Morreu Júlio Pomar

José Coelho / Lusa

O pintor Júlio Pomar

O pintor e artista plástico português Júlio Pomar faleceu esta terça-feira, no Hospital da Luz, em Lisboa. Tinha 92 anos.

O artista plástico português faleceu esta terça-feira, aos 92 anos, em Lisboa. O pintor modernista é autor de uma obra vasta, que além da pintura contempla o desenho, a cerâmica e a gravura, passando também pela escrita.

Nascido em 1926, em Lisboa, Júlio Pomar teve um início de carreira marcado pela oposição ao Estado Novo. Exemplo desse conflito são os dois painéis que desenhou para o Cinema Batalha, do Porto, que foram mandados tapar pela PIDE e cuja reconstituição faz parte do projeto de reabilitação daquele edifício, apresentado em julho do ano passado.

Júlio Pomar estudou na Escola António Arroio, em Lisboa. Nesta escola conviveu com personalidades como Mário Cesariny de Vasconcelos, José Gomes Pereira ou Artur Cruzeiro Seixas.

Ingressou na Escola de Belas Artes da capital em 1942. Enquanto estudante viu um quadro seu ser comprado por Almada Negreiros, que o fez expor no VII Salão de Arte Moderna do Secretariado de Propaganda Nacional.

Dois anos depois, descontente com a escola lisboeta, transfere-se para a congénere do Porto, hoje Faculdade de Belas Artes do Porto. Nesta instituição liga-se ao grupo de Fernando Lanhas, Júlio Resende e Amândio Silva, que organizam as Exposições Independentes.

Dois anos depois da chegada acaba por ser alvo de um processo disciplinar que o leva a sair da ESBAP em 1946. No ano seguinte foi preso pela PIDE. Em 1948 o Governo ordena a destruição dos frescos do Cinema Batalha. Em 1963 fixa residência em Paris – onde foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian – para regressar apenas 20 anos depois.

Em 2013 viu ser concretizado um desejo antigo com a inauguração do Ateliê Museu Júlio Pomar, em Lisboa, um edifício cuja remodelação foi projetada pelo arquiteto Álvaro Siza Vieira. Fica no nº 7 da Rua do Vale e reúne centenas de trabalhos do artista.

Ao longo de uma extensa carreira, Júlio Pomar expôs por inúmeras ocasiões em Portugal e no estrangeiro.

Recebeu também muitos prémios, de que são exemplo o prémio da Associação Internacional dos Críticos de Arte – Secretaria de Estado da Cultura (1994), o prémio Celpa/Vieira da Silva (2000), o prémio Amadeo de Souza-Cardoso (2003) e o Prémio Autores 2010.

O mais recente galardão recebeu-o ainda este ano: o Prémio Bissaya Barreto pelas ilustrações do livro “O cão que comia a chuva”, com texto de Richard Zimler.

// JPN

PARTILHAR

RESPONDER

Sem contrato com Estado, CP só tem dinheiro até junho

A CP - Comboios de Portugal enfrenta dificuldades de liquidez, não só por causa do impacto económico da pandemia, mas também porque o Estado ainda não pagou a respetiva compensação anual pelo serviço público prestado. De …

Encontradas ruínas de uma cidade chinesa construída há 5.300 anos

As ruínas de uma antiga cidade chinesa com 5.300 anos foram encontradas por uma equipa de investigadores. A descoberta revela um planeamento urbano sem precedentes. Uma equipa de investigadores encontrou as ruínas de uma antiga cidade …

Twitter coloca alerta de "verificação de factos" em publicações de Donald Trump

O Presidente dos Estados Unidos rejeitou na terça-feira a interferência do Twitter na "liberdade de expressão" que a rede social exerceu diretamente contra um texto publicado, através do novo processo de verificação de mensagens. "O Twitter …

PSP detém dois polícias suspeitos de integrar grupo criminoso violento

Dois polícias foram detidos numa operação que a PSP está a realizar, esta quarta-feira, em várias zonas do país, em particular em Lisboa e em Setúbal, no âmbito de uma investigação sobre um grupo criminoso …

Queda de 7% do PIB e desemprego nos 10%. As previsões do Governo divulgadas aos partidos

Queda de 7% no PIB, défice de 6,5% e taxa de desemprego a atingir os 10%. Estas são as previsões macroeconómicas do Governo, que continuou esta terça-feira a ronda com os partidos com assento Parlamentar. …

Proteína "antienvelhecimento" que atrasa crescimento celular é fundamental na longevidade

Uma equipa de cientistas identificou uma nova proteína antienvelhecimento, que controla o metabolismo das outras proteínas, um processo implicado no envelhecimento e na doença. Os seres humanos estão a viver mais do que nunca. No entanto, …

Em protesto, as farmácias vão fechar 23 minutos. Infarmed avisa que podem sofrer sanções

As farmácias estão vinculadas a obrigações legais e incorrem em sanções, avisou terça-feira a Infarmed, em resposta à Associação Nacional das Farmácias (ANF) que anunciou para esta quarta-feira uma paragem simbólica dos serviços farmacêuticos. “Inerente ao …

"Falta de confiança". Pedro Rodrigues demite-se de coordenador da bancada do PSD em rutura com Rio

O deputado do PSD Pedro Rodrigues demitiu-se esta terça-feira do cargo de coordenador da bancada na Comissão de Trabalho e Segurança Social, invocando "falta de confiança" do presidente do partido e do grupo parlamentar, Rui …

Morreu o antigo jogador do Sporting Maurício Hanuch. Tinha 43 anos

O argentino Maurício Hanuch, ex-futebolista do Sporting, morreu esta terça-feira, aos 43 anos, vítima de doença prolongada. Numa nota divulgada no seu site site, os leões manifestam o seu pesar pela morte do antigo jogador, Maurício …

Cientistas conseguiram controlar as decisões de macacos através de estimulação cerebral

Ondas ultrassónicas de alta frequência, destinadas a regiões cerebrais específicas, podem mesmo influenciar o comportamento dos macacos. O cérebro é um órgão muito difícil de tratar. Além de a grande maioria dos medicamentos ter vários efeitos …