Ministra da Cultura sueca acusada de apropriação cultural por usar rastas

A nova ministra da Cultura e da Democracia da Suécia, Amanda Lind, de 38 anos, líder do Os Verdes, está a ser criticada por usar rastas – foi acusada de apropriação cultural.

A polémica começou quando foi partilhada a fotografia oficial do governo composto por uma aliança política nunca tentada no país: junta a esquerda e a direita, uma solução encontrada para evitar a entrada da extrema-direita no governo. Entre os 23 ministros, 11 são mulheres.

As atenções recaíram rapidamente sobre Amanda Lind. Rebecca Weidmo Uvell, política de direita, escreveu no Twitter: “Como ministra, não te representas a ti, mas à Suécia. Sobretudo num contexto internacional. E eu não acho que se deva usar tal penteado”.

A ministra foi acusada também de apropriação cultural por Nisrit Ghebil, artista negro, que, no jornal Aftonbladet, afirmou que uma mulher branca, principalmente numa posição de poder, “não deve usar um penteado afro-americano”, especialmente quando negros jovens, nos Estados Unidos, continuam a ser expulsos das escolas por usarem rastas.

Numa rádio sueca, de acordo com o Público, Amanda Lind justificou-se. Considera que a apropriação cultural é um “tema de discussão importante”, mas que não pretende mudar de penteado pois, explicou, respeita toda a gente. Disse que usa o mesmo penteado há 20 anos e explicou que quer continuar “a mostrar respeito, mesmo para com aqueles que acham que é um erro” uma pessoa não africana usar rastas.

Segundo o jornal francês Le Monde, Amanda Lind já foi criticada por homenagear ex-ministros do seu partido, nomeadamente Mehmet Kaplan, responsável pela pasta da habitação e desenvolvimento urbano, que foi forçado a demitir-se em 2016 depois de comparar israelitas a nazis e de ter aparecido ao lado de ultranacionalistas turcos.

A ministra admitiu já ter fumado canábis, um crime considerado grave na Suécia, o que também causou polémica no país.

Em janeiro, o Parlamento sueco concedeu mais um mandato de primeiro-ministro ao social-democrata Stefan Lofven, depois de quatro meses de negociações e impasses após as eleições de setembro.

Lofven formou governo com um acordo histórico com o Partido Popular Liberal (centro-direita), com os Verdes (centro-esquerda) e com o Partido do Centro (centro direita). Nas eleições de setembro, a extrema-direita teve 18% dos votos e elegeu 62 deputados.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. O mundo está mesmo todo baralhado… até na Suécia já querem mandar nos penteados!…
    Mas, o que me chamou mais atenção foi isto:
    “A ministra admitiu já ter fumado canábis, um crime considerado grave na Suécia”
    Fumar canábis é um crime grave na Suécia?!
    E quem fumar e tiver rastas?
    Pena de morte?!

  2. Ficam-lhe bem, qual é o problema. Ela está lá para lidar com problemas praticos de política, tem é que ser capaz nas suas funções e é por isso que deve ser avaliada. Pela aparência?? No século XXI já fica a dever ao tempo este tipo de observações. É como se a pessoa que proferiu esses comentários não tivesse mais nada entre as orelhas para dizer sobre a pessoa.. e pumba sai um comentário grosseiro como este..

    • Tudo serve de pretexto quando se trata de criar divisão entre as pessoas.
      Enfim… Então e o artista afroamericano também não pode ser acusado de racismo quando diz que uma mulher branca não pode usar esse tipo de penteado?… Porque não pode?!
      Palhaçada é o que é.
      Somos todos humanos! A única raça que existe é a HUMANA.

RESPONDER

Morreu a atriz Mya-Lecia Naylor. Tinha 16 anos

A atriz, cantora e modelo britânica Mya-Lecia Naylor morreu no último dia 7, na sequência de um desmaio, mas a notícia só veio a publico esta quinta-feira. A causa da morte precoce de Mya-Lecia Naylor, com …

Embarcação de pesca localizada. Tripulantes estão bem

A embarcação de pesca que estava incontactável desde a noite de quarta-feira foi hoje encontrada e todos os tripulantes estão bem de saúde, disse à Lusa fonte da Marinha. Segundo o porta voz da Marinha, comandante …

Site expôs falhas em plugins Wordpress. Hackers agradeceram e invadiram 160 mil sites

Um trio de vulnerabilidades zero-day em plugins do WordPress deixou 160 mil sites expostos a ataques na última semana. O termo zero-day é usado para descrever uma ameaça que não foi corrigida ou que ainda …

Comissária de bordo em coma depois de contrair o vírus do sarampo

Uma comissária de bordo de Israel, de 43 anos, está em coma profundo há dez dias depois de contrair o vírus do sarampo. Segundo as autoridades de saúde israelenses, a mulher tem encefalite - ou …

Eintracht vs Benfica | Golos fora custam eliminação

Os dois golos que o Eintracht de Frankfurt marcou em Lisboa, na semana passada, acabaram por ser decisivos nos quartos-de-final da Liga Europa. Os alemães venceram o Benfica em casa por 2-0, num jogo em …

Gangue partia membros do corpo a pessoas vulneráveis e encenava acidentes para receber indemnizações

Um grupo criminoso em Palermo (Sicília) encenava acidentes de viação e partia membros do corpo às alegadas vítimas, a fim de receber indemnização de seguros. O esquema, que já levou à prisão mais de 40 …

Rival para Alexa e Siri. O Facebook também quer ouvir a sua voz

O Facebook está a trabalhar num novo assistente de voz para competir com a Siri, da Apple, e a Alexa, da Amazon. O projeto começou em 2018 e ainda não tem data de divulgação. O projeto …

O "polencalipse" chegou aos Estados Unidos

No início da semana, o fotógrafo Jeremy Gilchrist capturou algumas imagens incríveis do fenómeno que batizou de "Polenpocalypse" em Durham, Carolina do Norte. A cidade de Durham, na Carolina do Norte, Estados Unidos, declarou no início …

Candidato à presidência da Guatemala detido nos EUA por tráfico de cocaína

As autoridades norte-americanas detiveram na quarta-feira o candidato presidencial da Guatemala Mario Estrada Orellana, acusado por um tribunal federal de Nova Iorque de conspirar para importar cocaína. Estrada Orellana, do partido Unión del Cambio Nacional (UCN, …

Consumidores estão a gastar mais. Televisões e smartphones foram os mais vendidos em 2018

Em 2018 as vendas a retalho cresceram 3,4%, para quase 21 mil milhões de euros. O sector não alimentar foi o que mais contribuiu. São dados do barómetro de vendas da Associação Portuguesa de Empresas de …