McCain travou a última hipótese de Trump acabar com o Obamacare

Harald Dettenborn / Wikimedia

O senador republicano John McCain

O Presidente dos Estados Unidos voltou a perder a já longa batalha para acabar com o Obamacare. Esta foi a terceira tentativa (falhada) de revogar o sistema de saúde imposto pelo ex Presidente Barack Obama.

Segundo o New York Times, o Senado voltou a revogar, nesta sexta-feira, um novo e  republicano plano para acabar com o Obamacare, descartando a campanha de sete anos para desmantelar a lei assinada por Barack Obama, enquanto presidente dos EUA.

O senador John McCain, que foi notícia recentemente por lhe ter sido diagnosticado um tumor cerebral, teve o voto decisivo para derrubar a proposta e juntou-se a outras duas republicanas, Susan Collins e Lisa Murkowski – que também votaram contra.

O voto de 49 para 51 também foi um choque para Mitch McConnell, do estado de Kentucky, o líder da maioria do Senado, que criou uma reputação de mestre tático e passou os últimos três meses a tentar elaborar uma lei de revogação que poderia ganhar o apoio dos membros do seu partido.

Na terça-feira, quando McCain votou a favor do início do debate da proposta no Senado, o que agradou a Trump, avisou logo que votaria contra esta proposta como ela está.

Como o prometido é devido, o senador votou, esta madrugada, contra a proposta que era considerada muito radical pelos mais moderados do Partido Republicano e pouco ambiciosa pelos mais conservadores do partido. E explicou, na sua conta oficial de Twitter, que o fez porque a proposta “ficou aquém da nossa promessa de revogar e substituir o Obamacare”.

O fim do Obamacare era uma ambição do Partido Republicano desde o início e foi um dos grandes cavalos de batalha de Donald Trump durante a campanha eleitoral.

Depois de ter sido aprovado por poucos votos na Câmara dos Representantes (217 – 213), no início desta semana o Partido Republicano tinha conseguido reunir os votos para iniciar o debate no Senado. Agora cai por terra.

O presidente Barack Obama fez do Obamacare uma prioridade dos seus dois mandatos e cerca de 20 milhões de norte americanos terão conseguido cobertura por seguros de saúde graças ao plano de saúde que obrigava empregadores e trabalhadores a subscreverem-nos, dando apoios estatais para que o número de beneficiários aumentasse.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Engraçado como no miolo deste artigo se referem a Obama como “presidente Obama” e ao presidente Trump por “Donald Trump”.

    Democracia e liberdade de expressão só é valida quando favorecem as ideias e resultados destes liberais..

    E ainda falam da existência de privilegio branco e um pais globalmente anti-africano, quando vejo uma completa inversão desses casos.

    só falta rebolar, ser anti-homem branco ainda está na moda.

    • Na primeira frase, o artigo refere-se a Trump como “O Presidente dos Estados Unidos”. Quando o artigo se refere a ele como Donald Trump, fala do período de campanha eleitoral, ou seja, de quando ele ainda não era presidente: “… foi um dos grandes cavalos de batalha de Donald Trump durante a campanha eleitoral”.

      Naturalmente, seria errado escrever “… foi um dos grandes cavalos de batalha do Presidente Donald Trump durante a campanha eleitoral”. Daria a impressão de que ele já era presidente, que concorria como presidente em exercício.

      Pelo exposto, considero a sua opinião abusiva e até um pouco manipuladora. Só um pouco, he, he…

    • O artigo começa com ‘O Presidente dos Estados Unidos’: refere-se ao actual presidente.
      Depois no texto diz ‘ O presidente Barack Obama’ ocupava o cargo de presidente quando foi realizada a reforma do sistema de saúde.
      Refere-se a ‘grandes cavalos de batalha de Donald Trump durante a campanha eleitoral’ quando este era apenas candidato.
      A lógica na elaboração do artigo foi esta mas pelos vistos há aqui uma conspiração liberal anti democrática contra o homem branco… Tens tomado a medicação?

  2. de facto o racismo e a xenofobia cegam e deixam algumas pessoas estupidas, o artigo é claro; quando se fala de Donald Trump no passado e no presente, e claro esta de Barack Obama, não há erro no artigo mas sim no teu cérebro caro Miguel.

RESPONDER

Nona Sinfonia de Beethoven revela novos detalhes sobre o cérebro humano

A Nona Sinfonia de Ludwig van Beethoven, 250 anos após a sua criação, ajudou a demonstrar a existência de células conceituais no cérebro. Quase 200 anos depois da morte de Beethoven, a maior obra do músico …

Governo vai suspender devolução dos manuais escolares

O ministro da Educação informou hoje que o Governo vai suspender a devolução de manuais escolares, em curso desde 26 de junho, cumprindo a decisão do parlamento, que aprovou uma proposta nesse sentido. O plenário da …

Cuba prestes a abrir portas ao turismo (exceto aos cubano-americanos)

Depois de fechar as suas fronteiras para os turistas no final de março por causa da pandemia da covid-19, Cuba prepara-se agora para reabrir várias das suas baías ao turismo - mas há algumas exceções. …

Cidade do México enterrou os rios para prevenir doenças, mas a covid-19 resiste e prospera

Na tentativa de evitar a disseminação de doenças como a malária e a cólera, a Cidade do México enterrou os seus rios. Agora, como consequência, criou inadvertidamente as condições necessárias para a covid-19 prosperar. A Cidade …

Descoberto sistema de túneis da I Guerra onde estarão enterrados dezenas de soldados

A Agência do Património da Bélgica anunciou esta semana a descoberta de um sistema de túneis alemão da I Guerra Mundial, onde estarão, muito provavelmente, dezenas de soldados enterrados. Em comunicado, citado pela Russia Today, …

Cinco funcionários da Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia

Cinco funcionários da produtora automóvel Tesla dizem ter sido despedidos por terem ficado em casa durante a pandemia, avança o The Washington Post. De acordo com o jornal norte-americano, foram cinco os colaboradores dispensados da …

"Qual o lugar mais seguro?". Costa compara infetados no Reino Unido e Algarve

O primeiro-ministro apresentou hoje uma tabela que mostra o Reino Unido muito acima do Algarve em número de infetados com covid-19 por cem mil habitantes e pergunta qual o lugar mais seguro para umas férias …

Azul anuncia venda de 6% da TAP ao Estado por 10 milhões de euros

A companhia aérea brasileira Azul, de David Neeleman, anunciou hoje a venda de 6% da TAP, no âmbito do acordo anunciado esta quinta-feira entre o Estado e os acionistas privados, que “garante a continuação” da …

NASA cria dispositivo que o avisa para não tocar no rosto (e pode ser reproduzido em casa)

A pensar na pandemia, a NASA desenvolveu o PULSE, um colar vibratório que nos alerta se formos tocar no rosto com as nossas mãos. A pandemia de covid-19 alastrou pelo mundo e, enquanto não chega um …

Há mais 11 mortes e 374 novos casos de infecção (300 são na Grande Lisboa)

Portugal regista hoje mais 11 mortos devido à doença covid-19 do que na quinta-feira e mais 374 infectados, dos quais 300 na Região de Lisboa e Vale do Tejo, segundo o boletim da Direcção-Geral da …