Ministro fala em “divergência profunda”. Taxistas não saem do aeroporto

António Cotrim / Lusa

-

O ministro do Ambiente afirmou, no final da reunião com os representantes dos taxistas, que o encontro foi produtivo mas que “há uma divergência que é profunda”.

Os representantes das associações de taxistas saíram, cerca das 15h30, do Ministério do Ambiente, onde estiveram reunidos com o ministro João Matos Fernandes desde o final da manhã.

À saída do Ministério, os dirigentes associativos – Florêncio Almeida, da ANTRAL, e Carlos Ramos, da Federação Portuguesa do Táxi (FPT) – não fizeram qualquer declaração.

Por sua vez, o ministro do Ambiente, em declarações aos jornalistas, fez saber que a reunião foi produtiva, mas aludiu a uma “divergência profunda” de posições.

“Foi uma reunião muito produtiva, mas há uma divergência profunda que é a vontade dos taxistas de criar um contingente a uma atividade económica que não pode ser contingentada”, afirmou.

Entretanto, os representantes do setor dirigiram-se para a Rotunda do Relógio, perto do aeroporto de Lisboa, onde se concentram muitas centenas de taxistas.

Segundo o Diário de Notícias, o presidente da FPT apelou aos manifestantes que não abandonem o local, já que, da reunião com o ministro, trouxe apenas “uma mão cheia de nada”.

“Estamos disponíveis para discutir o contingente e a paragem dos ilegais. Mas para eles é assunto encerrado”, afirmou, citado pelo mesmo jornal.

O dirigente da ANTRAL também confirmou aos jornalistas que os taxistas vão ficar no local por tempo indeterminado. “Nós não devemos arredar pé”, disse o presidente da ANTRAL.

Quatro pessoas detidas

A polícia deteve mais uma pessoa na sequência de uma altercação com uma cidadã, também na Rotunda do Relógio, escreve o DN.

O episódio terá acontecido depois da residente ter subido a Avenida Almirante Gago Coutinho a pé para se queixar do facto de não poder sair de casa e entrar na Segunda Circular.

Durante a manhã, outros três taxistas já tinham sido detidos: um por danos a uma viatura da polícia, outro por arremesso de um objeto pirotécnico e outro por vandalizar um carro da Uber.

Alguns agentes tiveram mesmo de lançar petardos e gás pimenta contra os manifestantes.

Relativamente a estes episódios de violência, o dirigente da ANTRAL afirmou que “alguns polícias é que deviam ser detidos, porque eles é que provocaram esta confusão”, cita o Observador.

Nos últimos minutos, verificou-se um aumento policial na zona onde estão concentrados os taxistas e a chegada de vários reboques.

A PSP confirma que os reboques poderão ser utilizados para deslocar algumas viaturas, uma vez que a via está completamente cortada e os carros e transportes públicos não conseguem circular.

O protesto também fica marcado por um homem, que teve de ser assistido pelo INEM, depois de se ter atirado de um viaduto no mesmo local.

Quase seis meses depois de um primeiro protesto, os taxistas voltam a realizar uma marcha lenta contra plataformas como a Uber e a Cabify, que serão legalizadas pelo Governo até ao final do ano.

ZAP / Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. para mim chega !!! estes anormais dos taxistas estão a cavar a sua própria sepultura.
    Não irei usar mais um taxi em Portugal… usarei a Uber e qualquer outro serviço semelhante… e se não estiver disponivel vou de transporte publico… o meu dinheiro não entra mais nos bolsos destes arruaceiros e sem respeito pelo proximo… todos nós temos de viver no dia-a-dia com a concorrência e parece que somente estes senhores não se apercebem disto… que querem ? o monopolio ?

RESPONDER

Vacina russa chama-se "Sputnik V" e foi já pedida por 20 países

A vacina russa contra a covid-19, cujo registo foi esta terça-feira anunciado pelo Presidente, Vladimir Putin, chama-se "Sputnik V", vai começar a ser fabricada em setembro e já foi encomendada por 20 países. De acordo com …

Rui Pinto no Twitter: "Travessia do deserto” terminou mas a “luta continua”

Rui Pinto assumiu que a “árdua e longa ‘travessia do deserto’” chegou ao fim, aludindo à sua libertação, mas avisou que “a luta continua”, pois Portugal “continua um paraíso para a grande corrupção” e branqueamento …

PJ deteve suspeita de atear fogo florestal no Parque Nacional da Peneda-Gerês

A Polícia Judiciária (PJ) de Braga deteve uma mulher de 57 anos suspeita de atear um incêndio florestal registado em 4 de agosto no Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG), no concelho de Terras de Bouro. Em …

Mais duas mortes e 120 novos casos. Lisboa com 60% dos novos infetados

Portugal regista esta segunda-feira mais duas mortes, 120 novos casos de infeção por covid-19 e 160 curados em relação a segunda-feira, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde (DGS). O número de pessoas internadas é …

Encontrado cadáver com 30 anos em mansão abandonada em Paris

As obras de reforma numa mansão abandonada em Paris tiveram de ser suspensas inesperadamente depois de trabalhadores terem descoberto um cadáver a decompor-se na cave há 30 anos. De acordo com o jornal britânico The Guardian, …

Quase cem mil crianças contraíram a covid-19 em apenas duas semanas nos Estados Unidos

Noventa e sete mil crianças norte-americanas foram identificadas como infetadas com o novo coronavírus (covid-19) nas últimas semanas de julho. Os números relativos a estas duas semanas são avançados pela empresa norte-americana, que cita um relatório …

A1 terá novo acesso em Grijó no sentido sul/norte em 2021

A autoestrada A1 terá em 2021 um novo acesso em Grijó, concelho de Vila Nova de Gaia, no sentido sul/norte, revelou esta segunda-feira o presidente da autarquia que acredita que, com este projeto, o nó …

Tiros em frente à Casa Branca levam à retirada de Trump de conferência de imprensa

Um agente do Serviço Secreto retirou, esta segunda-feira, o Presidente norte-americano da sala na Casa Banca na qual estava a começar uma conferência de imprensa. O período em que Donald Trump esteve fora da sala foi …

Nani candidato a melhor jogador nos Estados Unidos

Internacional português e o colega João Moutinho (este para melhor jovem) estão na corrida para os prémios e também para o onze. Os futebolistas portugueses Nani e João Moutinho, ambos do Orlando City, estão entre os …

102 dias depois, coronavírus regressa à Nova Zelândia

A Nova Zelândia anunciou a sua primeira infeção por coronavírus transmitida localmente em 102 dias esta terça-feira, o que levou a primeira-ministra do país a emitir uma ordem de confinamento em Auckland, a maior cidade …