Legislativas 2019: Jerónimo e Catarina abrem porta a Geringonça II (e Nuno Santos aprova)

António Cotrim / Lusa

Jerónimo de Sousa e Catarina Martins, lideres de PCP e Bloco de Esquerda, manifestaram neste domingo disponibilidade para viabilizar um Governo do PS, numa “geringonça II”. Um cenário que Pedro Nuno Santos, ministro e cabeça de lista do PS por Aveiro, admite.

“Nestas coisas não temos tabu, nem fazemos suspense”, arrancou Catarina Martins na sua declaração na noite eleitoral perante resultados de projecções que solidificam o Bloco de Esquerda como “a terceira força política nacional“, como vincou.

Uma declaração que antecedeu a ideia de que o Bloco está receptivo para viabilizar um Governo de estabilidade do PS, caso o partido não atinja a maioria absoluta. Catarina Martins frisou que o seu partido admite negociar “uma solução de estabilidade que assegure a reposição de rendimentos ao longo da legislatura”, ou para “negociações ano a ano” em sede de Orçamento de Estado.

O mesmo discurso teve Jerónimo de Sousa, embora de forma menos declarada. O PCP “contribuirá para a aprovação de medidas que considere positivas” e dará “combate a todas as medidas negativas”, frisou o líder do PCP, apresentando aquelas que serão as suas exigências para uma potencial “geringonça II”.

Como “objectivos imediatos”, Jerónimo traça a luta pelo aumento geral dos salários, a subida do Salário Mínimo Nacional para 850 euros, o aumento geral e real das pensões, creches gratuitas até aos três anos, direito à habitação, reforço do investimento no Serviço Nacional de Saúde e demais serviços públicos, 1% do Orçamento de Estado para a cultura e garantia da protecção do meio ambiente.

“Sem compromissos formais, caso haja uma força construtora contarão com a CDU, se for ao contrário, como está claro em várias matérias, contarão com a CDU para a oposição”, alertou Jerónimo.

Nuno Santos admite novo entendimento à esquerda

O cabeça de lista do PS por Aveiro, Pedro Nuno Santos, afirmou que os socialistas governaram “quatro anos sem maioria absoluta”, mas “com estabilidade” e admitiu a repetição deste cenário na próxima legislatura.

“Não há nenhuma razão para que isso não aconteça nos próximos quatro anos”, afirmou o também ministro das Infraestruturas e da Habitação aos jornalistas, no Hotel Altis, em Lisboa, onde a direcção socialista acompanha os resultados da noite eleitoral.

No entanto, Pedro Nuno Santos não quis confirmar eventuais acordos com os partidos à esquerda porque é preciso “esperar pelos resultados finais”. “Acho que estamos a pôr um bocadinho a carroça à frente dos bois“, salientou, frisando que é melhor “esperar que as projecções se confirmem” para as “ler com calma”.

“Isso não significa que nós não trabalhemos com os parceiros com quem trabalhamos nos últimos quatro anos”, prosseguiu.

As projecções dos resultados eleitorais divulgadas por RTP, SIC e TVI dão a vitória ao PS nas eleições legislativas, entre 34% e 40% dos votos.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Operação Rota do Cabo leva à detenção de 22 pessoas

A Procuradoria-geral Distrital de Lisboa (PGDL) anunciou hoje a detenção de 22 pessoas no âmbito a operação Rota do Cabo, efetuada para desmantelar uma alegada rede criminosa de auxílio à imigração ilegal. Em comunicado, a PGDL …

Garcia de Orta. Governo admite recorrer a pediatras do privado para assegurar urgência

O secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, disse que a falta de médicos pediatras nas urgências do hospital Garcia de Orta “é uma situação que não é possível resolver de um …

Cientistas descobrem um novo benefício de tomar chá

https://vimeo.com/366605754 Se já se sabia que beber chá era bom para a nossa saúde, uma nova investigação vem confirmar ainda mais essa ideia. Cientistas encontraram no chá um novo benefício para o nosso cérebro. Várias investigações apontam …

Governo da Escócia quer novo referendo sobre independência em 2020

A ministra principal da Escócia e líder do Partido Nacionalista Escocês (SNP), Nicola Sturgeon, afirmou esta terça-feira que quer um novo referendo sobre a independência em 2020 e abrir negociações com Londres até ao fim …

As bactérias contradizem Darwin: a mais apta não sobrevive

Uma recente investigação levada a cabo pela Universidade de Copenhaga, na Dinamarca, revela que, no que diz respeito às bactérias, a "sobrevivência das mais cooperativas" excede a "sobrevivência das mais fortes". As bactérias são capazes de …

A Via Láctea roubou minúsculas galáxias à sua vizinha

Utilizando dados obtidos pelo Telescópio Gaia, os cientistas chegaram à conclusão que a Via Láctea "sequestrou" galáxias da Grande Nuvem de Magalhães, uma outra galáxia que a orbita. No nosso Universo, a regra é orbitar: a …

Pode ter sido encontrada (e ignorada) vida em Marte em 1976, defende antigo cientista da NASA

O antigo cientista da agência espacial norte-americana Gilbert V. Levin afirma que foram encontradas evidências de vida em Marte na década de 70. No entender do especialista, deviam ter sido levado a cabo mais investigações …

Era marketing. Fortnite voltou (e está diferente)

Depois de 10 temporadas, um buraco negro engoliu a ilha na qual diariamente milhões de jogadores tentavam sobreviver, matando-se uns aos outros. Durante um dia e meio, ninguém podia jogar. O susto acabou esta terça-feira, …

Cientistas determinam o que diminui a fertilidade das mulheres com o avanço da idade

Investigadores da Universidade de Copenhaga mapearam alguns dos mecanismos que podem afetar a fertilidade das mulheres desde a adolescência até a menopausa. A fertilidade natural das mulheres flutua entre altos e baixos na forma de uma …

Dono do Paris Saint-Germain quer comprar o Leeds (e torná-lo no novo Manchester City)

A Qatar Sports Investments (QSI), empresa que é detida por Nasser Al Khelaifi, quer dar o salto para o mercado inglês e adquirir o Leeds United, emblema que milita atualmente no segundo escalão. Na semana em …