Meio pombo, meio drone. O PigeonBot mostra como é que os pássaros voam

O PigeonBot procura explorar a morfologia das asas de um pombo e mostrar como é que eles voam. Um melhor entendimento disto pode ter aplicações na aeronáutica.

Há muitos anos que o dom dos animais de voar tem sido replicado pelos humanos. Na mitologia grega, Dédalo e Ícaro construíram asas artificiais a partir da cera do mel de abelhas e penas de pássaros. Verídica ou não, esta história mostra que, desde cedo, os humanos se apaixonam pela ideia de poder voar. Muito mais tarde, os humanos conseguiram mimetizar isto através dos aviões.

Numa tentativa de perceber como é que os pássaros voam, uma equipa de investigadores da Universidade de Stanford criou o PigeonBot, uma réplica da engenharia biológica de um pombo. Ao perceber melhor estas dinâmicas, esta inovação pode ainda levar a avanços na aeronáutica.

Segundo a Inverse, os investigadores aprenderam que o controlo paralelo das 20 penas primárias e 20 secundárias das asas é feito usando movimentos subtis do pulso e do “dedo”. Para imitar uma asa verdadeira, criaram uma espécie de drone com asas biohíbridas, equipadas com 40 penas de pombos reais.

“Desde os irmãos Wright, os engenheiros aeroespaciais tentam criar asas que podem mudar de forma, transformar, assim como os pássaros podem transformar as suas asas. Isso provou ser um desafio de design incrivelmente difícil, com apenas pequenos progressos até até o momento”, começou por dizer David Lentink, engenheiro mecânico na Universidade de Stanford.

“Apresentamos um grande passo em frente com a primeira asa de transformação biohíbrida sob controlo robótico que se pode transformar como um pássaro. O seu design é inspirado nas nossas descobertas básicas de investigação em biomecânica de aves”, acrescentou, em declarações à Eurekalert.

Apenas controlando o pulso e os dedos, os engenheiros conseguiram que o PigeonBot voasse perfeitamente, o que mostra que o mesmo se pode verificar em pombos reais.

Um estudo foi publicado, na semana passada, na revista científica Science Robotics. O objetivo passa agora por perceber como funciona a morfologia de outras aves para além de pombos.

“Quero começar a estudar uma amostra muito maior de todas as 10.000 espécies de pássaros descritas”, disse Lentink. “Também estou a trabalhar num novo robô aéreo biohíbrido com uma asa e uma cauda que se comportam como uma cauda de pássaro. Isto é para aumentar a capacidade de manobra de robôs aéreos e aeronaves e livrarem-se da cauda vertical, algo que os pássaros resolveram há mais de cem milhões de anos atrás. Mas este ainda é um desafio de engenharia”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Encontrada uma câmara oculta atrás do túmulo de Tutankhamon que pode esconder Nefertiti

Uma equipa de arqueólogos encontraram potenciais evidências de câmaras ocultas por trás das paredes do famoso túmulo de Tutankhamon, no Vale dos Reis, no Egito, que alguns dizem esconder a rainha Nefertiti. Os investigadores, liderados por Mamdouh …

Chega e Bloco são os que mais sobem (e o PS não pára de cair)

O Partido Socialista (PS) continua a cair cair nas intenções de voto dos eleitores, quatro meses depois das eleições legislativas. Já o Bloco de Esquerda e Chega estão cada vez mais fortes. De acordo com a …

Contribuintes têm até hoje para validar agregado familiar

Os contribuintes têm até esta sexta-feira para validarem a composição do seu agregado familiar. Apesar de o prazo ter terminado no dia 15, serão considerados pela Autoridade Tributária os dados comunicados durante o dia de …

Morreu aos 61 anos João Ataíde, deputado do PS

João Ataíde, juiz e atual deputado do Partido Socialista (PS) morreu esta sexa-feira em casa, em Coimbra, por volta das 7h. O deputado tinha 61 anos e esteve no debate sobre a eutanásia no Parlamento, …

Pela primeira vez, os cientistas tornaram transparentes órgãos humanos

Normalmente, para obter uma resposta clara sobre o que passa dentro dos nossos órgãos, são necessários cortes profundos. Porém, agora, os cientistas conseguiram tornar órgãos humanos transparentes, para conseguir espreitar para dentro deles sem o …

Primeiro-ministro da Irlanda renuncia (mas aguarda novo governo)

O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, anunciou na noite desta quinta-feira a sua renúncia, mas continuará no cargo até a formação de um novo governo, após os resultados das recentes eleições legislativas. "Leo Varadkar apresentou esta …

Conselho da Europa contra extradição de Assange para os Estados Unidos

A extradição de Julian Assange para os Estados Unidos, onde é acusado de espionagem, terá um “efeito paralisador na liberdade de imprensa”, alertou esta quinta-feira a comissária para os direitos humanos do Conselho da Europa, …

O vulcão "Garganta de Fogo" do Equador pode entrar em colapso

O vulcão Tungurahua do Equador, um dos mais ativos e perigosos da América do Sul, está a mostrar sinais precoces de um potencial colapso parcial. A atividade recente do vulcão levou a uma rápida e significativa …

Astrónomos detetaram oxigénio fora da Via Láctea pela primeira vez

Os astrónomos detetaram oxigénio numa galáxia a mais de 500 milhões de anos-luz da Via Láctea. Esta é terceira deteção deste género fora do Sistema Solar - e a primeira fora da nossa galáxia. O oxigénio …

Robô transpira para regular a própria temperatura

As peles robóticas acabam de ficar ainda mais parecidas com as peles humanas: agora, conseguem regular a sua própria temperatura. Para a grande maioria dos robôs, funcionar durante longos períodos de tempo sem correr o risco …