Vai nascer um lago artificial para homenagear as vítimas de Pedrogão

A Associação de Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande (AVIPG) e a Infraestruturas de Portugal assinaram, em 2019, um protocolo para a construção de um memorial.

De acordo com o Diário de Notícias, o concurso público foi lançado na semana passada pela IP – Infraestruturas de Portugal. O projeto é da autoria do arquiteto Eduardo Souto de Moura e terá um custo de 1,8 milhões de euros.

“No lugar que ardeu é preciso encontrar água, água de reserva, para futuros incêndios. A poesia pode vir a seguir”, foi assim que Souto de Moura descreveu o memorial de Pedrógão Grande ao diário, mas nem todos olham com bons olhos para o projeto.

Há pessoas que consideram o valor exagerado, principalmente tendo em conta o que ainda é preciso fazer na região, quase quatro anos depois dos incêndios que a devastaram. Há, por outro lado, quem defenda que a memória e homenagem é necessária.

Dina Duarte, presidente da Associação das Vítimas do Incêndio de Pedrógão Grande, disse que o arquiteto “aceitou fazer o projeto pro bono” e que o memorial foi “aprovado pelos familiares das vítimas, em assembleia geral”.

A empreitada prevê “a construção do memorial, os acessos rodoviários, que inclui uma zona de inversão de marcha para circulação proveniente de sul e renovação da paisagem marginal da EN [estrada nacional] 236-1”, afirmou fonte oficial da IP, em resposta à Lusa no dia em que o anúncio do concurso foi publicado em Diário da República, a 10 de fevereiro.

O DN avança ainda que serão também plantadas um conjunto de diferentes espécies arbóreas autóctones, na mesma estrada nacional onde morreu a maioria das vítimas.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Um país pobre vai gastar 1.8 milhões de euros neste elefante branco!? Quanto mais se irá gastar na conservação? Não há dinheiro para a educação e saúde mas para isto há? Não há dinheiro nem planeamento, limpezas florestais e etc mas para gastar o dinheiro do contribuinte em algo inútil já há? Estes socialistas enquanto não destruírem a independência do país e do povo não descansam…. porque não bastou as 3x o FMI ? Que activos o país vai dar aos credores? Que impostos serão aumenados ou criados para pagar a divida pública ou a dívida externa?

  2. Não houve dinheiro, ainda, para reconstruir todas as casas sinistradas e indemnizar todas as vítimas dos incêndios e pensa-se num memorial com este custo?!! Não seria preferível um memorial menos megalónomo e usar todo esse dinheiro para construir, naquelas aldeias mais expostas, (a uma futura, não muito longínqua tragédia) infraestruturas que permitam às suas populações enfrentarem, de algum modo, a fúria das chamas? Talvez tanques, no centro das aldeias, providos com mangueiras com dimensões adequadas porque ver as pessoas tentando apagar o fogo com pequenos baldes de água vai para além do que é razoável. Muitas pessoas salvaram-se por terem, nas suas propriedades, tanques onde se refugiaram! Agora a construção de um tanque, para inglês ver, com acessos que custam uma pipa de massa não lembra ao diabo! Que cada aldeia construa o seu próprio memorial para ser visitado pelos acessos já existentes. O melhor memorial seria tratar do ordenamento daquela floresta porque, da forma como a vegetação está a crescer, dentro de pouco tempo, teremos nova tragédia e o memorial de nada lhes valerá!

  3. A água está ali acumulada mas, quando chegar a hora de fazer falta nas aldeias, não haverá um número suficiente de bombeiros para a transportar e as populações daquelas aldeias ficarão, de novo, entregues a elas próprias. A água já existe ali ao lado, acumulada na barragem do Cabril, se a forem lá buscar. O problema para mim está em resolver-se primeiro o problema dos vivos e só depois pensarmos nos que, infelizmente, nenhum memorial ressuscitará! Vamos fazer o contrário do que defendeu o marquês: tratar dos vivos e depois pensarmos nos mortos. Parece-me que estes, também, ficarão mais satisfeitos assim. É muito dinheiro e num próximo peditório o povo português não irá ser tão generoso atendendo ao destino que foi dado ao dinheiro entregue à CM de Pedrogão!! Agora querem redimir-se com o memorial. Não, é preciso obra feita!

RESPONDER

EUA venderam álbum único dos Wu-Tang Clan (que pertencia a Martin Shkreli)

O álbum do grupo Wu-Tang Clan, confiscado em 2018 ao antigo gestor de fundos Martin Shkreli, também conhecido como "o empresário mais odiado do mundo", foi agora vendido pelo Governo norte-americano. Num comunicado divulgado esta terça-feira, …

Bezos ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA para entrar na corrida da próxima viagem à Lua

O empresário norte-americano ofereceu 1,7 mil milhões de euros à NASA numa tentativa de reacender a batalha espacial entre a sua empresa, a Blue Origin, e a do "rival" Elon Musk, a SpaceX. De acordo com …

Clientes com certificado digital válido impedidos de entrar em restaurantes

Estão a ser reportados vários casos de clientes que, ao apresentarem o certificado digital para poderem entrar num restaurante, não conseguem fazê-lo porque o documento está a ser considerado inválido pelos dispositivos eletrónicos. Segundo a rádio …

Covid-19 trouxe "paranoia" ao mercado

Diretor do Norwich City, da Premier League, acha que os responsáveis por alguns clubes não sabem bem o que estão a fazer nos últimos tempos. O Norwich City iria jogar contra o Coventry City, num encontro …

Israel cria "task force" para reverter boicote da Ben & Jerry's na Cisjordânia

Israel criou uma task force para pressionar a empresa de gelados norte-americana Ben & Jerry's e a sua proprietária, Unilever, a reverterem a decisão de boicotar a ocupação israelita na Cisjordânia. "Precisamos de aproveitar os 18 …

Violência armada. 430 mortos na última semana nos EUA e 2021 pode ser dos piores anos de sempre

Só na semana passada registaram-se cerca de 430 mortos e mais de 1000 feridos associados a tiroteios, num ano que está a ser marcado pelo aumento da violência armada nos Estados Unidos. O ano passado foi …

Principais indicadores da crise climática estão a atingir "ponto de inflexão", revela estudo

Um novo estudo sobre os sinais vitais do planeta revelou que muitos dos principais indicadores da crise climática estão a piorar e a aproximar-se ou ultrapassar os pontos de inflexão, à medida que as temperaturas …

Biden acusa a Rússia de tentar intervir nas eleições de 2022 para o Congresso

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, acusou na terça-feira o seu homólogo russo, Vladimir Putin, de tentar interferir nas eleições para o Congresso de 2022, espalhando "desinformação". "Veja o que a Rússia já está …

Polícias rejeitam proposta do MAI para o subsídio de risco e prometem novos protestos

Os sindicatos da PSP e as associações socioprofissionais da GNR rejeitaram, esta quarta-feira, a proposta apresentada pelo Governo para o subsídio de risco e prometem novos protestos até que seja atribuído "um valor justo". "Saímos completamente …

Desta vez, van Vleuten ganhou mesmo (aos 38 anos)

Ficou para trás o episódio caricato do último domingo. Annemiek van Vleuten é a nova campeã olímpica de ciclismo, contrarrelógio. Annemiek van Vleuten iria ficar ligada a um dos momentos mais insólitos, ou mesmo o mais …