Marcelo elogia relevo de Costa no xadrez europeu e estabilidade política do Governo

Paulo Vaz Henriques / Portugal.gov.pt

O Primeiro-Ministro António Costa e o Presidente da República Marcelo Rebelo de Sousa

Marcelo Rebelo de Sousa considera “exemplar” a continuidade da política externa portuguesa e a unidade entre primeiro-ministro, ministro dos Negócios Estrangeiros e Presidente da República.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, destacou esta quinta-feira o “relevo do primeiro-ministro”, António Costa, no xadrez europeu e a estabilidade política do Governo como fatores que permitiram o reforço significativo do “peso de Portugal” na Europa.

Na cerimónia de cumprimentos de Ano Novo dos chefes de missão, embaixadores e cônsules-gerais de Portugal acreditados junto de vários Estados e organizações internacionais, que decorreu no Antigo Museu Nacional dos Coches, em Lisboa, Marcelo avisou ainda que “qualquer que seja o veredito eleitoral” das legislativas deste ano, “a política externa portuguesa é e continuará a ser, no essencial, a mesma“.

“No plano europeu, o peso de Portugal reforçou-se significativamente pela sensatez das políticas e dos resultados financeiros, pela liderança do Eurogrupo, pelo relevo do primeiro-ministro no xadrez europeu, xadrez esse complexificado nos últimos meses, e até pela estabilidade política, fazendo do chefe do Governo português um dos seis ou sete mais antigos da União Europeia no curto lapso de três anos”, elogiou.

Segundo o chefe de Estado, “não é fruto do acaso a intensíssima e coordenada atividade externa do Presidente da República, do primeiro-ministro e do ministro dos Negócios Estrangeiros, envolvendo em 2018 encontros com todas as principais potências globais e seus líderes”.

Para Marcelo Rebelo de Sousa, “em democracia tem sido exemplar a continuidade da política externa” portuguesa, destacando que “não depende de presidentes, de parlamentos, de governos de cada momento” e que, “no essencial, não muda“.

Para além da continuidade, “não menos essencial” para o Presidente da República em matéria de política externa é a sua unidade, enaltecendo que “todos os órgãos de soberania fazem questão de respeitar essa unidade”.

“Nela assume especial acuidade a condução una da política externa pelo ministro dos Negócios Estrangeiros, ultrapassando fórmulas de outros idos em que fronteiras orgânicas ou protagonismos funcionais ou pessoais, ainda que com boa vontade ou talento, dispersavam diligências e recursos ou fomentavam atuações paralelas”, comparou, ainda que sem referir nomes.

O chefe de Estado testemunhou “como tem sido constante e excelente a convergência de visões, de discursos e de sensibilidade em casos concretos” do atual Governo liderado por António Costa com o Presidente da República.

// Lusa

PARTILHAR

9 COMENTÁRIOS

  1. ESTES ELOGIOS VEM PORQUE PARA O MARTELO SER ELEITO novamente PRECISA DO APOIO DO S SOCIALISTAS, e assim dividem entre eles o poder

  2. Olá!
    Então ó Agostinho, o Sr: ainda não conseguiu discernir, que exceptuando o Presidente Mário Soares que foi um verdadeiro “Monstro” em termos políticos e de Estado, o actual Presidente da República é do melhor que existe? Ainda não concluiu que o professor Marcelo se se candidatar tem os votos da grande maioria dos portugueses? Ele, como pessoa altamente responsável que é, e como estadista de eleição que é, neste caso em particular, dá voz aquilo que é um sentimento nacional e europeu, fazendo jus ao que de relevante o nosso primeiro ministro tem espalhado por onde passa. Tenha lá juízo e não se deixe toldar por manobras de diversão, para não lhes chamar desonestas, que certas pessoas com poucos neurónios e ou fanatismo partidário, teimam em trazer à colação.
    Se os portugueses estiverem de acordo, gostaria muito de ver estas personalidades durante mais uns quantos anos , com o discernimento, vontade e inteligência que têm demonstrado, nos cargos que vêm ocupando, para benefício da maior parte de nós.
    Como ouvimos na canção: Quem disser o contrário é tolo! estou contudo convencido, que não faltarão arautos da desgraça, que virão já de seguida numa perspetiva “passista e irrevogável”, mostrarem que efetivamente são tolos, contrariando tudo aquilo que expus.
    Boa tarde.

    • O Mário foi um “Monstro da roubalheira, da prepotência, da utilização do estado e da Câmara de Lisboa para enriquecimento da família. Só não viu quem não quis. Pôs o país na bancarrota duas vezes e o afilhado dele segui-lhe os passos. Os filhos são iguais, cresceram com esse exemplo.
      E a Fundação Mário Soares para que serve? E os terrenos do colégio da família, como foram conseguidos? E as obras desse colégio sem licenças de construção?
      Este Costa vai pelo mesmo caminho, é só propaganda para se manter no poder, depois alguém há-de vir para pagar as contas.

  3. O Presidente Marcelo é muito bom a tirar selfs, a ir a tudo o que é sitio botar palavra, mas assim é fácil ser-se muito bom, pois não é ele que tem de arranjar os €€€€€€€ para pagar tudo. Aliás até consta que na Presidência foi gasto muito mais do que estava previsto no orçamento. Portanto Presidência com défice. Com Tantas viagens, a pagar horas extraordinárias ao pessoal, tinha de ser.

  4. Marcelo e Costa já estão casados porque Costa como socialista vai apoiar Marcelo um homem do PSD que tanto os socialistas o querem porque é para proveito próprio e vice versa Marcelo…
    Mas tanto mal deseja ao PSD e vai apoiar um? Pois é para seu inetresse o que vejo é pura manobra socialista que só conta é o poder e o tacho para si e sua familia e amigos…
    Sou PS mas votar em PS do António Costa o Traidor, NUNCA…
    António Costa é o Coveiro da Nação, votem e verão o que acontece, há muita coisa escondida que não quer que se descubra….

RESPONDER

Governo vira-se para Rio para mudar a lei e garantir o novo aeroporto

O Governo está a preparar uma alteração à Lei para evitar que o projecto do novo aeroporto do Montijo seja chumbado. Uma medida que passará, necessariamente, pela necessidade de um entendimento entre PS e PSD …

"Entretenimento saudável". Santa Casa desvaloriza estudo sobre raspadinhas

O Departamento de Jogos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desvalorizou a investigação da Universidade do Minho que aponta para o vício das raspadinhas. Esta sexta-feira, um artigo científico publicado na The Lancet alertou para …

"Diga-lhe para ligar ao FBI". Autocarro com a cara do príncipe André circula em Londres

Um autocarro escolar, com a cara do príncipe André, andou a circular por Londres, esta sexta-feira, numa campanha da advogada Gloria Allred para pressionar o filho da Rainha a falar com o FBI. Esta sexta-feira, um autocarro …

Suspeito de terrorismo ouvido em tribunal (com o juiz a recusar ver os seus vídeos por não ter Internet)

O arguido Rómulo Costa, um dos oito portugueses acusados por financiamento ao terrorismo e recrutamento, adesão e apoio ao Estado Islâmico, foi interrogado, esta sexta-feira, na fase de instrução do processo que vai decorrer no …

FC Porto recorre do castigo de um jogo à porta fechada

O FC Porto vai recorrer do castigo de um jogo à porta fechada, aplicado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) por ofensa a um agente desportivo. "O FC Porto vai recorrer …

Moita Flores investigado por corrupção. Antigo PJ fala em "coincidência" com empréstimo aos filhos

Francisco Moita Flores, antigo inspector da Polícia Judiciária e ex-presidente da Câmara de Santarém, está a ser investigado por suspeitas de corrupção. Há transferências de dinheiro de uma construtora para empresas a que esteve ligado …

SOS Animal vai constituir-se assistente no processo contra João Moura

A SOS Animal anunciou, esta sexta-feira, que se vai constituir assistente no processo criminal contra o cavaleiro tauromáquico detido, na quarta-feira, por suspeitas de maus-tratos a cães em Monforte, no distrito de Portalegre. Em comunicado, a SOS …

SMS de Rangel revelam teia de corrupção na Relação de Lisboa. Juiz Vaz das Neves tem empresa contra a lei

O ex-presidente do Tribunal da Relação de Lisboa, Luís Vaz das Neves, que foi constituído arguido na Operação Lex, tem uma empresa que se dedica à arbitragem extrajudicial de conflitos, o que constitui uma violação …

Presidente da PwC esteve em Lisboa para controlar danos do Luanda Leaks

O presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC) esteve em Lisboa, há duas semanas, para controlar os danos provocados pelo caso Luanda Leaks. Bob Moritz, presidente mundial da PricewaterhouseCoopers (PwC), esteve em Lisboa, há duas semanas, para perceber até …

CM Lisboa vai negociar avenças em parques para moradores da envolvente da Baixa

O presidente da Câmara de Lisboa afirmou, esta sexta-feira, que a autarquia irá tentar acordar com os operadores dos parques de estacionamento da envolvente da Zona de Emissões Reduzidas da Baixa-Chiado a criação de "avenças …