacientes estão estáveis e dois já tiveram alta hospitalar. A comissão acrescentou que 739 pessoas, incluindo 419 do pessoal médico, que mantiveram contactos próximos com os doentes, estão sob observação e até ao momento não foram identificados quaisquer casos relacionados com a doença.

O estado dos doentes e a situação epidémica estão atualmente sob controlo, disse Wang Guangfa, um dos membros da equipa nacional chinesa de peritos médicos que está a acompanhar a situação em Wuhan. A proporção de casos graves é semelhante à verificada em casos de pneumonia comum, notou Wang.

A 5 de janeiro, Wuhan, cidade onde residem 11 milhões de pessoas, tinha registado 59 casos de pneumonia viral, na altura sem causa conhecida. Os primeiros casos foram detetados no fim de dezembro último. Em Macau, o diretor dos Serviços de Saúde, Lei Chin Ion, disse não ter sido registada qualquer ocorrência no território, que tem duas ligações aéreas diárias com Wuhan.

Ainda assim, a região semiautónoma chinesa elevou, no domingo passado, o nível de alerta de emergência para três para reforçar a prevenção e coordenação na resposta à pneumonia viral do centro da China. Também em Hong Kong não foi diagnosticado qualquer caso relacionado com os de Wuhan, informou na quarta-feira a Autoridade Hospitalar de Hong Kong.

Os coronavírus são uma espécie de vírus que causam infeções respiratórias em seres humanos e animais e são transmitidos através da tosse, espirros ou contacto físico.

Alguns destes vírus resultam apenas numa constipação, enquanto outros podem gerar doenças respiratórias mais graves, como a pneumonia atípica, ou Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS), que entre 2002 e 2003 matou mais de oito mil pessoas em todo o mundo.

Nos últimos anos, a síndrome respiratória do Médio Oriente, um coronavírus que começou na Jordânia e na Arábia Saudita, em 2012, alastrou por cerca de duas dezenas de países, com perto de 2.500 casos confirmados em laboratório, incluindo mais de 800 mortes.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Não foram meteoros. Uma forte atividade vulcânica arrefeceu a Terra há 13 mil anos

Porque é que a Terra arrefeceu repentinamente há 13 mil anos? Sedimentos antigos encontrados numa caverna no Texas, nos Estados Unidos, parecem ter resolvido este grande mistério. Alguns cientistas acreditam que o fenómeno que arrefeceu repentinamente …

Novo método prevê erupções solares com algumas horas de antecedência

Um novo método capaz de prever explosões solares poderia ajudar a Humanidade a preparar-se contra possíveis desastres causados por este fenómeno explosivo da nossa estrela. As erupções solares são explosões que ocorrem na superfície do Sol …

Mulan a preço premium estreia na Disney+ em setembro

A adaptação live-action de Mulan tem nova data de estreia. O anúncio foi feito pela Disney nesta terça-feira (4). O filme chega à plataforma de streaming Disney+ no dia 4 de setembro, estando disponível em …

Belgas trocam as voltas à pandemia e passam férias nas árvores

Enquanto uns passam o verão em casa, outros atrevem-se a ter uma experiência diferente. Alguns belgas estão a passar as noites de verão pendurados em árvores, em tendas em forma de lágrima. A pandemia de covid-19 …

Máscara inteligente traduz até oito línguas (mas não protege do coronavírus)

Esta máscara inteligente, criada por uma empresa japonesa, consegue traduzir o discurso do seu utilizador em várias línguas (mas, por si só, não o protege do novo coronavírus). Quando a pandemia de covid-19 transformou as máscaras …

Empresa fica com excedente de 40 mil quilos de frutos secos devido à covid-19

A GNS Foods, a empresa que nos últimos 30 anos forneceu os frutos secos à American Airlines, ficou com um excedente de 40 mil quilos por causa de restrições impostas devido à covid-19. Servir frutos secos …

Astronautas da NASA fizeram partidas por telefone para "matar" tempo durante o regresso à Terra

Os astronautas da NASA Bob Behnken e Doug Hurley fizeram algumas partidas por telefone durante o regresso à Terra a bordo cápsula Dragon, da empresa SpaceX de Elon Musk, num voo que foi duplamente histórico. …

Em plena pandemia, há um venezuelano que assegura os funerais no Peru

Ronald Marín é a última esperança para os habitantes de Comas, em Lima. O venezuelano é o único que realiza funerais católicos num cemitério longe do centro da capital, em plena pandemia. Vestido com uma túnica …

Covid-19 pôs mais de um milhão de portugueses em teletrabalho no 2.º trimestre

Um milhão de pessoas esteve em teletrabalho no segundo trimestre, sobretudo devido à covid-19, o equivalente a 23,1% da população empregada, enquanto mais de 600 mil não trabalharam nem no emprego nem em casa. De acordo …

Dia da Defesa Nacional regressa ao formato presencial a 2 de setembro

O Dia da Defesa Nacional, que está suspenso desde o dia 9 de março devido à pandemia de covid-19, irá regressar ao formato presencial a 2 de setembro, anunciou o Governo esta quarta-feira. Em comunicado, o …