Cientistas treinam mão robótica para resolver cubo mágico

Uma mão robótica consegue resolver por si mesma um cubo mágico. A equipa de cientistas usou uma nova abordagem que permite à mão adaptar-se às várias adversidades do mundo real.

Uma equipa de engenheiros treinou um conjunto de redes neurais para resolver o cubo mágico com recurso a uma mão robótica. Usando milhares de simulações diferentes, os especialistas esperavam que a tecnologia conseguisse reproduzir o mesmo resultado num ambiente real — independentemente das adversidades.

Mesmo em situações que não foi confrontada nas simulações, as redes neurais conseguiram adaptar-se e conseguiram terminar na mesma o cubo de Rubik.

Este projeto da OpenAI constitui uma grande evolução na robótica, já que há cerca de um ano atrás, apenas conseguiram treinar uma mão robótica para mostrar uma face específica do cubo. Além disso, destacam que a novidade não é a tecnologia da mão, mas sim o software que lhes permitiu uma nova abordagem.

Mesmo para humanos, resolver o cubo mágico com uma mão é uma tarefa árdua, ao alcance de uma pequena parcela da população. Crianças também demoram vários anos até conseguirem a destreza necessária para fazê-lo.

Ainda assim, os engenheiros reconhecem que a mão robótica está longe da perfeição para já. A tecnologia apenas consegue resolver o cubo em 60% das vezes em que são necessárias 15 rotações para o terminar (e apenas 20% na dificuldade máxima, em que são precisas 26 rotações).

O maior desafio da equipa foi mesmo criar ambientes diversificados suficientes para que o robô capture a física do mundo real. Fatores como fricção, elasticidade e dinâmicas são incrivelmente difíceis de medir. Razão pela qual recorreram a um método conhecido como Automatic Domain Randomization (ADR), que vai automaticamente gerando ambientes cada vez mais adversos nas simulações.

Isto permite não só que os engenheiros não tenham de criar um modelo informático preciso destes parâmetros, como também permite transferir o conhecimento adquirido nas simulações diretamente para o mundo real.

Em termos práticas, testaram a mão robótica com perturbações como uma luva de borracha, dedos amarrados, um cobertor a tapar, uma caneta — e até mesmo com uma girafa de peluche.

ZAP ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Tweet de Elon Musk afunda Bitcoins (e dá força à criptomoeda que nasceu como meme)

A Tesla vai deixar de aceitar Bitcoins como forma de pagamento. A revelação foi feita por Elon Musk numa publicação no Twitter e levou à queda do valor da criptomoeda no mercado. A par disso, …

Investigadores criam nova solução para óculos de realidade virtual e aumentada

Uma equipa de investigadores criou uma nova tecnologia para fornecer óculos de realidade virtual que não parecem "olhos de inseto". Num novo artigo publicado na Science Advances, os especialistas descrevem a impressão de ótica de forma …

Genética da população portuguesa pode explicar deficiência de vitamina D

Investigadores portugueses concluíram que a população portuguesa tem uma prevalência superior à média europeia de algumas alterações genéticas que levam a uma predisposição para o défice de vitamina D. Este estudo, coordenado pelo Centro Cardiovascular da …

Polónia quer comprar casa de campo francesa (para recuperar o legado de Marie Curie)

A Polónia quer comprar e renovar a casa de campo francesa de Marie Curie e transformá-la num museu, naquele que é um esforço para reivindicá-la como génio científico e pioneira polaca. Embora tenha nascido na Polónia, …

Min Nyo é jornalista, cobriu os protestos em Myanmar e foi condenado a 3 anos de prisão

Min Nyo, um jornalista birmanês de 51 anos, foi condenado a três anos de prisão pela sua cobertura dos protestos na sequência do golpe de Estado em Myanmar. Min Nyo, que trabalhava para a DVB (Voz …

McDonald's e Casa Branca unem-se para sensibilizar população a ser vacinada

Numa parceria com a Casa Branca, a cadeia de fast food norte-americana também está a dar o seu contributo para sensibilizar a população para a vacinação contra a covid-19. A ideia é promover informações relevantes sobre …

Voo "para lado nenhum" esgota em tempo recorde. Bastaram 2,5 minutos

A companhia aérea australiana Qantas vendeu os bilhetes para o próximo "voo para lugar nenhum" em tempo recorde: 2,5 minutos. A Qantas está a promover um novo "voo para lugar nenhum" que dará aos famintos por …

Todos queriam "O Senhor dos Anéis". Mas cinemas chineses foram obrigados a exibir filmes de propaganda

Pequim ordenou que os cinemas chineses divulgassem propaganda em homenagem ao Partido Comunista. Os cinéfilos do país, que clamam pelos filmes de Hollywood, revoltaram-se. A 1 de abril, no dia em que entrou em vigor um …

Presidente da República condecorou Jorge Coelho a título póstumo

Marcelo Rebelo de Sousa condecorou, a título póstumo, o antigo ministro e dirigente socialista Jorge Coelho com a grã-cruz da Ordem do Infante D. Henrique. O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, condecorou esta quinta-feira, …

Comer caladas, autocarro sem parque, pavilhão sujo: assim foi uma final europeia

Episódios quase inacreditáveis rodearam a final feminina da Taça EHF. O diretor da equipa vencedora conta tudo o que aconteceu (e há muito para contar). O Rincón Fertilidad Málaga conquistou a Taça EHF feminina desta época. …