Morreu o rei Abdullah da Arábia Saudita

Tribes of the World / Flickr

O rei da Arábia Saudita, Abdullah bin Abdulaziz Al Saud, e o o príncipe herdeiro, Salman.

O rei da Arábia Saudita, Abdullah bin Abdulaziz Al Saud, e o o príncipe herdeiro, Salman.

O rei Abdullah da Arábia Saudita morreu hoje, com uma pneumonia, tendo sido nomeado para lhe suceder o príncipe herdeiro Salman, segundo uma declaração oficial.

O anúncio da morte do rei Abdullah bin Abdulaziz Al Saud, de 90 anos, foi feito pela televisão estatal, que citou um comunicado da casa real.

O óbito, atribuído a uma pneumonia, ocorreu à 01:00 horas locais, 03:00 de Lisboa.

O rei Abdullah da Arábia foi o soberano do reino saudita de 2005 a 2015, quando sucedeu ao seu meio-irmão, o rei Fahd da Arábia Saudita. Foi o príncipe herdeiro desde 1982 e o príncipe regente do país durante a doença prolongada do irmão, de 1996 até à sua coroação, em 2005.

Abdullah era muito crítico de Israel e opositor da presença síria no Líbano. Os seus críticos consideram-no um ditador teocrático e o mais fanático islamista dos soberanos sauditas, que persegue impiedosamente os seus inimigos, com constantes violações dos direitos humanos.

Em 2008, Abdullah foi responsável pela conferência “Cultura da Paz”, na Assembleia Geral das Nações Unidas, que conseguiu reunir nações ocidentais e muçulmanas para discutir o preconceito contra o Islamismo e o Terrorismo.

Sobrinho é o próximo herdeiro

O novo rei saudita, Salman bin Abdul-Aziz, designou já esta sexta o seu sobrinho Mohammed bin Nayef, como segundo na linha sucessória da monarquia, segundo um decreto real divulgado pela imprensa oficial saudita.

Bin Nayef ocupa actualmente o cargo de ministro do Interior saudita e é filho de Naif bin Abdul Aziz, irmão do actual rei, falecido em 2012.

ZAP / Lusa / Wikipedia

PARTILHAR

RESPONDER

Merkel admite: Greta Thunberg teve influência nas novas medidas alemãs pelo ambiente

A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou nesta sexta-feira que o seu governo decidiu ser mais ambicioso nas medidas contra as alterações climáticas como resposta à mobilização e marchas pelo ambiente de crianças e adolescentes inspirados …

Google paga prémios até centenas de milhares de euros para descobrir bugs

A Google aumentou o valor dos prémios que oferece a quem descobrir bugs nos seus produtos e serviços. Alguns dos prémios podem mesmo chegar aos milhares de euros. Ganhar dinheiro ao descobrir bugs é algo desconhecido …

Identificado suspeito do incêndio no estúdio de animação no Japão. Queixa-se de plágio

Esta quinta-feira, um incêndio no estúdio de animação KyoAni provocou 33 mortos e 35 feridos. Confirmadas as suspeitas de que o desastre resultara de fogo posto e que o autor usara gasolina para propagar as …

Nunca ninguém mandou tanto tempo como Benjamin Netanyahu

Benjamin Netanyahu foi o primeiro chefe de Governo de Israel a nascer no país — em Telavive, a 21 de outubro de 1949, um ano após a criação do Estado.  Foi também o primeiro-ministro mais …

Vulcão Etna acordou e entrou de novo em erupção

O Etna voltou a acordar lançando lava de uma das crateras localizadas na área desértica do topo do vulcão siciliano, de acordo com o Instituto Nacional Italiano de Geofísica e Vulcanologia (INGV). A atividade é intermitente …

Agência Europeia para a Segurança da Aviação alerta para limitações dos Airbus 321neo

A Agência Europeia para a Segurança da Aviação (EASA) publicou na passada quarta-feira um estudo sobre um problema nos Airbus 321neo que pode dar origem a uma “redução do controle do avião”. O documento alerta todas as …

Carlos Vinícius por 17 milhões no Benfica. É o terceiro reforço mais caro das águias

O Benfica anunciou hoje como reforço o avançado brasileiro Carlos Vinícius, que assina por cinco temporadas, com o clube "encarnado" a pagar 17 milhões de euros ao Nápoles pela transferência. Os encarnados confirmaram a contratação do …

"Acharam que era empregado de mesa". Deputado Hélder Amaral denuncia racismo no Parlamento Europeu

O deputado do CDS-PP Hélder Amaral revela que foi vítima de racismo no Parlamento Europeu. O único deputado afro-descendente com assento parlamentar refere que "acharam que era empregado de mesa". Esta revelação foi feita por Hélder …

Há mais cinco dias para pagar o IVA (e mais mudanças noutros impostos)

Os deputados aprovaram esta sexta-feira, a proposta do Governo que altera diversos códigos fiscais, entre os quais mais cinco dias para o pagamento do IVA e eliminação de garantia para dívidas mais baixas de …

Deputado vai ser testemunha no caso do incêndio de Monchique. Mas não conhece o arguido

O deputado social democrata Cristóvão Norte vai testemunhar em defesa do suspeito do crime de incêndio, que deflagrou em Monchique em 2018, mas não conhece o arguido nem a sua advogada. O deputado foi um dos …