Mais de metade dos cinemas em risco de fechar

A Associação Portuguesa de Defesa de Obras Audiovisuais (FEVIP) alertou hoje que mais de metade das salas de cinema pode encerrar até ao final do ano se não houver mecanismos de apoio face à pandemia da covid-19.

“Estamos a atravessar um período negro, de que ninguém tem culpa e temos de encontrar soluções, todos, que nos permitam ultrapassar isto, sob pena de fechar“, afirmou hoje à agência Lusa o diretor-geral da FEVIP, António Paulo Santos.

Segundo resolução do Conselho de Ministros, que entrou em vigor na quarta-feira, os equipamentos culturais – incluindo as salas de cinema – situados nos 121 concelhos de Portugal continental sujeitos ao confinamento parcial passam a encerrar às 22h30.

A decisão abrange grande parte das 544 salas de cinema do circuito de exibição, já que estão concentradas sobretudo nos distritos de Lisboa (144), Porto (90), Setúbal (48) e Braga (40), segundo dados do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA).

“Se estas empresas encerrarem, e estamos a falar de mais de 50% das salas de cinema que podem encerrar até ao final do ano, deixamos de ter uma oferta eclética e cultural a nível do território nacional e que os portugueses gostam de ver”, alertou o diretor-geral da FEVIP.

Para responder a este encerramento, as exibidoras suprimiram as últimas sessões diárias ou anteciparam horários para cerca das 20 horas, o que, no entender da FEVIP, afeta “a única sessão que era lucrativa”.

António Paulo Santos não põe em causa a decisão do Governo, embora a considere incongruente, porque tanto apela aos portugueses para ficarem em casa como garante que a atividade cultural continua a realizar-se, mas apenas até às 22h30.

Esta incongruência tem reflexos e é perversa – não estou contra o Governo -, mas tem que se pensar no ecossistema todo. […] Encerra-se e agora vamos encontrar medidas de apoio ao setor, para que quando reabrir continue a funcionar e para que permita subsistir no período de encerramento”, disse.

António Paulo Santos recorda os “custos elevadíssimos” da exibição em Portugal e pede medidas como financiamentos com taxas de juro baixa para as empresas exibidoras e uma aplicação efetiva da flexibilização de rendas de aluguer de espaços, a maioria em centros comerciais.

“Não há apoios para o cinema, podem recorrer ao lay-off, há legislação para rendas flexíveis, mas não se consegue aplicar na prática, e estamos a falar de rendas de mais de cem mil euros por mês. Para ter uma ideia, se eu passar um filme numa sala, só em luz gasto à volta de três mil euros. Normalmente numa sala de cinema atualmente se fizer 500 ou 600 euros de bilheteira é muito”, exemplificou.

De acordo com os dados mais recentes do Instituto do Cinema e Audiovisual, até setembro registaram-se quebras de 71% face a 2019, tanto em número de espectadores como em receita de bilheteira nas salas de cinema, sobretudo desde março.

A recuperação de receitas e espectadores tem sido gradual, mas muito aquém das estatísticas do ano passado.

Segundo o ICA, até setembro as salas de cinema registaram 3,2 milhões de espectadores, quando no mesmo período de 2019 tinham sido 11,5 milhões.

Da associação FEVIP – que não representa a totalidade das exibidoras e distribuidoras portuguesas – são membros a Big Pictures 2 Films, a Cinemundo, a NOS Lusomundo Audiovisuais, a NOS Comunicações, a Pris Audiovisuais, a SportTV, a Lanterna de Pedra Filmes, a Associação de Empresas Produtoras e Distribuidoras de Videojogos e a Associação para a Gestão de Direitos de Autor, Produtores e Editores.

A agência Lusa também tentou, sem sucesso em tempo útil, obter esclarecimentos por parte da Associação Portuguesa de Empresas Portuguesa de Empresas Cinematográficas.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Twitter oferece 3.000 euros a quem ajudar a resolver o enviesamento racial do seu algoritmo

A rede social Twitter anunciou um novo concurso destinado a investigadores e hackers para identificar e resolver o enviesamento racial do algoritmo usado para cortar as imagens que são carregadas pelos utilizadores. Segundo anunciou no Twitter, …

EUA. Universidade na Florida perdoa milhões em propinas

A Florida A&M University, nos Estados Unidos (EUA), perdoou aos estudantes as dívidas relativas ao ano académico de 2020 a 2021, no valor total de 16 milhões de dólares (cerca de 13,5 milhões de euros). "Esta …

Startup cria saco para lavar roupa que evita envio de microplásticos para oceanos

A startup Skizo, incubada na UPTEC – Parque de Ciência e Tecnologia da Universidade do Porto, criou um saco para lavagem de roupa que recolhe os microplásticos libertados pelas fibras e evita o envio dos …

Pegasus. Advogado que luta para libertar a princesa Latifa do Dubai também foi espiado

O ativista de direitos humanos David Haigh — envolvido na libertação da princesa Latifa — é a primeira vítima britânica de espionagem confirmada através do software israelita Pegasus. O advogado britânico e ativista de direitos humanos …

Autor de ataque com faca em Londres queria "matar a rainha"

O autor do ataque extremista com uma faca, em 2020, em Londres, que acabou por morto pela polícia, era conhecido quando esteve na prisão pelo seu radicalismo e por querer "matar a rainha", segundo um …

Crise alimentar leva Coreia do Norte a distribuir reservas militares de arroz

A Coreia do Norte está a destribuir reservas militares de arroz para enfrentar a atual crise alimentar, ao mesmo tempo que uma onda de calor e a seca atingem o país, revelou na terça-feira a …

Jogos Olímpicos: a terra tremeu durante o Brasil-México

Primeira meia-final do torneio masculino de futebol não teve direito a golos durante 120 minutos, mas teve direito a um sismo. Final será entre Brasil e Espanha. O Brasil estará novamente na final dos Jogos Olímpicos, …

A turbina de marés mais potente do mundo já está a funcionar

A mais poderosa turbina de marés do mundo está em funcionamento desde a passada quarta-feira no arquipélago escocês de Orkney. A turbina O2, que pesa 680 toneladas métricas, começou a funcionar na passada quarta-feira, 28 de …

Vacinação Casa Aberta já está disponível para maiores de 30 anos

A modalidade de vacinação Casa Aberta está desde esta terça-feira disponível para as pessoas com idade igual ou superior a 30 anos. De acordo com um comunicado enviado esta terça-feira pela task force, “a modalidade Casa …

Governo motivado para executar PRR "de forma célere"

O ministro das Finanças, João Leão, afirmou esta terça-feira que o Governo está muito motivado “para executar de forma célere” o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), depois de Bruxelas ter desembolsado 2,2 mil milhões …