Depois de insistir no fim do diesel, ministro diz que em 2050 nem vamos precisar de ter carro

António Cotrim / Lusa

O ministro do Ambiente, João Pedro Matos Fernandes

O ministro do Ambiente, João Matos Fernandes, prevê que “em 2050, não vamos precisar de ter um carro”. Uma declaração que surge depois de ter preconizado que os automóveis a diesel estão em vias de extinção.

Foi durante uma intervenção em Inglês, na cimeira da Climate Change Leadership Porto, na Alfândega do Porto, que o ministro do Ambiente abordou a sua perspectiva quanto às tendências de futuro em termos de mobilidade e transporte.

“Em 2050, os engarrafamentos serão uma coisa do passado: a mobilidade será pública, partilhada, activa, conectada e zero-emissões de carbono. Não vamos precisar de ter um carro”, apontou João Matos Fernandes, como cita o Expresso.

Na óptica do ministro, a tendência é, cada vez mais, para a partilha de recursos, numa estratégia de economia circular, em que as pessoas podem prescindir de ser proprietárias de carros próprios. Ao invés, a aposta será no aluguer ou partilha de veículos, pagando-se pelo seu uso, como já acontece nalgumas cidades.

João Matos Fernandes chegou à conferência de carro eléctrico, um tipo de automóvel “que já está no futuro”, como sublinhou, depois de ter afirmado, com grande controvérsia, que os veículos a diesel vão acabar nos próximos anos.

“No futuro os carros a gasóleo não serão competitivos“, reforçou, sustentando que o objectivo é “ter 20% de energias renováveis no consumo nos transportes”.

Perspectivando a vida em sociedade no ano de 2050, o ministro salientou que haverá edifícios a “produzir mais energia do que aquela que consomem” e que “será normal usar água da chuva”, bem como “água tratada depois de usada” para as rotinas diárias e para beber.

“As áreas urbanas serão regeneradas, não construídas de novo”, afirmou também, realçando que “serão desenhadas em função das necessidade de proximidade dos cidadãos” e que “os edifícios serão montados e desmontados como blocos de Lego“.

ZAP //

PARTILHAR

40 COMENTÁRIOS

  1. Só peca por defeito. Será muito antes.

    Na Alemanha a qualidade de vida já se mede muitas vezes por ter carro, ou melhor, não tanto por ter mas antes pelo uso que se dá ao automóvel. Não usar é bom sinal.

    O Ministro tem razão mas não irá passar só pelas razões que ele aponta.

    Na verdade a alteração do paradigma é o maior problema à evolução. Neste momento, muitos de nós podiam não usar carro ou transportes públicos, podiamos ficar em casa, ou onde quiséssemos, usando a internet simplesmente, mas não o fazemos porque há chefes ou patrões que não sabem lidar com a ‘ausência’ da pessoa.

    Quando vier uma geração mais preparada, que veja que a ‘ausência’ do empregado será o repovoamento do interior ostracizado e menores custos para a empresa, só nessa altura, teremos a noção de termos avançado um degrau nas escadas da evolução.

    Haja pessoas que acreditem e pessoas de responsabilidade que dêem a cara. Neste caso o ministro deu um passo em frente.

    • Escrevo apenas para dizer que gostei muito do seu comentário. Uma lufada de ar fresco relativamente ao que é costume ler aqui (vide comentários seguintes).

      • Obrigado.

        Tenho pena que nenhum de nós seja político. Dizer estas coisas não seria demagógico, iria era contra interesses.

        Uma coisa é certa; o futuro está cada vez mais perto, passe a redundância.

    • Seguramente o Senhor não vive no interior. Se vivesse facilmente constatava que o seu argumento não é viável. É pena, preferia que tivesse razão. Mas, não tem. Como vai um polícia, policiar a pé? E, um médico? Um professor? Um enfermeiro, faz atendimento em casa? Se, e friso o SE, em 2050 o teletransporte já for uma realidade, então talvez tenha razão. Doutro modo..

      • Sem duvida que são realidades diferentes. Digo-lhe agora o que acho da minha realidade na cidade e diga-me se esta realidade não poderá ser transportada para a sua realidade.

        O custo principal de um táxi é o combustível e o condutor, certo? Quando pedimos um táxi, 35% é para o motorista, 35% para o combustível, e os restantes 30% para amortizar o investimento no carro.

        Com a realidade actual, preferimos comprar carro do que andar de táxi. Se comprarmos um carro por 25.000€, e fizermos 20.000Km por ano durante 10 anos, iremos gastar mais 25.000€ em combustível, oficina, seguros, e isto sem haver azar.

        50.000€ em 10 anos dá a módica quantia de pouco mais de 400€ por mês.

        Estas contas são uma estimativa. Corresponde à média de muita gente, não necessariamente à sua realidade…

        Agora tomemos como certo que daqui a 5 anos os carros serão maioritariamente eléctricos e sem condutor. Pode achar que não, mas está a ir rapidamente nesse sentido. Eu como sou optimista, acredito que se não faltar 5 anos, pouco mais faltará.

        Acha que o transporte, autocarro ou táxi, que antigamente lhe custava 10€ por viagem mas que agora custa 4€, não poderá será uma opção viável em lugar de um carro seu na garagem? A soma de todas as viagens que faz, suas ou família, poderão fazê-lo pensar duas vezes. Poderá partilhar viagens com o vizinho(s), que as tornarão mais baratas…

        Se mesmo assim não está convencido, tem de aliar esta visão à de muitas outras no que toca à medicina, distribuição, etc, e acima de tudo ver porque é que necessita tanto de andar de carro. Acredite que muitas deslocações são cada vez mais desnecessárias. A Comissão Europeia reune constantemente em Bruxelas e Estrasburgo, preterindo a video conferência, porque sabem que se as pessoas deixaram de se reunir pessoalmente, muitas companhias aéreas irão colapsar.

        Mas acredite, quando os carros autónomos forem uma realidade o desemprego que vai criar será tanto que as companhias de aviação irão colapsar de qualquer maneira.

        Um carro autónomo não é mais do que um robô. Os robôs vão substituir as nossas tarefas mais básicas e teremos de arranjar rapidamente um novo rumo.

        • Caro Pedro,
          Terei todo o gosto em continuar esta conversa. Agora estou no telemóvel e é um bocado chato. Mas terei todo o gosto em esgrimir argumentos e em aprofundar a questão. Até breve!

  2. Se deixar de haver carros (diesel ou outros) onde vai o Estado arrecadar impostos -uma das maiores fontes-?
    Conversa sem nexo… Até parece que os interesses instalados vão deixar que isso aconteça!
    O pequeno grupo dos donos do mundo prefere deixar que o planeta rebente, por condições de insustentabilidade ambiental, a deixar que todos possam ter uma vida melhor.

    • Podia concordar consigo mas veja o caso do plástico. Em pouco tempo estamos a abandonar o saco de plástico, a garrafa de plástico… gera desemprego ou gera oportunidades? Claramente a segunda! A economia que se aproxima é de impostos baseada em outras coisas. Estamos a viver um tempo em que pensamos começar a tributar às máquinas.O trabalho como o conhecemos tem os dias contados. Mas não será para todos os que estão vivos actualmente. Talvez para os mais novos..

      • quem agradece com o “fim do plastico” são as celuloses; os copos e pratos de plastico terão forçosamente de ser substituidos por outra coisa, e não estou a ver o que possa ser senão papel… quanto tempo demorará até os fervorosos “anti-eucalipto” protestarem contra isso?…

    • Ia justamente escrever isso, mas apenas para o Senhor Ministro. Como o Amigo se antecipou, resta-me dizer que quero ver se chego aos 140!! Ou, se fico cá para semente!!! 🙂

  3. Só em 2050?… só então é que terei motorista às minhas ordens? é que a menos que voltem a haver transportes públicos em força e a preços acessíveis, estaremos condenados a precisar de transporte próprio para fazer a nossa vida quotidiana ( ir trabalhar, ao médico, compras, lazer )
    Neste momento até de carro estou a precisar para poder ver o meu email, vejam só! Mas a cambada de iluminados que (des)governam este pais, como verdadeiros “adiantados” mentais que são, teimam em “facilitar-nos” a vida… e depois, claro, há os seus “crentes” devotos, que bebem as suas sábias palavras, como se fosse a palavra de Deus… assim se vê o mundo em que vivemos…. mas verdade seja dita, temos os políticos que merecemos, ou como diz o outro, “Se há um idiota no poder é porque os que o elegeram estão bem representados”…. tenho é pena dos justos pagarem pelos pecadores…

  4. Este tipo vive num mundo de fantasia e os portugueses a embarcar no mesmo sonho, primeiro eram os automóveis a diesel que era o pior de tudo, quando neste momento e como eu sempre disse, uma forma de ir ao bolso dos portugueses é por toda a Europa o mesmo.
    Pois basicamente foi uma de obrigar a comprar automóveis à gasolina, onde por toda a Europa os governos encaixam milhões em vendas de automóveis novos.
    É como todos os dias temos visto nas notícias a qualidade do ar por toda a Europa só piorou e provado por várias fontes.
    A Alemanha por exemplo já virou o casaco e já está novamente a promover os veículos a diesel.
    Infelizmente é por no estado pessoas que não percebem nada do que são mandatados.
    Eu digo, tenho 4 automóveis em casa, todos eles diesel e enquanto a vida me permitir será sempre diesel…

    • Amigo Adsm, o problema destes tipos não é o gasóleo, a gasolina, o hidrogénio a eletricidade ou seja lá o que for… o problema deles é no futuro só eles andarem de carrão e aqui a maralha andar à patolas ou nas C.ªs de transporte deles…

  5. uuuhh esta merd@ é da boa! A utopia de sempre da esquerda…
    As coisas aparecem logo porque sonhamos e não há contas a pagar nem nada..
    Mas sem dúvida vamos evoluindo e ainda bem.

  6. Ideias de um “idiota”… rsssss, pois a mim ninguém me vai tirar o prazer de andar por aí com o meu boguinhas por onde quiser e à hora que me apetecer… hahahaha

  7. Nos arredores de Oliveira de Azeméis não é obrigatório ter automóvel. Pode pagar táxi, porque transporte público, onde? Vivo na periferia de Paris, há vários anos, das zonas melhor servidas no mundo em transportes públicos, e quando mudo de trabalho, uma das ‘imposições’ (salvo raras excepções) é ‘tem viatura própria?’… E depois leio isto…

  8. O sonho socialista está próximo de se concretizar à boleia do medo e culpa sobre as alterações climáticas. Continuem a votar neles. Perspectivam-se mais 4 anos disto. Este sr. nunca deve ter vivido fora de um cidade.

  9. Este Ministro deve ter uma máquina do tempo, só pode! Vou-lhe perguntar qual a chave vencedora do EuroMilhões da próxima semana.

  10. Não é dificil fazer previsões, basta olhar para o passado recente. O mundo andou mais nos ultimos 70 anos do que nos milhões anteriores.
    – FUTURO PRÓXIMO: o policiamento será 100% por video vigilância, logo os carros de policia serão reduzidos ao minimo, quer seja por identificação fisica do peão ou da viatura o auto de transgressão aparece em casa. Sim porque já peões a serem multados por atravessarem fora da passadeira.
    – FIM DOS CARROS POLUENTES: Não é preciso o ministro vir fazer futurologia, de forma gradual e natural vamos sendo empurrados para isso há semelhança de outras coisas que fazem parte do nosso cotidiano e que há 40 anos eram impensaveis
    PELO BEM DOS NOSSOS FILHOS E NETOS: Temos que mudar hábitos e mentalidades, há pessoas que pegam no carro para ir de Leiria ao Algarve passar um fim de semana mas não pegam no carro para fazer 500 metros para irem ao ecoponto, poem tudo no lixo comum inviabilizando assim a reciclagem.
    IMPOSTOS: Não se preocupem que os governos inventam novas formas de impostos, nem seja pelos m3 de ar que respiramos diariamente, se hoje esteve esteve sol, se hoje choveu e porque àgua é vida, se vives tens que pagar. Etc,etc,etc

  11. Sr ministro demita se ou então compre os carros aos portugueses porque se os compramos foi porque vos os permitiste agora nao nos atirem e para o fundo do poço vocês so sao alguem por causa do contribuinte mas pensem bem porque o contribuinte devia de deixar de governar chulos como vocês que sao todos uma cambada de bandidos e ladrões a descarada

  12. Já se tinha ouvido falar de “eco-fascismo”… agora vem o “eco-delirio”… ou como diria um conhecido meu, ” é preciso controlar a qualidade do tabaco que a malta do governo fuma…. um lote estragado, e são 10 milhões de vitimas… é um caso muito grave de saúde publica”
    Enquanto o primeiro ministro não for uma pessoa do interior, de uma aldeia isolada lá onde Judas nem quis borrar as botas, isto vai continuar a piorar… eles não têm, nem querem ter noção de como é a vida a sério de quem trabalha, e luta por cada tostão para pagar as contas…
    Em relação ao “ambiente”: deixem a cidade e venham para o campo…. aqui quase não há poluição, ( o cheiro a vaca é que é muito “intenso” ), não há problemas de estacionamento, trabalha-se com isenção de horário ( não há hora para sair ) em contacto com o tal ar puro ( com essência de vaca nº5 ) e pode mijar no chão sem que o chateiem…

  13. Uma anedota este ministro do tarot.
    Em 2050, e ao ritmo com que o governo tem feito divergir o país da UE, nem teremos chegado ao nível actual da Alemanha.
    Este anormal deveria ser proibido de andar de carro para sempre. Vá de transportes públicos (quando forem eléctricos) vá de burro ou de byke. Talvez lhe refresque as ideias parvas.
    Parece o avozinho a contar histórias da carochinha aos netinhos …

  14. um pouco de humor negro ,até os mortos njão vão precisar de carro,vão passar a ir pelo seu proprio pé kkk passe a brincadeira com a velocidade que as tecnologias avançam tudo é possivel e será cada vez mais possivel consoantes certos interesses instalados forem sendo desmontados.

  15. o pior até nem acaba por ser a afirmação ( delirante ) do ministro… o pior mesmo são os tolos crédulos que “bebem” as suas palavras, como se do Messias se tratasse!… há já muito tempo que se vão “revelando” grandes e novos “profetas”, aliciando as hostes para os seus [ obscuros ] interesses… todos já ouviram dizer certamente que certos certinhos, só mesmo a morte e os impostos… cada um escolhe aquilo em que acredita, o pior são os justos pagarem pelos pecadores…

RESPONDER

Teegarden B e C. Descobertos mais dois planetas que podem albergar vida

Cientistas de vários países identificaram mais dois planetas que consideram poder albergar vida, com climas temperados, semelhantes à Terra e que podem conter água líquida à superfície. A equipa da universidade alemã de Göttingen utilizou vários …

Ministério Público abre investigação a Juan Guaidó por corrupção

O Ministério Público da Venezuela anunciou a abertura de uma investigação penal contra Juan Guaidó por suspeita de corrupção relacionada com fundos para assistência a cidadãos venezuelanos na Colômbia. O anúncio foi pelo procurador-geral designado pela …

Cientistas descobrem no veneno de escorpião antibiótico contra tuberculose

Químicos no veneno podem combater estirpes resistentes da tuberculose e a bactéria causadora da pneumonia e septicemia. Veneno pode ainda travar o crescimento de células cancerígenas. Cientistas descobriram no veneno de escorpião antibióticos contra a tuberculose …

Câmara de Lisboa já cobrou 17 mil euros por trotinetas mal-estacionadas

A Polícia Municipal de Lisboa cobrou 17.145 euros em coimas por trotinetas mal-estacionadas, entre fevereiro e o início de junho, tendo removido 1.820 veículos do centro da cidade nos últimos cinco meses. "A verificação das infrações …

Berardo mostra-se "incrédulo com falta de memória" de Constâncio

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP) disse, esta terça-feira, que Joe Berardo mentiu no Parlamento sobre alegadas reuniões entre ambos. O empresário, por sua vez, mostra-se "incrédulo com a sua falta de memória". "Tudo isso é …

Marcelo diz que foi "sensato" não incluir pergunta sobre origem étnico-racial no Censos 2021

O Presidente da República considerou que foi uma decisão sensata não incluir no Censos 2021 uma pergunta sobre a origem étnico-racial dos cidadãos, face ao debate gerado, embora a ideia fosse boa. "Acho que foi uma …

Esfinge gigante de Ramsés II vê a luz do dia ao fim de quase 100 anos

https://vimeo.com/343091742 Uma enorme esfinge do faraó egípcio Ramsés II viu finalmente a luz do dia, no passado dia 12 de junho, depois de ter sido recolocada através de um sistema monumental que a fez "flutuar" pelo …

Vai baixar o custo das chamadas para números começados por 707 e 708

A Anacom anunciou uma descida de 48% no preço máximo das chamadas de telemóvel para números começados por 707 e 708, e de 10% para telefone fixo. A decisão da Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) de baixar os …

PSG abre a porta a Neymar (e o Barcelona não a fecha)

Depois de o eventual regresso de Neymar ao Barcelona ecoar na imprensa desportiva, o presidente do Paris Saint Germain, Nasser Al-Khelaifi quebrou o silêncio sobre o jogador brasileiro. Em entrevista à France Football, o presidente …

“Explosão suspeita” entre China e Coreia do Norte causou um sismo

Os serviços sismológicos chineses registaram um sismo de 1,3 graus de magnitude na escala de Richter às 19h38 locais (12h38 em Lisboa), na cidade chinesa de Hunchun, causado por uma “explosão suspeita”, disseram as autoridades …