Ministro acusou Europa de dar resposta “vergonhosa”, mas enganou-se nas datas

Tiago Petinga / Lusa

O Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, fala à imprensa

O ministro da Administração Interna enganou-se nas datas quando acusou a Europa de não responder atempadamente ao pedido de ajuda de Portugal, durante os incêndios de Pedrógão Grande.

A gafe foi cometida por Eduardo Cabrita durante o Fórum Europeu de Protecção Civil, que decorreu em Bruxelas, Bélgica, nesta terça-feira, reporta o Diário de Notícias.

O ministro da Administração Interna tentava reforçar a importância de haver um sistema de protecção civil europeu, queixando-se da “vergonha” dos atrasos na chegada de aviões espanhóis e franceses a Portugal, para ajudar nos fogos de Pedrógão Grande, e notando que Marrocos tinha disponibilizado auxílio mais depressa.

“Pedimos apoio bilateral a Espanha, França e Itália. Mas foi vergonhoso para a Europa. Na primeira semana, o único país que nos ajudou foi Marrocos. Só uma semana depois recebemos apoio dos nossos amigos europeus”, lamentou o governante, citado pelo DN.

Só que, na verdade, França e Espanha foram os primeiros a disponibilizar aviões a Portugal para ajuda no combate aos incêndios.

O jornal repara que, depois de a Autoridade Nacional Portuguesa de Protecção Civil ter activado o Mecanismo de Protecção Civil da União Europeia, França disponibilizou, “em menos de três horas”, dois Canadair e um avião de reconhecimento. Quando estes meios chegaram efectivamente a Portugal, “já dois aviões espanhóis operavam” em Pedrógão Grande. Os aviões disponibilizados por Marrocos chegaram apenas dois dias depois, salienta o DN.

Ministro admite ajustes directos de meios aéreos

Após a sua intervenção no Fórum Europeu de Protecção Civil, o ministro da Administração Interna disse que o Governo português não deixará de recorrer a todos os mecanismos, nomeadamente a contratação imediata por ajuste directo de meios aéreos, caso se verifiquem condições excepcionais antes do Verão.

“O nosso firme compromisso é que se em qualquer momento, mesmo em Março ou Abril, isto é, antes do Verão, tivermos condições excepcionais que o justifiquem, nós não deixaremos de recorrer a todos os mecanismos, designadamente, se for necessária, a contratação imediata por ajuste directo dos meios aéreos”, assumiu Eduardo Cabrita.

O ministro da Administração Interna pronunciava-se sobre o concurso urgente, anunciado a 1 de Março passado, que terá um prazo de 15 dias, para a contratação de 40 meios aéreos de combate a incêndios florestais para 2018 e 2020, num montante total de 48.888.667 euros.

“Não costumo antecipar aquilo que são as incidências de um concurso, eu diria que todas elas são para funcionar este Verão, mas aquilo que tenho dito sempre é que temos trabalhado muito perto com a antecipação de riscos meteorológicos“, realçou o ministro, especificando que o concurso estará “certamente” lançado e com candidaturas durante o mês de Março.

Após intervir no Fórum Europeu de Protecção Civil, o ministro sublinhou que foi o exemplo português que motivou a Comissão Europeia a adoptar, “num tempo recorde”, a proposta de um novo mecanismo europeu de protecção civil, que responda nos incêndios florestais, mas também em riscos de inundação, riscos sísmicos, ou de epidemias.

“A experiência da aposta na prevenção, de colocação de uma cultura de segurança no centro das nossas políticas públicas está a ser acompanhada muito de perto pela Comissão Europeia”, referiu.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. povo esta perdido com tanta burrice… estao entregues a bicharada…. Estes tubaroes comem tudo… armam se em intelectuais e contabilistas resto ‘e miseria de gente que nem sabem defender o eleitorado, os portugueses …
    mais um… a ganhar a nossa pala…

RESPONDER

Abstenção do PCP no OE serve para "evitar" crescimento das forças "antidemocráticas", diz João Oliveira

O líder parlamentar dos comunistas, João Oliveira, indiciou que a "arrumação" da direita, com o aparecimento do Chega e da Iniciativa Liberal (IL), pesou na definição da estratégia política do PCP, embora não "condicione" o partido. Na …

"Bolhas domésticas" e celebrações online. As sugestões de Bruxelas para o Natal

A Comissão Europeia pediu esta quarta-feira aos países da União Europeia (UE) para definirem “critérios claros” relativamente ao Natal, devendo estipular um número máximo de pessoas por ajuntamento, incentivar “bolhas domésticas” para passar as festividades …

PSD ouviu empresários em greve de fome e apela a Governo que os receba

O líder do grupo parlamentar do PSD apelou esta quarta-feira ao Governo para que receba os empresários da restauração e da animação noturna em greve de fome em frente ao Parlamento, depois de se ter …

China acusada de violar sanções à Coreia do Norte. EUA oferecem recompensa de 5 milhões

A China está a ser acusação de uma “violação flagrante” da obrigação de aplicar sanções internacionais à Coreia do Norte. Os Estados Unidos estão a oferecer uma recompensa de cinco milhões de dólares por informações. De …

Fabricante de aeronaves Embraer revela ter sido vítima de ataque informático

A fabricante aeronáutica brasileira Embraer informou esta terça-feira, em comunicado, que sofreu um ataque informático aos seus sistemas. A Embraer frisou, em comunicado divulgado aos acionistas, que o ataque “resultou na divulgação de dados supostamente atribuídos …

Filho de Michael Schumacher ascende à Fórmula 1 em 2021

O alemão Mick Schumacher, filho do antigo piloto Michael Schumacher, ascende à Fórmula 1 na próxima temporada, para pilotar um dos carros da escuderia Haas, anunciou esta quarta-feira a equipa norte-americana. Atual líder do campeonato de …

Costa diz que ilegalização do Chega não é resposta, mas sim solucionar problemas

O primeiro-ministro considerou esta terça-feira que a resposta política mais eficaz ao Chega não passa pela sua ilegalização, mas por solucionar os problemas sociais que alimentam o populismo e explicam a existência do partido. António Costa …

Após atropelamento que fez 5 mortos na Alemanha, polícia exclui hipótese de terrorismo

O condutor que ontem provocou cinco mortes ao atropelar várias pessoas numa zona pedonal, em Trier, mostra sinais de "distúrbios psiquiátricos", afirmou o procurador dessa cidade do oeste da Alemanha, com a polícia a descartar …

Sonangol admite sair do Millennium BCP se surgir uma "boa oportunidade"

A petrolífera angolana Sonangol, segundo maior acionista do Millennium BCP com cerca de 20%, admitiu aproveitar alguma “boa oportunidade” que surja para vender a sua participação. A informação foi transmitida pela Sonangol de Sebastião Gaspar Martins, …

Portugal com mais 68 mortos e 3.384 novos casos de covid-19

Portugal contabiliza esta quarta-feira mais 68 mortos relacionados com a covid-19 e 3.384 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da pandemia, Portugal já registou 4.645 …