Lojistas querem rendas 40% mais baixas para comércio de rua

A Associação de Marcas de Retalho e Restauração (AMRR) pretende que a medida criada para apoiar os lojistas dos centros comerciais no pagamento das rendas passe a aplicar-se também ao comércio de rua.

Recentemente, o parlamento aprovou uma proposta que permite aos lojistas dos centros comerciais pagar, até março de 2021, uma renda variável de acordo com a faturação. Agora, como noticiou o Diário de Notícias esta sexta-feira, a AMRR quer baixar as rendas pagas pelas lojas e restaurantes de rua em 40%, desde abril até ao final do ano.

Esta pretensão é partilhada com a Confederação do Comércio e Serviços de Portugal (CCP) e com a AHRESP (Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal), que, em conjunto com a AMRR, “estão unidas numa proposta muito concreta”, garante Miguel Pina Martins, presidente desta última, que representa mais de 100 marcas e mais de 2000 lojas.

Miguel Pina Martins defendeu igualmente que, “no caso de senhorios singulares, e para este período, o Estado deve suspender a taxa liberatória do IRS a que estão sujeitos. A nossa proposta pressupõe, assim, uma partilha de sacrifícios: os lojistas assumem 60%; o Estado 28% no caso de senhorios singulares; os senhorios 12%”, indicou.

E frisou: “São propostas de trabalho, pelo que tanto a AMRR, como as outras associações dos setores que representam, estão naturalmente disponíveis para discutir com vista a encontrar um consenso político e social alargado”.

“As vendas das lojas continuam em queda pela sexta semana consecutiva, fechando também o quarto mês consecutivo com prejuízos elevados. Tanto nas lojas de rua como nas de centros comerciais as perdas têm-se situado na média dos 40%. Lisboa tem estado nesta linha também, e as limitações causadas pelas horas de fecho e lotação do espaço não deixa o setor recuperar”, apontou Miguel Pina Martins.

De acordo com o responsável, a queda atinge tanto o comércio de rua como dos centros comerciais. “As lojas de rua também têm sido muitíssimo afetadas. A quebra é ligeiramente menor, mas nada de grande relevo, uma vez que falamos de variações de 0,5% a 1%, ou seja, há semanas que estão com perdas acima dos 39%. Há problemas com senhorios, mas existe mais equilíbrio. Ainda assim, é uma preocupação que temos e está na nossa agenda”, indicou.

SXC

Segundo a Associação Portuguesa dos Centros Comerciais (APCC), citada pelo Diário de Notícias, a lei das rendas é discriminatória visto que dá uma vantagem competitiva aos lojistas dos centros comerciais face aos de rua, que não viram suspensas as rendas.

Ainda de acordo com o jornal, a intervenção do Estado na relação contratual entre centros comerciais e lojistas é contestada pelos fundos internacionais, que investiram em imobiliário comercial no país.

“Não deixa de ser caricato verificar que os fundos aleguem que não pode haver intervenções do Estado. É que o Estado interveio pelo menos cinco vezes antes desta lei”, notou Miguel Pina Martins.

“Gosto de pensar que tanto a Assembleia da República, como o governo e o presidente da República conseguem olhar com equilíbrio e de acordo com o interesse nacional para a situação, e que não são permeáveis à pressão que está a ser feita por parte dos fundos de investimento internacionais”, afirmou o responsável.

Para Miguel Pina Martins, “a nova lei das rendas é um passo da maior importância no curto prazo. É temporária e diz respeito a um período de crise nunca antes vivido. Ela vai salvar inúmeras empresas dos setores do retalho e restauração, assim como os mais de 375 mil postos de trabalho diretos e indiretos dos lojistas de centros comerciais e não vai levar nenhum centro à falência. E é falso que vai afastar investidores”, argumentou.

Os centros comerciais, continuou, “não podem deixar de fazer parte de uma solução de partilha de sacrifícios com os seus principais clientes “.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Netanyahu recusa-se a deixar residência oficial. Bennett não se quer mudar para lá (pelo menos, para já)

No domingo, o Parlamento de Israel aprovou o Governo de coligação do novo primeiro-ministro Naftali Bennett, mas Benjamin Netanyahu, que esteve no poder cerca de 12 anos, não parece disposto a entregar-lhe as chaves da …

Noah foi encontrado com vida

O pequeno Noah, de dois anos, foi encontrado com vida depois de ter estado desaparecido em Proença-a-Velha, concelho de Idanha-a-Nova, desde quarta-feira de manhã.  O menino de dois anos desaparecido em Proença-a-Velha foi encontrado com vida …

Hong Kong. Polícia detém responsáveis de jornal, acusados de conspiração

A polícia de Hong Kong deteve esta quinta-feira o chefe de redação e outros quatro responsáveis do jornal Apple Daily por alegado conluio com um país estrangeiro ou com elementos externos para pôr em perigo …

Dinamarca 1-2 Bélgica | Magia colectiva anula furacão nórdico

A Bélgica somou hoje o segundo triunfo no Euro2020 de futebol, ao bater a Dinamarca por 2-1, com reviravolta, em encontro da segunda jornada do Grupo B, e juntou-se à Itália nos oitavos de final. Em …

Tigre siberiano mata funcionário em parque de animais na África do Sul

Na quarta-feira, um tratador foi morto por um tigre siberiano num parque de vida selvagem na África do Sul, depois de o animal ter saltado uma cerca elétrica que havia sido desligada para conserto. Um funcionário …

Australiana que terá sido violada em Airbnb recebeu 7 milhões para ficar em silêncio

Uma australiana, que terá sido violada num apartamento do Airbnb em Nova Iorque, recebeu 7 milhões de dólares para ficar calada sobre o incidente. A reportagem da Bloomberg Businessweek revela que a australiana, de 29 anos, …

Super Ticão. Sete juízes juntam-se a Ivo Rosa e Carlos Alexandre

Os juízes Carlos Alexandre e Ivo Rosa vão deixar de ser os únicos juízes do Tribunal Central de Instrução Criminal (TCIC), que passa agora a contar com nove magistrados. O Conselho de Ministros aprovou, esta quinta-feira, …

Ryanair avança para tribunal contra o Governo britânico

A Ryanair e uma empresa dona de três aeroportos britânicos, a MAG, vão fazer queixa nos tribunais contra o sistema de "luzes" nas viagens. Esta quarta-feira à noite, a Ryanair e a maior operadora aeroportuária do …

Ventura concorre pelo Chega à Assembleia Municipal de Moura

André Ventura é o candidato do partido à Assembleia Municipal de Moura nas próximas eleições autárquicas, anunciou o próprio esta quinta-feira. O presidente do Chega, André Ventura, disse esta quinta-feira que vai ser o cabeça-de-lista do …

Texas vai permitir porte de armas em público sem ser necessária qualquer licença

O governador republicano do Texas assinou uma lei que permite o porte de armas em público, sem respetiva licença, a última de uma série de medidas que expandem este tipo de direitos nos estados conservadores …