Com a Lei de Bases da Habitação de PS, BE e PCP, entregar a casa ao banco vai ser a regra

(dr) Banco de Portugal

Carlos Costa, governador do Banco de Portugal

Se a nova Lei de Bases da Habitação vier a ser aprovada no formato que está a ser proposto pelo PS, PCP e BE, qualquer um poderá entregar a casa ao banco e extinguir o crédito à habitação.

Este desequilíbrio é criticado pelo Banco de Portugal num parecer enviado ao parlamento, onde o supervisor liderado por Carlos Costa manifesta “sérias preocupações” em relação à forma como a lei está a ser desenhada.

O parecer, citado pelo Jornal de Negócios, “num contexto de recessão económica, acompanhado de uma redução significativa do preço dos imóveis, poderá acarretar perdas muito significativas para o setor bancário, com implicações para a estabilidade financeira e com possível acentuação da fase recessiva do ciclo”, alerta o Banco de Portugal.

O problema, na ótica do Banco de Portugal, é que se não houver entraves a que as pessoas entreguem a casa e fiquem automaticamente livres da dívida, “poderá incentivar os mutuários a entregar o imóvel como forma de extinção do empréstimo, gerando um aumento deste tipo de execução de dívida, indo contra as lições da crise financeira”.

Isto poderá resultar num aumento da “exposição do sistema bancário ao setor imobiliário de forma involuntária e inesperada” e “um efetivo risco para a estabilidade do sistema financeiro”.

“[Os projetos] suscitam, para além de reservas do ponto de vista jurídico, sérias preocupações quanto ao impacto prudencial na atividade e resultados das instituições de crédito”, lê-se no parecer.

Segundo o Jornal de Negócios, que acrescenta que a Associação Portuguesa de Bancos (APB) manifestou uma posição semelhante à do Banco de Portugal, as duas instituições opõem-se, também, à fixação de limites máximos nas taxas de juro, por considerarem ser uma “violação, sem fundamento ou razão evidente, aos princípios da liberdade de empresa, autonomia da vontade, liberdade contratual e a livre concorrência”.

A Lei de Bases da Habitação está, neste momento, em processo legislativo e será aberto, em breve, um período para apresentação de propostas de alteração.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Mexia não vai deixar que chineses interfiram no plano estratégico da EDP

O presidente da EDP, António Mexia, garantiu que não vai deixar que nenhum acionista impeça o desenvolvimento do plano estratégico da empresa, deixando o aviso à China Three Gorges. Em entrevista concedida ao Jornal Económico, António …

Impostos indiretos subiram com Governo de Costa e são já 55% da carga fiscal

Os impostos indiretos têm vindo a aumentar em Portugal. Dados da Direção-Geral do Orçamento mostram que o peso da tributação indireta no total da receita fiscal do subsector Estado, em 2018, ascendeu a 55,4%, o …

Espanha pode ficar isenta de cumprir caudais do rio Tejo por causa da falta de chuva

Os caudais do Tejo podem ficar ainda mais baixos dentro de semanas. Com a falta de chuva, Espanha deverá invocar a exceção prevista na Convenção de Albufeira para não libertar os valores mínimos de água …

Haaland tem cinco namoradas e meio mundo atrás dele (mas pode seguir o caminho da Red Bull)

Apesar do interesse de grandes clubes do futebol mundial, Haaland pode seguir o trilho da Red Bull e transferir-se para do Salzburg para o Leipzig. O norueguês é uma das maiores jovens promessas da atualidade. Erling …

PSD pondera propor fim dos debates quinzenais e torná-los mensais

O PSD está a ponderar apresentar uma proposta para acabar com os debates quinzenais com o primeiro-ministro e torná-los mensais. A proposta passa também pela substituição de um desses "duelos" atuais por um debate temático …

Segunda vítima mortal nos protestos de Hong Kong. Xi Jinping condena manifestações

O quarto dia consecutivo de protestos ficou marcado pela morte de um homem de 70 anos. Esta é a segunda vítima mortal desde o início das manifestações em Hong Kong. De acordo com a imprensa internacional, …

Governo prepara dois novos escalões de IRS para a classe média

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira que o objetivo do Governo no próximo Orçamento é dar “um primeiro passo” para conferir uma maior progressividade no IRS e diminuir o peso deste imposto sobre os vencimentos da …

Dois procuradores do caso Tancos vão sair do DCIAP

Os procuradores Vítor Magalhães e João Valente, da equipa que investigou o caso Tancos, vão sair do Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) no âmbito do movimento de magistrados do Ministério Público (MP), …

Cerca de 40% dos hospitais têm ruturas diárias de medicamentos

Os preços "excessivamente baixos dos medicamentos genéricos" são a causa mais importante identificada pelos hospitais para as ruturas de fornecimento. Quase 40% dos hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) indicam ter diariamente ruturas no fornecimento …

Secretário de Estado: despenalizações como a que absolveu o Benfica vão terminar. "Será inapelável"

João Paulo Rebelo assegurou que a entrada em vigor da lei de combate à violência no desporto evitará situações como a que levou à recente anulação do castigo imposto ao Benfica. O secretário de Estado da …