Macron vence legislativas e fica com mais de 70% do parlamento

Ian Langsdon / EPA

Emmanuel Macron 'En Marche!'

Emmanuel Macron ‘En Marche!’

O novo partido do recém eleito presidente Emmanuel Macron venceu hoje a primeira volta das eleições legislativas em França, com cerca de 32% dos votos, segundo projeções divulgadas pelos media.

De acordo com as mesmas projeções, o partido A República em Marcha! do presidente Emannuel Macron obteve cerca de 32% dos votos, à frente de Os Republicanos, que terão assegurado entre 20 a 21% da votação. Na primeira volta da eleição presidencial, Macron tinha obtido 23,7% dos votos.

A Frente Nacional de Marine le Pen terá obtido entre 13 e 14%, e a França Insubmissa, movimento de extrema-esquerda de Jean-Luc Melenchón, quase 11%.

Continuando a sua tendência de implosão, o Partido Socialista francês deverá ser agora a 5ª força mais votada no país, com 9% dos votos.

Segundo as projeções da estação televisiva francesa France 2, divulgadas às 20:00 (menos uma em Lisboa), ‘A República em Marcha!, aliada ao partido centrista MoDem, poderá vir a eleger entre 390 e 430 dos 577 deputados, e os Republicanos entre 85 e 125.

A maioria absoluta no parlamento francês é de 289 em 577 assentos.

Apesar da pouca expressão da votação socialista, o PS deverá ter assagurado entre 20 e 35 deputados, à frente da França Insubmissa, que deverá ter entre 11 e 21, e da Frente Nacional, que terá assegurado entre 3 e 10.

Caso não haja candidatos com mais de 50% dos votos nas diferentes circunscrições, só aqueles que tiverem, pelo menos, 12,5% dos votos dos eleitores inscritos passam à segunda volta, a 18 de junho.

As urnas abriram às 08:00 horas e encerraram às 20:00 (menos uma Lisboa), mas grandes cidades como Paris, Marselha, Lyon e Lille, duas horas antes nas restantes. Cerca de 47 milhões de eleitores foram chamados a votar e havia 7.878 candidatos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Como assim, “estranha proporcionalidade”?
      Quem é que disse que a representatividade tem que ser assegurada com “proporcionalidade”?
      Em muitos sistemas parlamentares (como o francês e o britânico), os círculos são uninominais, e as pessoas votam no tipo do seu bairro que querem que as represente, independentemente do partido. Há quem ache que isso é que é “representatividade”, e não uma qualquer “proporcionalidade” dos partidos.

RESPONDER

Está a nascer um mosteiro de 6 milhões de euros em Bragança (e vai acolher monjas italianas)

A aldeia de Palaçoulo, em Miranda do Douro, Bragança, foi o local escolhido para a localização do futuro Mosteiro Trapista de Santa Maria, Mãe da Igreja. A obra orçada em seis milhões de euros constitui …

Crédito ao consumo atingiu recorde de 7,6 mil milhões em 2019

O montante dos novos créditos ao consumo aumentou 7,1% em dezembro do ano passado, face ao mesmo mês do ano anterior, para 667,954 milhões de euros. De acordo com o os dados divulgados pelo Banco de …

Hamas engana soldados israelitas com fotografias de mulheres

Dezenas de soldados israelitas foram alvo de um ataque informático do Hamas, que usou fotografias de mulheres para infetar os seus telemóveis. De acordo com a BBC, o tenente-coronel Jonathan Conricus afirmou que os soldados receberam …

"Navio fantasma" dá à costa na Irlanda depois de mais de um ano à deriva

Um "navio fantasma" abandonado, que esteve mais de um ano à deriva, apareceu agora na costa de Ballycotton, uma vila costeira no condado de Cork, na Irlanda. Segundo o Irish Post, o navio MV Alta, de 77 metros …

12.º caso suspeito de coronavírus em Portugal deu negativo

O mais recente caso suspeito de coronavírus deu negativo, anunciou, esta terça-feira, a Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com a Direção-Geral da Saúde, citada pelo jornal online Observador, a criança regressada da China que foi …

Vinte governadores brasileiros assinam carta com críticas a Bolsonaro

Vinte dos 27 governadores do Brasil subscreveram esta terça-feira uma carta dirigida ao Presidente do país, Jair Bolsonaro, que acusam de falta de diálogo, criticando também algumas das suas declarações públicas. "Recentes declarações de Jair Bolsonaro …

Super Bock e Sagres aliam-se em campanha contra o racismo

As duas marcas de cerveja aliaram-se numa campanha contra o racismo, depois do episódio ocorrido, no passado domingo, com Moussa Marega, no Estádio D. Afonso Henriques. "Contra o racismo, não há rivais" é o mote da …

Conselho de Disciplina abre processo disciplinar ao Vitória de Guimarães

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta terça-feira, a abertura de um processo disciplinar ao Vitória de Guimarães, devido aos insultos racistas a Moussa Marega. O avançado do FC Porto recusou-se …

Pinto da Costa confirma fim da carreira de Casillas. E diz que episódio com Marega é um caso de polícia

O presidente do FC Porto confirmou, esta terça-feira, o fim da carreira do guarda-redes espanhol, que anunciou a intenção de se candidatar à presidência da Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF). O dirigente portista falou aos …

Águias-de-Bonelli encontradas mortas no Douro Internacional

Duas águias-de-Bonelli jovens foram encontrados mortas no Douro Internacional, após terem sido marcadas com emissores GPS em 2018 e 2019, anunciaram na segunda-feira técnicos ligados a um projeto ibérico de salvaguarda destas aves. "O facto de …