Morgan Freeman come, bebe, fuma, snifa e defende a legalização da marijuana

Nathan Congleton / Flickr

O actor Morgan Freeman

Morgan Freeman junta-se ao coro dos que defendem a legalização da Canábis nos EUA e assume que ele próprio a consome, de todas as formas possíveis.

Eu como-a, bebo-a, fumo-a, snifo-a!” Eis como Morgan Freeman se assume adepto do uso da Canábis, revelando, em declarações ao Daily Beast citadas pelo The Guardian, que foi a sua primeira mulher que o introduziu à droga “há muitos anos”.

O actor de 77 anos, um dos mais conceituados de Hollywood e vencedor de um Óscar, revela que usa a Canábis para as dores crónicas de que diz sofrer, desde que teve um acidente de carro em 2008, quando fracturou vários ossos no braço esquerdo, no cotovelo e no ombro.

“Eu tenho dores de fibromialgia neste braço e a única coisa que me dá algum alívio é a marijuana. Falam sobre miúdos que têm convulsões epilépticas e descobriram que a marijuana ameniza isso a um ponto em que estas crianças podem ter uma vida. Isso diz logo, quanto a mim, “legaliza-a em toda a linha!””, assevera Morgan Freeman.

O actor considera que o movimento pela legalização está “a ganhar pernas, pernas maiores” e entende que o “impulso” definitivo para isso acontecer de vez “será perceber que o álcool não tem nenhum uso medicinal”, enquanto “a marijuana tem muitos usos úteis”.

Morgan Freeman também destaca os benefícios culturais da Canábis, lembrando, nomeadamente, o ambiente festivo do Festival de Woodstock dos anos de 1960, em comparação com a repetição do mesmo evento vários anos depois, em que ocorreram vários motins e detenções.

“Olhe para Woodstock em 1969. Eles disseram, ‘Não vamos incomodá-los ou dizer nada sobre fumar marijuana,’ e nem um problema ou disputa. Depois, olhe para o que aconteceu em 1999”, refere Morgan Freeman.

A Canábis para uso recreativo foi legalizada em quatro estados norte-americanos, enquanto que em outros 12 é permitida para uso medicinal e/ou a sua posse está descriminalizada.

ZAP

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

A Bugatti está a vender um carro elétrico "para crianças". Chama-se Baby II e custa 30 mil euros

A Bugatti e a Little Car Company, sediada em Londres, uniram-se para criar 500 Bugattis elétricos em miniatura para crianças. Agora, fruto dos desenvolvimentos mundiais, alguns veículos ficaram disponíveis para compra. O mais recente brinquedo da …

50 anos de monarquia e uma guerra de dias. A pandemia "matou" a micronação mais antiga da Austrália

O reinado de 50 anos de uma micronação na Austrália chegou ao fim devido ao impacto económico da pandemia de covid-19, que fez com que o autodeclarado principado se rendesse ao país. Hutt River, um principado …

NASA vai rebatizar planetas e outros corpos celestes com nomes ofensivos

A agência espacial norte-americana (NASA) anunciou que vai rebatizar alguns planetas, galáxias e outros corpos celestes que possuem nomes "ofensivos". Em comunicado publicado esta quinta-feira, a NASA explica que vai abandonar os nomes "não-oficiais" a …

O maior parque de crocodilos da Índia está à beira da falência. Abriga mais de 2.000 animais

O maior parque de crocodilos da Índia, localizado perto da cidade de Chennai, no sul do país asiático, encontra-se à beira da falência depois de a pandemia de covid-19 ter obrigado a fechar o espaço …

Campanha científica acrescenta mais de 37 mil quilómetros quadrados ao mapa do mar português

A campanha científica que o navio hidro-oceanográfico D. Carlos I da Marinha Portuguesa realizou durante nove semanas nos Açores, para levantamentos hidrográficos, permitiu “acrescentar cerca de 37.500 quilómetros quadrados sondados ao mapeamento do mar português”. Numa …

Apesar dos alertas, houve quem plantasse as sementes misteriosas da China (e já começaram a crescer)

Durante as últimas semanas, pessoas em todo o mundo têm recebido, sem ter encomendado, nas suas caixas de correio sementes com origem na China. Apesar dos avisos em contrário, houve quem plantasse os misteriosos presentes. As …

Marcelo veta redução de debates sobre a Europa. Não foi uma "solução feliz"

O Presidente da República vetou esta segunda-feira a redução do número de debates em plenário para o acompanhamento do processo de construção europeia de seis para dois por ano, defendendo que não foi uma “solução …

Boris Johnson admite alargar quarentena a mais países

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, admitiu esta segunda-feira alargar o sistema de quarentena a pessoas que cheguem de países atualmente isentos para reduzir o risco de infeção com a doença covid-19 no Reino Unido. "No contexto …

Novo lay-off. Ajuda da Segurança Social para pagar subsídios de Natal pode chegar só em 2021

O apoio ao pagamento do subsídio de Natal previsto pelo Governo para apoiar as empresas no âmbito do novo regime de lay-off, que entrou em vigor em agosto, poderá só ser pago pela Segurança Social …

Trump abandona conferência de imprensa após ser confrontado por jornalista com mentira que disse 150 vezes

O Presidente norte-americano abandonou uma conferência de imprensa, este sábado, depois de ter sido confrontado por uma jornalista com uma mentira que já terá dito mais de 150 vezes sobre cuidados de saúde para os …