Mães querem processar Estado pelas adoções ilegais da IURD

Rafael Neddermeyer / Fotos Públicas

Templo Salomão, sede mundial da Igreja Universal do Reino de Deus

As mães portuguesas de dez crianças que terão sido roubadas à família de um lar ilegal financiado pela Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) e adotadas por bispos e pastores da igreja ponderam lutar na justiça pela reposição da verdade.

Segundo o Diário de Notícias, apesar de os crimes já terem prescrito, as mães a quem os filhos terão sido alegadamente roubados equacionam a possibilidade de processar o Estado numa ação conjunta.

Quem o avança é Alexandra Borges, uma das autoras da reportagem – em conjunto com Judite França – que disse que a verdade, no entanto, não prescreve nunca: “As mães estão a equacionar a possibilidade de processar o Estado português numa ação conjunta. Mas não pensam avançar com uma ação contra a IURD porque consideram que iriam reclamar dinheiro sujo”.

No entanto, segundo um magistrado da área de Família e Menores, esta é uma ação cível que pode durar três anos, aumentando para cinco se o processo implicar factos criminais. Por essa razão, acredita o magistrado, o inquérito aberto esta semana pelo MP deverá resultar em arquivamento.

Apesar disso, a mesma fonte judicial lembra que “na década de 90, em que se foca a investigação da TVI, ainda não existiam processos de promoção e proteção de menor. Se houvesse fundamentos para a retirada de uma criança aos pais biológicos o menor era institucionalizado e bastava ser atestado o desinteresse ou abandono dos pais para que o Ministério Público ou a Segurança Social fizessem uma proposta de aplicação de medida de confiança para adoção. O processo corria à revelia dos pais biológicos”.

Alexandra Borges adianta, porém, que as mães das dez crianças se encontram “resguardadas e algumas têm apoio familiar“. No entanto, a jornalista revelou preocupação com “Maria, a mãe da Vera, do Luís e do Fábio”.

Os dois primeiros terão sido adotados pela filha de Edir Macedo, o fundador da IURD. A terceira criança, Fábio, foi adotada por um outro membro da igreja. Os três irmãos tinham 3 anos, dois anos e nove meses, respetivamente, quando foram levados do lar.

Alexandra Borges aponta o desapontamento de Maria ao saber que, depois das revelações TVI, os filhos não quiseram falar com ela e, pelo contrário, fizeram um vídeo no qual garantiam ter sido “adotados de forma legal por uma família americana e vivemos até aos nossos 20 anos com esta família nos Estados Unidos”.

“A IURD levou as minhas netas”

Outro caso revelado nesta investigação é o de Maria Odete Rocha, que não esquece as netas.

Segundo o Correio da Manhã, as gémeas Cristela e Daniela Reis terão sido retiradas à mãe, por falta de condições. O pai das meninas, militar em Angola, terá então pedido à sua mãe que as fosse buscar a Portugal. No entanto, nada correu como o esperado.

“Fizeram-me alugar uma casa, montei um quarto para elas, o tribunal deu-me a guarda das crianças e mesmo assim não me entregaram as minhas netas”, desabafa, lembrando que, na altura, as netas já teriam sido adotadas por um casal,

Maria Odete levou a cabo, depois disso, uma luta judicial que durou mais de três anos. O Tribunal de Menores de Lisboa deu-lhe a guarda e a Relação de Lisboa confirmou a decisão em 2000. Mas as crianças nunca foram confiadas à guarda e cuidados da avó paterna.

Já com poucos recursos financeiros, a avó viu-se obrigada a regressar a Luanda, razão pela qual o Supremo acabou por lhe retirar a guarda das crianças.

Agora, a luta de Maria Odete é outra: “Não quero tirá-las da família. Já são maiores. Só quero saber que estão bem. Fui eu que as registei. Cristela Daniela e Daniela Cristela, hoje com 21 anos. NA miha cabeça uma chama-se Cris e a outra Dani. Não quero morrer sem as ver”, conclui a reformada de 70 anos.

ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. E têm todo o direito de processar o Estado.
    A Segurança Social cometeu um crime ao entregar ilegalmente as crianças à IURD.
    O facto do crime está prescrito não invalida a reparação dos lesados.

  2. Essa notícia passou ao de leve na TV…é como o tony das camionetes que pagou para se calarem as noticias dos plagios, estes devem ter pago bem para não mais se ouvir falar nisso. A noticia do mês são as raríssimas.
    Também têm surgido várias noticias (até no 6/nove) de casos de adopção suspeitos com a conivência da SS e nunca ou pouco são comentadas (parecidos a este).
    Mas como dizia a outra – não há corrupção em Portugal –
    Vai lá vai até a barraca abana.

RESPONDER

Segunda vaga de moratórias autorizada pela Autoridade Bancária Europeia

A Autoridade Bancária Europeia (EBA) autorizou a reabertura de moratórias de crédito, com efeitos a partir de 01 de outubro até 31 de março de 2021, dois meses após ter suspendido novas adesões. Num comunicado publicado …

Turquia alvo de críticas duras em reunião da NATO e em risco de sanções

A Turquia esteve esta quarta-feira sob um fogo de críticas na reunião virtual dos Ministros dos Negócios Estrangeiros (MNE) da NATO e, com a deceção manifestada pelos Estados Unidos, deve preparar-se para sanções económicas americanas …

O que Neymar mais quer é voltar a jogar com Messi. Só se vier a custo zero, diz o Barça

O internacional brasileiro Neymar, que alinha pelo PSG, confessou esta quarta-feira que o mais deseja é voltar a jogar com o astro argentino Lionel Messi, com quem partilhou balneário entre 2013 e 2017 no Barcelona. …

Ministro da Administração Interna e procuradora-geral da República vão ser ouvidos no Parlamento

Eduardo Cabrita será ouvido sobre o caso do cidadão ucraniano assassinado nas instalações do SEF e Lucília Gago sobre a "recente diretiva sobre os poderes hierárquicos" na magistratura do Ministério Público. A comissão de Assuntos Constitucionais …

Portugal regista mais 79 mortos e 3.772 novos casos de covid-19

Portugal contabiliza esta quinta-feira mais 79 mortos relacionados com o novo coronavírus, que provoca a covid-19, e 3.772 novos casos de infeção com o novo coronavírus, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS). Desde o início da …

França investiga 76 mesquitas por suspeita de radicalização islâmica

A França vai investigar nos próximos dias 76 mesquitas por suspeitas de radicalização islâmica, anunciou esta quarta-feira o ministro do Interior do país, Gerald Darmanin. Trata-se de 16 templos na região de Paris e 60 no …

Medidas estão a dar resultados. Novas regras apresentadas sábado vão vigorar até 7 de janeiro

O primeiro-ministro afirmou que as medidas adotadas estão a produzir resultados, havendo uma trajetória descendente de novos casos de covid-19, mas advertiu que janeiro é mês de risco e as restrições não podem ser aliviadas. Esta …

Interpol alerta para ameaça do crime organizado ligado às vacinas. Falsificações podem ser fatais

A Interpol emitiu um alerta global aos perigos de burlas à volta da nova vacina para a covid-19. As falsificações podem ser lucrativas para os criminosos e fatais para quem as usar. A Interpol emitiu um …

Alguns distritos de Portugal continental e Madeira com avisos meteorológicos até domingo

Alguns distritos de Portugal continental e o arquipélago da Madeira vão estar a partir de hoje e pelo menos até domingo com vários avisos meteorológicos devido à agitação marítima, vento e queda de neve, de …

R abaixo de 1 em Portugal. Um milhão de pessoas pode já ter tido contacto com o vírus

Um doente covid-19 em Portugal está a infetar, em média, menos de uma pessoa, segundo dados do Instituto Ricardo Jorge revelados esta quinta-feira, que mostram que o Rt voltou a estar abaixo do 1. “Atualmente, o …