Messi renovou, mas…

…o Barcelona vai ter problemas para anunciar oficialmente a prolongação do seu contrato. A LaLiga não vai abrir exceções, no que diz respeito às contas dos clubes.

As últimas semanas têm apontado para a renovação de Lionel Messi em Barcelona. O argentino, que já no ano passado esteve muito perto de deixar o seu clube de sempre, é um jogador livre desde o dia 30 de junho mas deverá continuar na Catalunha.

Nesta terça-feira surgiu a informação de que jogador e clube chegaram a acordo, o novo contrato vai ser assinado e o anúncio oficial surgirá nos próximos dias. No entanto, a direção do Barcelona ainda tem um entrave sério: diminuir os salários no plantel da equipa principal.



As contas do Barcelona estão longe do que eram há uns anos, a pandemia veio acentuar o défice e o novo presidente Joan Laporta continua à procura de vender passes de futebolistas, além de baixar outros salários. Recentemente houve reunião com algumas das figuras do plantel (Alba, Busquets estiveram no encontro), mas não houve acordo em relação à diminuição dos vencimentos.

O clube catalão terá de cumprir o fair play financeiro exigido pelas regras da própria LaLiga; e, para isso, estima-se que o clube terá de baixar em 30 por cento o valor total dos salários – que era superior a 600 milhões de euros, na época passada.

A contabilidade do Barcelona é apertada e, quando surgiram as indicações da renovação de contrato de Messi, o presidente da liga espanhola avisou: “Se não há saídas, é impossível”.

O jornal Marca reforça o aviso: pode haver acordo entre Messi e Barcelona mas a renovação oficial do contrato ainda está longe. Por três motivos.

O primeiro: o regulamento está publicado há muito tempo, foi aprovado pela LaLiga e por todos os clubes, e não vai ser alterado. Poderia surgir uma proposta de alteração por parte de um clube, mas a direção do Barcelona tem noção de que essa proposta iria ser rejeitada pelos outros clubes. Laporta já pediu publicamente mais flexibilidade à LaLiga, para contratar mais jogadores, mas isso não vai acontecer. A viabilidade financeira de LaLiga está em primeiro lugar.

Segundo: os problemas que se registam em França e em Itália. A quebra financeira do campeonato francês (que não chegou ao fim em 2020) é grande e, em Itália, já se pede ao Governo dinheiro proveniente das apostas. Os clubes espanhóis analisam esses problemas nos vizinhos e não querem problemas com as Finanças locais, por isso não vão abrir exceções no que diz respeito ao teto salarial (e às consequentes dívidas, muitas vezes).

Terceiro: a Superliga Europeia. O Barcelona esteve, e continua a estar, envolvido nesse projeto. A direção da LaLiga não gosta.

Nuno Teixeira, ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Costa acusa oposição de “absoluta impreparação” por não saber o que é o PRR

O secretário-geral do PS, António Costa, acusou esta sexta-feira a oposição de “absoluta impreparação” por não saber o que é o PRR, nem a “missão patriótica” que consiste em pô-lo “em marcha para o bem …

Asteroide que dizimou dinossauros permitiu que as cobras evoluíssem (e se espalhassem pelo mundo)

As cobras devem, em parte, o seu sucesso na Terra ao asteroide que atingiu o planeta há 66 milhões de anos e levou à extinção dos dinossauros, aponta um novo estudo. Além da extinção dos dinossauros …

Novo modelo geofísico ajuda a prever furacões com origem no Golfo do México

Ao analisar a temperatura da atmosfera, que se encontra a vários quilómetros acima da Terra, os investigadores descobriram uma forma de prever quantos furacões podem afetar o Golfo do México no verão e no outono. Os …

Requiem. Supernova irá fazer uma "reaparição fantasmagórica" em 2037

Uma supernova distante, chamada Requiem, vai fazer uma "reaparição fantasmagórica" em 2037. O Hubble captou-a três vezes em 2016, graças a um fenómeno conhecido como lente gravitacional. A Requiem é o resultado de uma explosão estelar …

A polícia holandesa achava que tinha em mãos o mafioso mais procurado da Europa. Afinal, era só um fã de F1

Um homem de Liverpool de 54 anos pensava que o grande evento da sua viagem aos Países Baixos seria assistir ao Grande Prémio de Fórmula 1, mas acabou detido numa prisão de alta segurança por …

Cobertura global de corais caiu para metade desde 1950, revela relatório

A cobertura global de recifes de coral caiu para metade desde 1950, cenário originado pelo aquecimento global, pesca excessiva, poluição e destruição de habitats naturais, revelou uma análise divulgada esta sexta-feira. Desde a Grande Barreira de …

O sonho de Christo concretizou-se, 60 anos depois. O Arco do Triunfo foi embrulhado como um presente

Já desde o início dos anos 60 que Christo imaginava como seria cobrir o Arco do Triunfo em tecido. A sua visão foi finalmente concretizada e pode ser visitada entre 18 de Setembro e 3 …

Holanda. Ministra da Defesa renuncia devido à crise de evacuação do Afeganistão

Após a ministra das Relações Externas holandesa, Sigrid Kaag, renunciar devido ao desastre da evacuação do Afeganistão, esta sexta-feira foi a vez da ministra da Defesa, Ank Bijleveld. Segundo relatou o Guardian, acredita-se que os ministros …

Tribunal da África do Sul recusa anular pena de prisão do ex-Presidente Jacob Zuma

O mais alto tribunal da África do Sul rejeitou o pedido do ex-Presidente Jacob Zuma para anular a sua sentença de 15 meses de prisão por não comparecer a uma sessão de inquérito por corrupção. Em …

EUA. Advogado planeou o próprio assassinato para o filho receber seguro. Foi detido por fraude

Um influente advogado norte-americano, cuja esposa e um dos filhos foram assassinados, foi acusado de fraude contra uma empresa de seguros e falso testemunho por organizar o seu próprio assassinato. Segundo avançou a agência France-Presse, …