Mário Centeno vai dar aulas na Universidade Nova

O governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, vai dar aulas na Universidade Nova, em Campolide, Lisboa, avança o jornal Público esta quinta-feira.

O antigo ministro das Finanças do Governo de António Costa vai lecionar a disciplina de Análise Económica na Nova Information Management School, integrada na licenciatura de Gestão de Informação, sem receber qualquer remuneração.

“A Nova IMS, da Universidade Nova de Lisboa, confirma o regresso do professor Mário Centeno à docência, enquanto professor catedrático convidado nesta instituição, para colaborar no lecionamento da unidade curricular de Análise Económica”, disse ao matutino fonte oficial da Universidade Nova.

“Recorde-se que a atividade de docente do professor Mário Centeno na Nova IMS é antiga, tendo sido apenas interrompida no decurso das funções assumidas no Ministério das Finanças, na atual e anterior legislatura”, acrescenta a instituição.

Mário Centeno assumiu a presidência do BdP a 20 de julho depois de ter sido ministro das Finanças entre 26 de novembro de 2015 e 15 de junho de 2020, cargo que acumulou com a presidência do Eurogrupo (entre 13 de janeiro e 2018 e 13 e julho de 2020).

A Lei Orgânica do BdP não proíbe que dê aulas enquanto assume o cargo de governador, uma vez que não é remunerado pelas suas funções.

O governador do BdP começa amanhã a lecionar na Universidade Nova.

Mário Centeno nasceu no Algarve em 1966 e licenciou-se em economia no ISEG, em Lisboa (onde chegou a professor catedrático). Depois de regressar de Harvard com um doutoramento, em 2000, ingressou no Banco de Portugal, no qual foi economista, diretor-adjunto do Departamento de Estudos Económicos e consultor da administração.

Entre novembro de 2015 e junho de 2020 foi ministro das Finanças dos dois Governos PS liderados por António Costa. Foi eleito presidente do Eurogrupo, o grupo de ministros das Finanças da zona euro, e levou as contas públicas portuguesas ao primeiro saldo positivo em democracia, mais concretamente desde o ano de 1973.

ZAP //

 

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Faz bem, o BdP é uma pasmaceira, e o salário é uma miséria… Estavam à espera que o homem não fizesse mais nada na vida senão autografar moedas? É preciso pensar no futuro! E depois a reforma? Como dizia o outro ” Nem chegda para os gastdos”!

  2. Devem ser aulas como fugir às responsabilidades quando as coisas entram em pânico, como foi a covi-19, isto quando o país precisava de um bom ministro de finanças. Porém temos também o caso de pôr o país em greve por não pagar aos funcionários (saúde, etc.) o que prometeu, para dar aos bancos. Parabéns à todos estes alunos, vão ter um bom futuro.

RESPONDER

Contratos de associação dos colégios privados. Ministério da Educação vence todos os 55 processos judiciais

Em todos os 55 processos judiciais que os colégios privados moveram contra o Ministério da Educação em 2016, na sequência da polémica dos contratos de associação, todas as 55 decisões foram favoráveis ao Governo. O jornal …

Famílias numerosas podem pedir desconto no IVA da luz a partir de março

As famílias com cinco ou mais elementos só poderão usufruir da redução do IVA da eletricidade a partir de 1 de março e terão de o requerer junto do seu fornecedor, segundo uma portaria esta …

Vacina da gripe disponível para mais grupos. Farmácias temem não ter stock suficiente

A vacina da gripe está, a partir desta segunda-feira, disponível para mais grupos populacionais com o início da segunda fase da campanha, que estende a vacinação a pessoas com 65 ou mais anos e pessoas …

Franceses em protesto para homenagear professor decapitado. Autoridades procuram radicais islâmicos

Milhares de pessoas reuniram-se no domingo no centro de Paris numa demonstração de repúdio pela decapitação do professor que mostrou aos seus alunos desenhos do Profeta Maomé. Os manifestantes da Praça da República ergueram cartazes onde …

Proud Boys acreditam na vitória de Trump: "Vamos Ganhar". Voto antecipado começa hoje na Florida

O líder do grupo Proud Boys disse à Lusa, durante uma manifestação em Miami, que Donald Trump vai vencer as eleições presidenciais norte-americanas, e rejeitou a acusação de que é dirigente de uma organização extremista. …

Projeto desenvolve testes rápidos de baixo custo para detetar imunidade

Um consórcio de universidades e uma empresa querem desenvolver "testes rápidos e de baixo custo" para detetar a resposta imunitária ao vírus SARS-CoV-2. O projecto TecniCov, que "obteve um financiamento de 450 mil euros da Agência …

"Medo constante". Human Rights Watch denuncia tortura na Coreia do Norte

Uma organização não-governamental denunciou esta segunda-feira que o sistema norte-coreano de detenção pré-julgamento e de investigação é cruel e arbitrário, com ex-detidos a descreverem tortura sistemática, corrupção e trabalhos forçados não-remunerado. No relatório de 88 páginas, …

"Cibermáfia". Rede de criminosos "lavou" milhões de euros em Bancos portugueses

Uma rede de criminosos com origem na Europa de Leste montou um esquema de lavagem de dinheiro roubado em ataques informáticos através de Bancos de países como Portugal. Esta "cibermáfia", como é apelidada pelo Jornal de …

Diplomatas chineses e taiwaneses entram em confronto físico nas ilhas Fiji

Diplomatas da China e funcionários do Governo de Taiwan entraram em confronto físico durante uma receção nas ilhas Fiji, que marcou o dia nacional de Taiwan, ilustrando a crescente tensão entre Pequim e Taipé. A luta …

Mais 1.949 infetados, 17 mortes e 966 recuperados. Portugal passa barreira dos 100 mil casos

Portugal registou nas últimas 24 horas mais 1.949 casos de covid-19, 17 mortes associadas à doença e 966 recuperados, de acordo com o boletim da Direção-Geral da Saúde publicado esta segunda-feira. O número total de infeções …