De máscara e bermudas na fila do supermercado. Exemplo de Marcelo, “o Presidente de Portugal”, corre mundo

Eduardo Madeira / Instagram

Marcelo Rebelo de Sousa na fila do supermercado, em Cascais, no dia 17 de Maio de 2020.

A fotografia de Marcelo Rebelo de Sousa vestido de bermudas e sapatos desportivos, com uma máscara na fila de um supermercado, está a correr mundo, destacando-se o exemplo do “Presidente de Portugal” em países como Espanha e França, mas também na América Latina e até nos EUA e na Austrália.

A imagem foi registada pelo humorista Eduardo Madeira no passado domingo, 17 de Maio, num supermercado em Cascais, e foi divulgada no seu perfil do Instagram. Para muitos portugueses é só mais uma situação em que Marcelo se mostra como um cidadão comum, mas o seu exemplo está a espantar o mundo.

O episódio teve, sobretudo, eco em Espanha, onde os jornais ABC e El País destacam o assunto, mas foi também noticiado em publicações do México, do Chile, do Brasil e da Bélgica.

“A fórmula” de Marcelo, segundo o El País, “é agir como é: um político de dar abraços, falar com todos e pôr as pessoas de acordo”. “A sua campanha eleitoral foi a mais barata de todas e a sua equipa cabia num carro que era, frequentemente, conduzido por um dos seus filhos”, acrescenta o jornal.

“A sua presença não causou nenhuma surpresa entre os cidadãos, habituados a este tipo de comportamento de Marcelo de Sousa, hoje numa fila de um super, ontem a servir comida a sem-abrigo, ainda que pareça ter surpreendido o estrangeiro”, conclui o El País.

“A popularidade do conservador Marcelo Rebelo de Sousa contrasta com a crescente rejeição ao Governo espanhol“, aponta por seu turno o ABC.

Pelas redes sociais há muitos espanhóis que fazem precisamente essa comparação, notando que Pedro Sánchez, o primeiro-ministro de Espanha, mal se atreve a sair à rua, com medo das críticas pela forma como tem gerido a pandemia de covid-19.

E há espanhóis que continuam a destacar o facto de Portugal ser um país tão próximo e, ainda assim, “cada vez mais distante” da realidade espanhola actual.

https://twitter.com/pablousky4/status/1262847308502372353

O facto de Marcelo Rebelo de Sousa aparecer sem guarda-costas visíveis também surpreende noutros países pelo mundo fora, nomeadamente no Equador e na Venezuela, onde se faz a comparação com Nicolás Maduro.

No Chile destaca-se que “o presidente de Portugal podia dar lições de humildade a políticos de todo o mundo”, enquanto na Austrália se fala de “um exemplo” e nos EUA se faz a comparação com o típico comportamento de Donald Trump.

https://twitter.com/slsandpet/status/1262569125726961664

A imagem de Marcelo na fila do supermercado é também partilhada por utilizadores de países como República Dominicana, Panamá, África do Sul, Quénia e até no Líbano pela jornalista Joelle Kozaily.

https://twitter.com/_Jo_Elle_/status/1262646695533383682

O exemplo de Marcelo também teve repercussões em França, onde o vereador da Câmara de Paris para os assuntos europeus, o luso-descendente Hermano Sanches Ruivo, fala do “belo exemplo” do Presidente de Portugal.

https://twitter.com/hermanosanches/status/1262324483983118337

https://twitter.com/taissamichel/status/1263042318103465984

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Há varias atitudes e declarações em que discordo do M.R de Sousa. Mas o facto de ser uma figura Publica que se movimenta como qualquer outro Cidadão comum, não me incomoda ou choca minimamente. Mais chocante é de ver um Eleito do Povo, longe das vistas e sempre enquadrado por os seus “Gorilas”, como se tivessem receio de quem os elegeu !

RESPONDER

É a quantidade de alimento que determina quem se torna a abelha-rainha

Um novo estudo sugere que é a quantidade de alimento, e não a sua qualidade, como se pensava até agora, que determina quem se torna a abelha-rainha. Quais são os fatores que determinam qual é a …

Em Miami e Nova Iorque, os polícias ajoelharam-se por George Floyd

Em Miami e em Nova Iorque, alguns agentes da autoridade juntaram-se aos manifestantes por breves momentos, para mostrar o seu respeito pela memória de George Floyd. Nos Estados Unidos, os protestos pela morte de George Floyd …

A Nova Zelândia está em cima de uma enorme bolha de lava

A Nova Zelândia situa-se no topo dos restos de uma pluma vulcânica gigante. Este processo é o responsável pela atividade vulcânica e desempenha um papel fundamental no funcionamento do nosso planeta. Nos anos 70, vários cientistas …

Petição busca estatuto de vítima para crianças em contexto de violência doméstica

Uma petição lançada na sexta-feria que reivindica a criação do estatuto de vítima para as crianças que vivem em contexto familiar de violência doméstica já foi assinada por mais de 1300 pessoas, entre elas personalidades …

Assimétrica e flutuante. A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai "nascer" em 48 horas

A primeira casa impressa em 3D na República Checa vai estar pronta no próximo mês para demonstrar a velocidade e a eficácia de uma técnica de construção que será sete vezes mais rápida e terá …

Anonymous garantem que princesa Diana foi assassinada para abafar caso Epstein

O movimento internacional de ciberativistas Anonymous - ou alguém que alega operar em seu nome - garante que a princesa Diana, que morreu num acidente de viação em agosto de 1997, foi, na verdade, assassinada …

Empresa de mineração pede desculpa por destruir cavernas sagradas aborígenes

A empresa mineira Rio Tinto admitiu que destruiu as cavernas pré-históricas que eram locais de culto para os aborígenes australianos e pediu desculpa. As cavernas de pedra Juukan Gorge 1 e 2 – dois locais de …

Itália exige "respeito": vai abrir fronteiras, mas excluir países que impõem restrições a italianos

Apesar de acredita "no espírito europeu", o ministro dos Negócios Estrangeiros italiano sublinhou que o país está pronto "para fechar as fronteiras" àqueles que não o respeitem. A Itália vai abrir as suas fronteiras internacionais a …

As Forças Armadas sul-africanas não estavam preparadas para um inimigo invisível

A Força de Defesa Nacional da África do Sul não está preparada para combater uma pandemia silenciosa como a da covid-19. Este "inimigo invisível" veio trazer à tona as fragilidades do país. As Forças Armadas da …

Putin convoca referendo sobre alterações constitucionais para 1 de julho

A aprovação da reforma constitucional permitirá ao atual Presidente da Rússia, Vladimir Putin, cumprir mais dois mandatos suplementares a partir de 2024. Vladimir Putin anunciou a data de 1 de julho para o referendo nacional de …