Marinho e Pinto deverá integrar família dos Liberais europeus

RTP / Flickr

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado

Ex-bastonário da Ordem dos Advogados, Marinho e Pinto, eleito eurodeputado

Os dois deputados eleitos pelo Partido da Terra (MPT) ao Parlamento Europeu, Marinho Pinto e José Inácio Faria, deverão integrar a bancada dos Liberais, de acordo com uma fonte do ALDE, o terceiro maior grupo político europeu.

Depois de ter estado também em contactos com os Verdes, no quadro das negociações em curso para a formação dos grupos políticos para a próxima legislatura, após as eleições europeias de maio, Marinho Pinto irá “quase seguramente” sentar-se, juntamente com José Inácio Faria, na bancada dos Liberais, “devendo a decisão formal ser tomada na próxima terça-feira”, adiantou à agência Lusa uma fonte do grupo parlamentar dos liberais.

A Aliança dos Liberais e Democratas pela Europa – grupo político ao qual o PSD já pertenceu, antes de aderir ao Partido Popular Europeu (PPE) – mantém-se como a terceira maior força política do hemiciclo europeu, com pouco mais de 60 dos 751 assentos do parlamento.

Os 21 deputados portugueses eleitos para o Parlamento Europeu irão assim ficar repartidos por quatro famílias políticas:

– Os 8 eleitos pelo PS integrarão o grupo dos Socialistas Europeus (o segundo maior grupo, para já com 191 deputados);
– Os 7 eleitos da Aliança Portugal, coligação formada por PSD e CDS-PP, fazem parte do PPE, que se mantém como a principal força (atualmente com 221 deputados garantidos);
– Os 3 deputados da CDU e a deputada eleita pelo Bloco de Esquerda estão junto na bancada da Esquerda Unitária, sexta força da assembleia.

Na sequência das eleições europeias de maio, entre os 751 deputados eleitos nos 28 Estados-membros da União Europeia, 41 são “não-inscritos”, ou seja, não são filiados em qualquer grupo político, e 55 são deputados recém-eleitos igualmente não inscritos em qualquer dos grupos políticos do Parlamento cessantes, sendo em torno do futuro destes, das bancadas que ocuparão, que decorrem intensas negociações, que poderão mesmo alterar o equilíbrio de forças entre os grupos parlamentares.

A sessão constitutiva do “novo” Parlamento Europeu realiza-se entre 1 e 3 de julho em Estrasburgo, com os eurodeputados a ocuparem o seu lugar no hemiciclo e a eleger o presidente e vice-presidentes da assembleia.

Ainda em julho, os eurodeputados voltarão a rumar a Estrasburgo, para uma segunda sessão, entre 14 e 17 de julho, na qual deverão eleger o futuro presidente da Comissão Europeia.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Vice-presidente do Zimbabué demite-se após acusações de abuso sexual

O vice-presidente do Zimbabué, Kembo Mohadi, acusado de assédio sexual, anunciou esta segunda-feira a sua demissão do cargo, tendo reafirmado a sua inocência. "Demito-me do cargo de vice-presidente da República do Zimbabué com efeito imediato", escreveu …

Variante inglesa em 29 países europeus. Estirpe do Brasil mais transmissível (e ilude sistema imunitário)

A variante britânica do SARS-CoV-2, presente em 29 países da União Europeia, é responsável por mais de metade das infeções totais. A estirpe detetada no Brasil, apesar de pouco prevalecente na Europa, pode ter uma …

EUA extraditam pai e filho acusados de ajudar Ghosn a fugir do Japão

Dois norte-americanos, pai e filho, procurados por ajudar o ex-presidente da Nissan, Carlos Ghosn, a escapar do Japão numa caixa, foram entregues à custódia japonesa esta segunda-feira. De acordo com o jornal britânico The Guardian, Michael …

Até à Páscoa "as coisas devem ficar como estão", diz António Lacerda Sales

O Secretário de Estado da Saúde, António Lacerda Sales, admitiu, em entrevista ao SAPO24, que foram cometidos erros desde o início da pandemia e defendeu que até à Páscoa "as coisas devem ficar como estão". Um …

Trabalhar no Interior. Benefícios fiscais tiveram impacto de 27 milhões (e programa deve ser prorrogado)

Os benefícios fiscais previstos no Programa de Valorização do Interior (PVI) tiveram um impacto de cerca de 27 milhões de euros em 2020, revelou o Ministério da Coesão Territorial, destacando a aprovação de projetos …

Regulador da aviação trava construção do aeroporto do Montijo

O parecer negativo das câmaras do Seixal e da Moita e a não emissão por Alcochete levaram a Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) a recusar emitir um parecer prévio de viabilidade do aeroporto do …

França aprova vacina da AstraZeneca para maiores de 65 anos. Única dose das vacinas reduz hospitalização nos mais idosos

O Governo francês alargou a idade de toma da vacina da AstraZeneca, que estava reservada para pessoas entre os 50 e os 64 anos. A partir de agora, pessoas com até 75 anos também vão …

OMS diz que é prematuro e "não realista" pensar-se que a pandemia acaba este ano

O diretor executivo do Programa de Emergências em Saúde da OMS diz que é prematuro pensar-se que a pandemia termina até ao fim do ano, mas que é possível é reduzir as hospitalizações e as transmissões …

A escolha de Moedas para Lisboa (ou de como Marcelo puxou os cordelinhos no PSD)

Rui Rio foi forçado a confirmar o nome de Carlos Moedas como candidato do PSD à Câmara de Lisboa depois de ter havido uma fuga de informação para a imprensa. E há quem especule que …

Duterte demite embaixadora no Brasil filmada a agredir funcionária

Esta segunda-feira, Rodrigo Duterte anunciou ter assinado a demissão da embaixadora das Filipinas no Brasil, Marichu Mauro. O Presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, demitiu a embaixadora no Brasil, depois de esta ter sido filmada a agredir …