No dia em que se celebra o amor, mexicanas pedem justiça por Ingrid Escamilla

Mario Ruiz / EPA

A jovem de 25 anos foi brutalmente assassinada pelo namorado, no passado sábado, na capital mexicana, e as fotografias do crime foram vazadas pela imprensa.

Hoje, no México, tal como em muitos países, celebra-se o Dia de São Valentim. Mas hoje foi também o dia em que muitas mexicanas saíram à rua para relembrar que, só no ano passado, cerca de três mil mulheres foram assassinadas.

Segundo o Russia Today, o caso mais recente é o de Ingrid Escamilla, uma jovem de 25 anos que foi assassinada, no sábado, na Cidade do México. O namorado, que já confessou o crime, esfaqueou-a no pescoço, esfolou-a e removeu alguns órgãos do cadáver.

Não bastasse o facto de ser mais um brutal feminicídio, vários meios de comunicação mexicanos decidiram partilhar várias fotografias do corpo da vítima, o que gerou revolta nas redes sociais e levou a uma campanha no Twitter: #IngridEscamillaChallenge.

Ao publicarem imagens de paisagens, flores, animais, entre outros, milhares de utilizadores conseguiram dificultar a procura nesta rede social pelas terríveis fotografias.

Claudia Sheinbaum, autarca da capital, declarou que os procuradores vão pedir a pena máxima para o companheiro de Escamilla (60 anos de prisão), avança a CNN. A resposta do Governo, por sua vez, foi condenar mais uma vez estes crimes e prometer justiça.

(dr)

Ingrid Escamilla, a jovem mexicana brutalmente assassinada pelo namorado

“É algo que não podemos permitir e que temos de enfrentar com todos os meios, com toda a nossa força e com todas as formas que o Governo dispõe para evitá-lo”, disse o Presidente Andrés Manuel López Obrador.

Questionado sobre o facto de as gráficas imagens do assassinato terem chegado aos media, o chefe de Estado considerou que os responsáveis devem ser responsabilizados. “Este é um crime que tem der ser punido, seja quem for”, atirou.

De acordo com a BBC, a Procuradoria-Geral de Justiça da Cidade do México informou que pelo menos seis pessoas já estão a ser investigadas pelo vazamento das referidas imagens.

Mas as mulheres mexicanas estão fartas de promessas. E querem antes ver ação, sobretudo numa altura em que Alejandro Gertz Manero, atual procurador-geral do México, sugeriu alterar a figura penal do “feminicídio” para “homicídio agravado” para, segundo este responsável, facilitar a sua investigação.

E, por isso, esta manhã, muitas mulheres protestaram em frente ao Palácio Nacional. “Estado feminicida”, “Estão a matar-nos” e “Nem uma a menos” foram algumas das palavras de ordem.

Hoje, no México, celebra-se uma data repleta de clichés, com bares e restaurantes cheios de casais apaixonados, onde os corações, os ramos de flores, os ursos de peluche e as caixas de chocolates imperam. Tudo isto num país em que pelo menos dez mulheres são assassinadas por dia pelos seus companheiros.

FM, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação

Esta segunda-feira, Tomás Correia foi pessoalmente ao Banco de Portugal buscar a nova condenação de que foi alvo, por violação das regras de controlo e branqueamento de capitais. A notícia é avançada esta quarta-feira pelo Público, …

Alunos do ensino profissional vão poder entrar no ensino superior sem exames nacionais

Os estudantes que terminem um curso profissional ou artístico terão melhores condições de acesso ao ensino superior já no próximo ano. O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, anunciou esta quarta-feira que os …

Trump indulta ex-governador que tentou "vender" lugar de Obama no Senado

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, indultou na terça-feira o ex-governador de Illinois Rod Blagojevich, preso por corrupção após ser considerado culpado de tentar "vender" o lugar de Barack Obama no Senado, depois …

"Toca a reunir" no PS para aprovar eutanásia (e 6 médicos admitem que já a praticaram)

O PS está a mobilizar os seus deputados no sentido de garantir que, desta feita, a eutanásia passará no Parlamento. Tudo indica que venha a ser aprovada numa altura em que os médicos estão divididos …

CP está a escapar à multas por falhas nos serviços

A CP - Comboios de Portugal está a escapar às multas por falhas nos serviços, como atrasos e supressões de comboios, porque ainda não entrou em vigor o contrato de serviço público assinado com o …

Alegadas agressões a Taarabt valem processos a Marega e Pepe

A Comissão de Disciplina da FPF abriu processos disciplinares a Moussa Marega e Pepe devido a alegadas agressões sobre Taarabt, no jogo com o Benfica. Os jogadores do FC Porto Moussa Marega e Pepe vão ser …

Costa arrasa proposta "forreta" de orçamento europeu

A proposta de quadro financeiro plurianual para 2021-2027 do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, vai morrer na praia. António Costa diz que os líderes europeus não devem ceder à pressão dos quatro países “forretas”. "Esta …

Malásia suspeita que desaparecimento do voo MH370 foi ataque suicida

O ex-primeiro ministro australiano Tony Abbott disse que altos responsáveis do governo da Malásia suspeitam há muito tempo que o desaparecimento do avião da Malasian Airlines, há quase seis anos, tenha sido um ataque suicida …

Champions. O viking norueguês, a revolta de Neymar e a lição tática do "Cholismo"

Haaland foi a estrela da noite ao marcar os dois golos da vitória do Dortmund frente ao PSG. O Atlético de Madrid conseguiu ainda quebrar a invencibilidade do Liverpool. A Liga dos Campeões está de volta …

Auditoria ao Novo Banco vai custar três milhões. É o triplo do que custou a da CGD

A auditoria especial da Deloitte ao Novo Banco vai custar cerca de três milhões de euros, segundo avança o jornal ECO. Este valor é três vezes superior ao custo da auditoria da EY à Caixa …