Macau proíbe uso de telemóveis nas mesas de jogo dos casinos

A utilização de telemóveis nas salas de grandes apostadores dos casinos de Macau passa a ser proibida a partir de segunda-feira, para evitar a possibilidade de apostas por via telefónica, que dificultam a identificação da origem do dinheiro.

“Para evitar desentendimentos desnecessários e exterminar atos irregulares, o Governo decidiu, a partir da próxima segunda-feira, proibir a utilização de telemóveis nas mesas do jogo”, lê-se num comunicado do governo de Macau, que cita o secretário para a Economia e Finanças, Lionel Leong.

Esta medida visa “evitar que alguém aproveite a facilidade de utilização de telemóveis nas mesas de jogo para apostas via telefónica, particularmente quando nestas apostas são difíceis de comprovar a identidade do apostador real e a fonte de capital”, segundo o mesmo texto.

O Governo de Macau sublinha que ainda “é por isso que, na maior parte das cidades desenvolvidas, é proibida a aposta via telefónica“, como aliás também acontece no território, que é o maior centro de jogo do mundo.

As apostas via telefone são proibidas em Macau, mas o Governo local “tem facilitado” a utilização de telemóveis nas mesas de jogo aos clientes das salas VIP dos casinos, “através do regime de inscrição e respetivas instruções”.

“Mas tal medida leva à dúvida de apostas via telefónica”, pelo que o Governo optou agora pela proibição dos telemóveis nas mesas dos grandes apostadores.

Segundo o mesmo comunicado, Lionel Leong “garantiu que o Governo está determinado a racionalizar o funcionamento e ordem dos casinos”.

As receitas dos casinos de Macau estão em queda há quase dois anos.

Esta queda tem sido associada à campanha anticorrupção lançada por Pequim, que parece ter afastado do território os grandes apostadores.

Jamie McCaffrey / Flickr

-

As salas VIP dos casinos de Macau “continuam a ser, até hoje, dominadas por tríades“

O jogo VIP, dos grandes apostadores, continua a representar mais de metade das receitas dos casinos de Macau, mas tem perdido peso.

As autoridades de Macau e da China têm defendido a diversificação da economia da região, para a tornar menos dependente do jogo e, dentro deste, menos dependente dos grandes apostadores.

Um estudo da City University of Hong Kong, divulgado em março pela agência Lusa, conclui que as salas VIP dos casinos de Macau “continuam a ser, até hoje, dominadas por tríades“, que abandonaram os métodos violentos e funcionam com uma estratégia empresarial.

O mesmo estudo referia que as novas restrições impostas pela China, no âmbito do combate à corrupção, “criaram um mercado para as apostas por baixo da mesa”.

Um alto funcionário da polícia explicou aos autores do estudo que alguns apostadores que não querem expor a sua identidade “jogam à distância através de telefones”.

É ilegal mas ninguém o tenta regular“, disse o entrevistado.

Em 2014, depois de a imprensa local e internacional ter mencionado apostas por telefone, o Governo de Macau desmentiu a sua existência nos casinos de Macau.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Aeronave autónoma é uma alternativa acessível aos satélites (e já fez o seu primeiro voo)

A empresa Swift Engineering, em parceria com o Ames Research Center, da NASA, desenvolveu uma alternativa acessível aos satélites: uma aeronave autónoma de alta altitude e longa resistência. Já nasceu a alternativa acessível aos satélites: chama-se …

Reservas naturais chinesas salvaram os pandas da extinção (mas "esqueceram-se" dos leopardos)

Uma nova investigação revela que os esforços da China para salvar os pandas gigantes foram bem sucedidos, mas os mesmos falharam na proteção de outros animais que partilham o mesmo habitat, como é o caso …

Comunidade científica critica Trump por dizer que NASA estava "morta"

Na quarta-feira, o Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, afirmou no Twitter que "a NASA estava fechada e morta" até que o próprio fez com que voltasse a funcionar, afirmação que gerou consternação na …

É "bastante provável" que chegue à Europa uma Cybertruck de menores dimensões

É "bastante provável" que uma Cybertruck de menores dimensões venha a ser produzida e chegue depois ao mercado europeu, revelou Elon Musk, CEO da Tesla, empresa que produz estas pickups elétricas. Questionado na rede social …

Mais seis mortos e 131 novos casos em Portugal nas últimas 24 horas

Portugal regista hoje mais seis mortos e 131 novos casos de infeção por covid-19 em relação a sábado, segundo o boletim diário da Direção-Geral da Saúde. O número de pessoas internadas é de 366, mais nove …

"Erro" do Instagram favoreceu conteúdo de Trump face ao de Biden

Um "erro" da rede social Instagram favoreceu durante dois meses o conteúdo gerado pela campanha de reeleição do atual Presidente norte-americano, Donald Trump, quando comparado com as publicações de Joe Biden, candidato democrata que está …

Fotografia partilhada nas redes sociais levou à suspensão de alunos nos Estados Unidos

Pelo menos dois alunos da North Paulding High School, no estado da Georgia, dizem ter sido suspensos depois de terem partilhado nas redes sociais uma fotografia na qual é possível ver um corredor da escola repleto …

Estado de Nova Iorque com mais mortes por Covid-19 do que França ou Espanha

Os Estados Unidos registaram 1.252 mortos e 63.913 infetados com o novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo uma contagem independente da Universidade Johns Hopkins. Os últimos números de casos e óbitos registados devido a Covid-19 …

Turistas voltam a viajar, mas optam pelo low-cost

Mesmo num contexto de pandemia mundial o desejo de ir de férias continua vivo. Os turistas voltaram a procurar voos, contudo as opções recaem em percursos de curta distância e mais económicos. Ao longo dos últimos …

Ventura anuncia recandidatura ao Chega e só sai do parlamento quando “metade daquela esquerda" sair

André Ventura anunciou esta noite a recandidatura à liderança do Chega, numa cerimónia em Leiria em que disse que só vai sair do parlamento “quando metade daquela esquerda sair”. “Estamos a fazer uma revolução democrática e …