Mega-operação das autoridades portuguesas salva francês das mãos de mafioso

amn.pt

Podia ser um filme de acção com selo de Hollywood, mas aconteceu de verdade, com uma mega-operação que envolveu Polícia Judiciária, Marinha, Polícia Marítima e Força Aérea Portuguesa a conseguir o resgate de um francês sequestrado, em alto mar, por um conterrâneo com ligações a grupos mafiosos e ao tráfico de droga.

A Polícia Judiciária (PJ) conseguiu libertar um cidadão francês de 28 anos, vítima de sequestro e coacção dentro do seu próprio veleiro, numa mega-operação que envolveu também a Unidade Nacional Contra Terrorismo, a Marinha, a Força Aérea Portuguesa e a Polícia Marítima.

O sequestrador, também de nacionalidade francesa, está em prisão preventiva. O detido, de 42 anos, tem antecedentes por crimes de natureza violenta, revelou a coordenadora da Unidade Nacional Contra-Terrorismo (UNCT), Patrícia Silveira, em conferência de imprensa.

O Correio da Manhã acrescenta que o detido tem ligações a “um grupo mafioso” que está associado ao tráfico de droga.

O veleiro e a vítima foram localizados na passada sexta-feira, já em águas internacionais, “a 400 quilómetros da costa”, explica o porta-voz da Marinha, o comandante Pereira da Fonseca, em declarações citadas pelo Diário de Notícias.

As autoridades portuguesas agiram depois de um pedido de ajuda das autoridades francesas emitido na quinta-feira, a alertar para o possível sequestro a bordo de uma embarcação ao largo da costa portuguesa.

O alerta do sequestro foi dado por um amigo da vítima, em França, a quem esta conseguiu enviar um SMS a pedir ajuda.

“Costumamos colaborar com a Polícia Judiciária em casos de narcotráfico, mas, em 28 anos, não me lembro de uma situação de sequestro”, confidencia ao DN o porta-voz da Marinha.

Já a Judiciária fala do caso como tendo “contornos de criminalidade especialmente violenta“.

A detecção do veleiro com a vítima e o sequestrador só foi possível graças à colaboração da Polícia Marítima e da Unidade Especial de Fuzileiros da Marinha.

A operação de resgate envolveu ainda um helicóptero da Força Aérea e a corveta da marinha Jacinto Cândido que “abordou o veleiro pelas 16:00 de sábado”, com agentes da Judiciária a libertarem a vítima.

A coordenadora da UNCT refere que o barco partiu do porto de Leixões na manhã de 26 de Julho e que se suspeita que o sequestrador queria coagir a vítima a fazer um transporte de droga.

No veleiro, foi apreendida “uma grande quantia de dinheiro“, anuncia a PJ.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Arqueólogos descobrem 25 sítios que comprovam presença militar romana no Norte e na Galiza

Investigadores portugueses e galegos descobriram 25 novos sítios no Norte de Portugal e na Galiza que “comprovam arqueologicamente” a presença militar romana nos dois territórios, correspondendo a maioria dos locais a “acampamentos militares”, revelou hoje …

EUA poderão manter alguns efetivos na Síria para proteger poços de petróleo

Os EUA planeiam deixar alguns efetivos no nordeste da Síria para proteger instalações petrolíferas e garantir o combate contra um possível ressurgimento do grupo extremista Estado Islâmico (EI), disse hoje o secretário de Defesa dos …

Polícias realizam manifestação conjunta em Lisboa a 21 de novembro

Elementos da PSP e da GNR realizam a 21 de novembro, em Lisboa, uma manifestação conjunta para exigirem ao novo Governo "a resolução rápida" dos problemas que ficaram por resolver na anterior legislatura. Com o lema …

Sérvia punida por racismo no jogo com Portugal

A UEFA condenou nesta segunda-feira a Sérvia a disputar o próximo jogo da fase de qualificação para o Euro 2020 à porta fechada, por manifestações racistas na partida com Portugal, disputada em Belgrado, que terminou …

Juve Leo lança críticas à direção: Um clube sem rumo e que precisa de bodes expiatórios

Depois de o Sporting rescindir os protocolos com a Juventude Leonina e com o Diretivo Ultras XXI devido à "escalada de violência" recente, a Juve Leo reagiu em comunicado com duras críticas à direção de …

Um terço dos fogos deste ano tiveram como causa queima e queimadas

Um terço dos incêndios florestais registados este ano e investigados tiveram como causa queimadas e queimas, revela o último relatório do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). O relatório provisório de incêndios rurais, …

De Nova Iorque a Sydney em 19 horas. Avião da Qantas bate recorde

O primeiro voo comercial direto entre as cidades de Nova Iorque e Sydney, com mais de 19 horas, terminou, este domingo, na cidade australiana. O teste realizado pela companhia aérea Qantas faz parte do Project Sunrise, …

Marcelo ficou "muito impressionado" pela destruição do furacão Lorenzo nos Açores

O Presidente da República visitou, este domingo, o porto das Lajes das Flores, que ficou destruído após a passagem do furacão Lorenzo pelos Açores, mostrando-se "muito impressionado" pela destruição "massiva". "Muito impressionado com aquilo que foi …

Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da formação espalhados pela Europa

O Sporting é o terceiro clube com mais jogadores da sua formação a atuarem nas ligas europeias e o emblema português mais representado nas 'big 5', segundo o observatório de futebol do Centro Internacional de …

Norueguês empregou 70 imigrantes ilegais e foi a tribunal "muito, muito feliz"

Aharne Viste acha que a Constituição norueguesa reconhece o direito mesmo a quem não consegue obter asilo e tenciona ir em frente com a sua campanha. Aharne Viste contratou cerca de 70 imigrantes legalmente impedidos de …